ABERTURA DA UTI PEDIÁTRICA É PAUTA DE ENCONTRO ENVOLVENDO SECRETÁRIOS DE SAÚDE E VEREADORES.

santa casa

A Câmara Municipal de Vereadores vai ser palco de uma reunião temática voltada para a estruturação da UTI Pediátrica do Hospital de Santa Casa de Caridade nesta quarta-feira (26/07). O evento, envolvendo secretários municipais e vereadores dos 11 municípios que compõem a 10ª Coordenadoria Regional de Saúde (10ª CRS), avaliará uma proposta de consórcio para colocar em funcionamento a unidade pediátrica. Estão confirmados no evento, o Secretário Adjunto de Saúde, Francisco Zancan Paz; e Coordenadora Regional de Saúde, Heili Temp. A organização ainda aguarda a presença do Vice-governador do Estado, José Paulo Cairoli.
A UTI pediátrica de São Gabriel precisa de R$ 850 mil para aquisição de equipamentos e iniciar as atividades. Após finalizar esta primeira etapa, a unidade passará por um processo de credenciamento a 10ª Coordenadoria com o objetivo de oferecer serviço regionalizado.
A proposta de criação de um consórcio envolvendo os 11 municípios foi apresentada pelo Vereador Vagner Aloy – Maninho, do PSDB, e aprovada em sessão plenária com apoio de todos os parlamentares. O projeto envolve a disponibilização de recursos públicos, via Câmara de Vereadores, para o Hospital de Santa Casa de Caridade de São Gabriel. Na prática, a ideia é reunir valores de todos os Municípios que integram a região, com cada um destinando recursos de acordo com o seu coeficiente populacional.
Os municípios que pertencem a 10ª Coordenadoria Regional de Saúde são Alegrete, Barra do Quaraí, Itaqui, Maçambará, Manoel Viana, Quaraí, Rosário do Sul, Santa Margarida do Sul, Santana do Livramento, São Gabriel e Uruguaiana.

SÁBADO TEVE DIA DE MOBILIZAÇÃO CONTRA AS HEPATITES VIRAIS.

CAMPANHA 1

CAMPANHA HEPATITEA Secretaria Municipal de Saúde (SMS), através da Vigilância em Saúde, realizou, no sábado passado (22/07), o primeiro dia de mobilização total contra as hepatites virais. As atividades foram realizadas nas Unidades Básicas Brandão Júnior, Caic e Zona Oeste e ainda na Praça Dr. Fernando Abbott. De acordo a Coordenadora da Vigilância Epidemiológica, enfermeira Maria Edite Antoniazzi, foram realizados 388 testes rápidos de hepatites virais tipo B e C e 30 pessoas foram vacinadas contra hepatite B. Ainda foram desenvolvidas ações, no mesmo sábado, na festa dos carreteiros, na região de Vista Alegre.
A Campanha Julho Amarelo – que começou na semana passada, continua durante esta semana nas Unidades Básicas de Saúde, com a disponibilização de testes rápidos e vacinação, entre 8h e 12h e 13h30min e 17h30min.

CAMPANHA

Enquanto esperava os resultados dos testes rápidos, público recebeu orientações das equipes da Secretaria de Saúde na Praça Dr. Fernando Abbott

No próximo sábado, a Secretaria de Saúde realiza mais um dia de mobilização, com atividades nas UBS Bom Fim, Esplanada, Independência, Nosso Sonho, PAM e Santa Clara e, também, com unidade móvel na Praça Dr. Fernando Abbott. O atendimento ao público começa às 8h e continuará até às 17h.
A Secretaria de Saúde ainda desenvolverá trabalhos de conscientização dentro do Presídio Estadual através da Equipe de Saúde Prisional e, na sexta-feira (28/07), no Hospital de Santa Casa de Caridade. Conforme a enfermeira Gilvânia Quadros da Silva, responsável pelo Controle de infecções da Santa Casa, será montada uma tenda para disponibilizar testes rápidos para acompanhantes e pessoas que procuraram atendimento no PA 24h. Duas enfermeiras ficarão no local entre 8h e 16h, na área do estacionamento do Pronto Atendimento, para atender o público.
Em 2010, Organização Pan-Americana da Saúde instituiu que em 28 de julho seria comemorado o Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais. Inspirado nas campanhas Outubro Rosa e Novembro Azul, o Julho Amarelo quer conscientizar a população sobre a importância da prevenção, do diagnóstico e do tratamento das Hepatites Virais B e C.

