HORTA COMUNITÁRIA VAI BENEFICIAR MORADORES DO BAIRRO POMARES.

A Secretaria de Agricultura iniciou na última terça-feira (03/03), na zona leste da cidade, os trabalhos para implantação do Projeto Horta Comunitária no Bairro Pomares. De acordo com o secretário de Agricultura, Ladislê Teixeira, equipes da Secretaria fizeram o roçado e agora estão preparando o solo para o plantio. “Vamos disponibilizar para a conclusão da horta o apoio técnico com nosso engenheiro agrônomo e técnico agrícola e ainda vamos fazer a doação das sementes para o plantio”.

A comunidade do Bairro Pomares vai ser a primeira a ser beneficiada com o Projeto Horta Comunitária. As atividades terão a parceria de moradores da região, que ficarão responsáveis por plantar, cuidar e colher os alimentos produzidos no local. O governo municipal projeta estender o benefício para, pelo menos, 90 famílias inseridas em critérios de baixa renda. De acordo com o secretário de Agricultura, a proposta tem dois objetivos: “o primeiro é de subsistência. Os alimentos serão distribuídos, uma vez por semana, para os moradores do bairro. O segundo prevê a criação de uma associação, com a produção sendo comercializada na feira do produtor. Toda a arrecadação será destinada para investimentos na estrutura da comunidade”, explicou.
A horta comunitária será implantada em uma área de três hectares cedida pela Prefeitura Municipal. “A proposta vai precisar do apoio de toda a comunidade, mas é importante esclarecer: independente de participar ou não dos trabalhos, todos os moradores terão direito ao que for produzido na horta comunitária”, finalizou.

EVANDRO FOI O TERCEIRO GABRIELENSE ASSASSINADO ESTE ANO.

EVANDRO

A morte de Evandro Santos Mesquita, de 39 anos, em Uruguaiana, na manhã de terça-feira (03/03), foi o terceira a chocar a comunidade de São Gabriel este ano. Diferente dos dois primeiros crimes (ocorridos aqui no Município), o assassinato envolvendo Mesquita aconteceu distante da terra natal. Ele foi morto a tiros por um homem e a suspeita recai sobre um vizinho que reside em frente a sua moradia, na quadra 24, no Loteamento João Paulo II. Um homem foi morto por volta de 7 horas quando ia para o trabalho. Ele ainda teria pedido socorro para a esposa, mas acabou morrendo a caminho do Hospital de Santa Casa de Caridade.Evandro foi sepultado na manhã desta quarta-feira (04/03), no Cemitério da Santa Casa de em São Gabriel.

cauzzo

FEDERAÇÃO APELA PARA QUE GOVERNO PAGUE AS SANTAS CASAS.

A Frente Parlamentar de Apoio às Santas Casas de Misericórdia, Hospitais e Entidades Filantrópicas na Área da Saúde, realizou nesta quarta-feira (04), audiência pública na Assembleia Legislativa para tratar da situação dos hospitais filantrópicos gaúchos. Representantes de entidades e do governo estiveram presentes no encontro que lotou o auditório Dante Barone.
Para o presidente da Federação das Santas Casas e Hospitais Beneficentes, Religiosos e Filantrópicos do RS, Julio Dornelles de Matos, a situação merece uma melhor atenção. “Nós estamos apelando para o governo do Estado, especialmente à área econômica e ao governador Sartori, para que de alguma forma se enfrente isso com a seriedade e dimensão que o assunto requer. Os prestadores de serviços não sabem nem quanto nem quando vão receber, o que torna impossível qualquer tipo de planejamento”, comentou.
​A entidade reivindica a destinação de mais R$ 40 milhões por mês pelo governo do Estado para que a Secretaria Estadual de Saúde mantenha os contratos firmados com os hospitais nos mesmos patamares de 2014 e o pagamento imediato de R$ 25 milhões, relativos ao cofinanciamento do sistema do mês de janeiro deste ano.
O deputado Adão Villaverde (PT) sintetizou a necessidade de que o governo acene com algum tipo de solução ou de negociação para a crise. “Há muitos anos todos sabemos da gravidade da crise financeira estrutural, mas governar é fazer escolhas e definir prioridades”, disse.
Pela bancada do PT também estiveram presentes os deputados Edegar Pretto, Jeferson Fernandes, Altemir Tortelli e Tarcísio Zimmermann, que falou em nome da Comissão de Saúde da Assembleia.