SÃO GABRIEL REALIZA JOGO AMISTOSO EM BENEFÍCIO DA MENINA AISHA.

aisha

A Direção do Esporte Clube São Gabriel anunciou, no começo desta semana, a adesão do clube a campanha beneficente em prol da menina Aisha Saldanha de Souza, de 1 ano e 8 meses. E para auxiliar na arrecadação de recursos para aquisição do medicamento necessário para o tratamento dela, o clube gabrielense jogará amistosamente contra a equipe do Club Sport Marítimo, de Santa Maria, nas categorias sub-16 e sub-17.
Em nota, em uma rede social do clube, a direção informa que parte da arrecadação será destinada para a campanha da menina Aisha. Os jogos serão realizados no próximo domingo (30/07), a partir das 13h45min. Um ingresso – de R$ 5,00 – dará direito ao torcedor assistir as duas partidas.

OUTROS EVENTOS
Uma caminhada de alerta para a importância de a comunidade se unir e participar da campanha e para chamar atenção de outras cidades para as dificuldades enfrentadas pela família de Aisha, será realizada no dia 3 de agosto em São Gabriel. Hoje, a campanha e todas as ações beneficentes atingiram pouco mais de 5% do valor necessário para o tratamento da menina.
A proposta é reunir mais de 10 mil pessoas com camisetas brancas, cartazes de apoio a campanha e protestos contra a burocracia que impede a liberação do Spinraza (Nusinersen), já aprovado pelo órgão de controle de medicamentos dos Estados Unidos, mas que ainda não tem autorização da ANVISA no Brasil.
A caminhada começa às 18h30min, na Praça Carlos Pereira (na antiga Viação Férrea). Os organizadores estão pedindo que cada participante doe R$ 1,00 para a campanha.
No domingo (30/07), o GATE realiza a 8ª edição do campeonato de tiro esportivo, a partir das 10 horas, no Ginásio Plácido de Castro. O evento também será realizado em apoio a campanha.
No mesmo dia, a partir das 15 horas, será realizada a super volta do Tiaraju, prova de mountain bike, denominada “Pedalando com a Aisha”. A largada acontecerá na Praça Dr. Fernando Abbott. O valor das inscrições será doado para o tratamento da menina.
No sábado (05/08), acontece mais uma penha solidária. O evento tem como atração o Grupo Canto e Cordeona e será realizado no CTG Tarumã. O valor do jantar é R$ 25,00 e do baile R$ 10,00.
No domingo (06/08), a administração do Mix Pub, na Rua General Mallet, realiza um torneio de sinuca. As inscrições custarão R$ 30,00 e toda a arrecadação será destinada para o tratamento de Aisha.

SOBRE A AME
Aisha foi diagnosticada com Atrofia Muscular Espinhal (AME) Tipo 1. Ela está internada em Santa Maria há mais de 1 ano. A permanência dela na UTI Pediátrica do Hospital de Caridade Dr. Astrogildo de Azevedo é por tempo indeterminado, já que ela depende de máquinas, tanto para respirar como para se alimentar.
Calcula-se que a doença, nos diversos níveis de gravidade, atinja uma a cada 10 mil pessoas. No país, por exemplo, seriam 300 novos casos ao ano, sendo 60% desses do tipo 1, explica a professora associada de Neuropediatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Alexandra Prufer Araujo.

 

 

SÁBADO É DIA DE MOBILIZAÇÃO CONTRA AS HEPATITES VIRAIS.

hepatite

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS), através da Vigilância em Saúde (setores de Vigilância Sanitária e Epidemiológica e dos Programas de Imunizações e IST, Aids e Hepatites Virais), realiza neste sábado ações inseridas na Campanha Nacional de Luta contra as Hepatites Virais. As atividades fazem parte do Julho Amarelo e acontecem a partir das 8h (até às 17h) nas Unidades Básicas de Saúde Brandão Júnior, Caic e Zona Oeste. Também terão equipes da Secretaria de Saúde com uma unidade móvel na Praça Dr. Fernando Abbott. Serão realizados testes rápidos de hepatites virais tipo B e C, vacinação de hepatite B e orientações sobre hepatites virais nas Unidades.
Nova mobilização acontecerá no sábado (29/07), com atividades nas UBS Bom Fim, Esplanada, Independência, Nosso Sonho, PAM e Santa Clara e, também, com unidade móvel na Praça Dr. Fernando Abbott. O horário será o mesmo, entre 8h e 17h.
Durante a semana, a campanha continua em todas as Unidades Básicas, até o dia 31 de julho, sempre das 8h às 12h e das 13h30min às 17h30min.

PROJETO DE LEI PIONEIRO NO ESTADO BUSCA ATENDER NECESSIDADES DOS ALUNOS SURDOS.

ALUNOS SURDOS

O Município de São Gabriel será pioneiro, no interior do Estado, em instituir políticas públicas que garantam acesso de pessoas surdas ao sistema municipal de educação. Um projeto de lei, de autoria do Vereador Vagner Aloy (Maninho), do PSDB, foi aprovado na Câmara de Vereadores e determina que a Secretaria de Educação do Município dê condições de acesso à comunicação, à informação e à educação nas atividades e modalidades de ensino.
De acordo com o vereador, hoje, a Rede Municipal não tem condições de oferecer um ensino de qualidade para o aluno com deficiência auditiva porque não tem um número de professores que seja “suficiente” para atender os alunos de forma integral e para que possam interagir com estudantes surdos.
A proposta dele é promover cursos de formação de professores para atuarem no ensino e uso da Língua Brasileira de Sinais (Llibras).
O projeto ainda estabelece, como obrigatória, a oferta do ensino de libras, desde a educação infantil, e, também da língua portuguesa como segundo língua para os alunos surdos.
Embora, hoje, a Rede Municipal tenha alunos surdos em salas de aula, segundo o vereador, eles ainda continuam excluídos das atividades, mesmo que de forma indireta, “pois os professores não estão preparados para interagir com estes estudantes. Como não ouvem e não falam, eles acabam excluídos das atividades e acabam não evoluindo. A diferença do aluno surdo para os outros (com outras deficiências), é que ele não consegue se expressar, falar, gritar ou pedir ajuda”, explica o vereador, ao justificar a importância do projeto.
A Secretaria Municipal de Educação (SEME) deverá garantir ainda atendimento as necessidades educacionais de alunos surdos, desde a educação infantil, nas salas de aula e, também, em salas de recursos, em turno contrário ao de escolarização.

SECRETÁRIOS DE SAÚDE E VEREADORES ESTUDAM PROPOSTA DE CONSÓRCIO PARA CONCRETIZAÇÃO DA UTI PEDIÁTRICA.

maninho em reunião com Goes

Consórcio da Saúde foi idealizado pelo Vereador Vagner Aloy e será discutido em reunião na próxima quarta-feira

São Gabriel vai sediar, na próxima quarta-feira (26/07), na Câmara Municipal de Vereadores, uma das mais importantes reuniões do ano. Com a temática voltada para a estruturação da UTI Pediátrica do Hospital de Santa Casa de Caridade, secretários municipais e vereadores dos 11 municípios que compõem a 10ª Coordenadoria Regional de Saúde (10ª CRS) colocarão na mesa uma proposta de apoio a instituição hospitalar do Município.
O evento ainda terá a presença do Secretário Adjunto de Saúde, Francisco Zancan Paz; da Coordenadora Regional de Saúde, Heili Temp; e do Vice-governador do Estado, José Paulo Cairoli. Este último ainda não confirmou a presença.
A UTI pediátrica de São Gabriel precisa de R$ 850 mil para aquisição de equipamentos e iniciar as atividades. Após finalizar esta primeira etapa, a unidade passará por um processo de credenciada a 10ª Coordenadoria com o objetivo de oferecer serviço regionalizado.
A proposta de criação de um consórcio envolvendo os 11 municípios foi apresentada pelo Vereador Vagner Aloy – Maninho, do PSDB, e aprovada em sessão plenária com apoio de todos os parlamentares.
Na última quarta-feira (19/07), o vereador participou de uma reunião no Instituto Gamma de Assessoria à Órgãos Públicos (IGAM), em Porto Alegre, onde buscou subsídios para embasar um projeto envolvendo a disponibilização de recursos públicos, via Câmara de Vereadores, para o Hospital de Santa Casa de Caridade de São Gabriel. Na prática, a idéia é reunir valores de todos os Municípios que integram a região, com cada um destinando recursos de acordo com o seu coeficiente populacional.
Desta forma, quanto menor a população (de acordo com o IBGE), menor será o montante a ser destinado para o projeto. A soma – de todos os repasses – terá que chegar a R$ 850 mil.
Na tarde desta quinta-feira (20/07), uma nova reunião aconteceu na Provedoria da Santa Casa de Caridade. O projeto foi apresentado ao Provedor Marcos Góes e equipe técnica do hospital.
O Secretário Municipal de Saúde, médico Ricardo Lannes Coirolo, participou da parte final do encontro e confirmou o interesse da Prefeitura de São Gabriel em apoiar o hospital com a destinação de recursos para o pagamento de equipe que trabalhará na UTI Pediátrica.
Os municípios que pertencem a 10ª Coordenadoria Regional de Saúde são Alegrete, Barra do Quaraí, Itaqui, Maçambará, Manoel Viana, Quaraí, Rosário do Sul, Santa Margarida do Sul, Santana do Livramento, São Gabriel e Uruguaiana.

reunião na Câmara

Reunião contou com a participação do Secretário de Saúde, médico Ricardo Lannes

ENTENDA COMO VAI FUNCIONAR
O Presidente da Câmara de Vereadores de São Gabriel, Vereador Claudiomiro Borges, do PR, anunciou, no começou do ano, que o Poder Legislativo iria promover uma série de alterações no forma de funcionamento da Casa e ainda aplicar medidas de contenção de gastos. A meta é economizar e devolver dinheiro para a Prefeitura, tendo como objetivo destinar valores para algumas instituições.
O Consórcio, idealizado pelo Vereador Vagner Aloy – Maninho, do PSDB, tem como base esse fator de economia implantado pela Câmara de Vereadores. A proposta é devolver parte do duodécimo à Prefeitura, que por sua vez destinará o montante para o Hospital de Santa Casa de Caridade.
A proposta será apresentada aos Secretários Municipais dos 11 municípios e aos representantes dos Poderes Legislativos. Cada um deles deverá contribuir com valor proporcional ao número de habitantes, com o dinheiro sendo repassado pelas Câmaras Municipais para as Prefeituras.

COIROLO PARTICIPA DE REUNIÃO QUE DEFINE O FUTURO DA SANTA CASA DE URUGUAIANA.

reunião coirolo 3

ricardo em reunião 2

Ricardo Coirolo com o secretário João Gabbardo dos Reis

O Secretário de Saúde de São Gabriel, médico Ricardo Lannes Coirolo, participou de uma reunião no Hospital da Santa Casa de Caridade de Uruguaiana na tarde desta quinta-feira (20/07). O evento – organizado pela administração do hospital – tratou da liberação de uma linha de crédito no valor de R$ 44 milhões para a instituição hospitalar.
Hoje, o hospital é indicado para serviços de alta complexidade nas especialidades de Cardiologia, Neurologia e Oncologia e atende os Municípios da 10ª Coordenadoria Regional de Saúde (10ª CRS).

A instituição vem enfrentando dificuldades e por isso está recebendo “apoio” do Governo Federal. O Secretário de Saúde do Estado, João Gabbardo dos Reis, confirmou que o motivo da reunião na cidade foi tratar de perto as questões que chegaram até a Secretaria Estadual, como falhas no atendimento prestado aos pacientes de outras cidades.
Segundo o Secretário de Saúde de São Gabriel, hoje, em média, 15 pacientes são encaminhados de São Gabriel para Uruguaiana para tratamento nas três especialidades.
“A reunião foi positiva. Chegamos em Uruguaiana com a ideia de que retirássemos todas as referências, principalmente referente a cardiologia e neurologia. Inclusive, essa já tinha sido uma decisão do Coordenador da 10ª CRS. No entanto, optamos por dar mais um voto de confiança a nova gestão que a Santa Casa de Uruguaiana nos apresentou”, comentou Coirolo.

Ainda, segundo ele, será criado um comitê para avaliar e acompanhar os avanços no processo de reestruturação da Santa Casa e, esse grupo avaliador, terá um prazo de 60 apresentar um diagnóstico. “Em 30 dias, faremos uma nova reunião em Uruguaiana para discutirmos esse primeiro mês e, depois, após os 60 dias, um novo encontro será realizado em Porto Alegre, onde então analisaremos os resultados da nova gestão e decidiremos se continuamos ou não mantendo os serviços de referência em Uruguaiana”, explica.

O comitê é formado pelo Secretário de Saúde São Gabriel, médico Ricardo Lannes Coirolo, a Coordenadora da 10ª CRS e mais três secretários municipais (de Santana do Livramento, Quaraí e Alegrete).

O anúncio do apoio federal aconteceu ainda no mês de março, quando o Ministro da Saúde, Ricardo Barros, informou o valor em uma reunião com prefeitos de cidades da Fronteira Oeste. De acordo com o ministro da Saúde, a liberação do recurso para ajudar a sanar as dificuldades financeiras da instituição, foram possibilitadas por meio de uma negociação com o governo federal.Segundo Barros, a Caixa Econômica Federal exige uma reestruturação administrativa que possa compatibilizar os custos e os gastos da unidade de saúde, para que o pagamento possa ser assegurado.

O evento ainda teve a participação do Vice-governador do Estado, José Paulo Cairoli, do Deputado Estadual Frederico Antunes, de prefeitos, gestores municipais da saúde e a comissão de médicos do Hospital.

  • OUÇA A RÁDIO CULTURA