COMISSÃO DE SAÚDE
Na parte da manhã, a Comissão de Saúde e Meio Ambiente, realizou a primeira reunião de trabalho do grupo de parlamentares. Na ocasião, também foram ouvidos os representantes da Federação das Santas Casas e o presidente da Federação dos Empregados em Estabelecimentos de Saúde do Estado (FEESSERS), Milton Kempfer.
O representante dos trabalhadores relatou a difícil situação dos profissionais da saúde. Ele salientou os avanços nos últimos quatro anos, mas afirmou que a categoria está apreensiva. “No ano passado tivemos reajustes acima da inflação e agora os trabalhadores não podem pagar a conta de uma visão política que não prioriza a saúde. Se as dívidas existem, não foram os trabalhadores nem a população que fizeram”, disse Kempfer.
O presidente da Comissão de Saúde e Meio Ambiente, Valdeci de Oliveira (PT), afirmou que a instância legislativa está aberta para acolher as demandas da sociedade e contribuir na construção de soluções conjuntas. “A comissão é uma caixa de ressonância da sociedade. Vamos fazer o possível para encontrar uma solução para o problema dos hospitais filantrópicos e continuar avançando na área da saúde”, afirmou no final do encontro.
O deputado Tarcísio Zimmermann (PT) ressaltou que “a situação dos hospitais filantrópicos é inadmissível como norma de gestão” e que a incerteza em relação aos pagamentos é o pior aspecto do problema. Ele disse, ainda, que o governo Tarso multiplicou por dez os valores repassados a estas instituições. “Saltamos de R$ 140 milhões para R$ 1,4 bilhão só para o custeio”, comparou.

STAR CLUBE (GRANDE)

SOLUCIONADO, CASO “JOHN LENNON” AINDA AGUARDA A PRISÃO DE DOIS ENVOLVIDOS.

YURI CONTINUA FORAGIDO

YURI CONTINUA FORAGIDO

Solucionado desde o dia (13/02), com a prisão de Cleyme Eloi Guimarães de Almeida, de 23 anos, vulgo Lala, o caso “John Lennon” ainda tem dois acusados de envolvimento no crime ainda foragidos. Um deles é menor de idade. O outro é Yuri Prestes Pereira, de 24 anos. Ele residia próximo a residência onde John Lennon foi assassinado no dia 09 de fevereiro. Dois menores – de 15 e 16 anos – foram encaminhados na semana do crime para a Fundação de Atendimento Socioeducativo (FASE) de Santa Maria.

A morte de John Lennon é resultado de um conflito envolvendo dois grupos de jovens delinquentes que residem na zona norte da cidade. Seguindo o crime – passo a passo – é possível concluir que as disputas de força não ficavam limitadas apenas as brigas ou discussões. Os confrontos foram se agravando e, na virada do ano, as agressões, que resultaram na morte de Maicon Vasconcelos Mendes, de 19 anos, no dia 1º de janeiro, viraram um estopim da violência.

Um mês e nove dias depois, a morte de John Lennon trouxe à tona um conflito que colocou os órgãos de Segurança Pública em estado de alerta.

John Lennon teria sido morto – conforme afirmou o pai de um dos menores envolvidos – porque se negou a matar Alex Sandro (Leco) em vingança pelo assassinato de Maicon. Neste caso, John Lennon acabou sendo morto de forma cruel, com 49 facadas e depois arrastado – da casa onde foi morto – até o local onde Maicon havia sido encontrado agonizando. A escolha do local pode ser considerada também como um recado para o grupo rival.

O foragido, Yuri Prestes Pereira, tem um histórico de envolvimento em situações criminosas. Em agosto de 2014, ele foi detido em flagrante por equipes da Polícia Civil e Brigada Militar num esquema de tráfico de drogas que envolvia jovens e adolescentes. Pelo menos seis pessoas foram identificadas pela investigação numa operação realizada nos bairros São Clemente e São Gregório.

Na época, os policiais prenderam Yuri em flagrante e, junto com ele, um jovem de 18 anos. Também foram detidos mais dois homens e dois menores – um com apenas 13 anos. Yuri tinha, na casa dele, um saco plástico com 32 pedras de crack.

Pois o acusado não ficou muito tempo na cadeia. Acabou sendo liberado e – neste período – se envolveu em vários confrontos entre os chamados “bondis”. O resultado: foi a morte de John Lennon.

E olha que Yuri já tinha história anterior. Em 2011, ele foi apontado como um dos responsáveis por um esquema de compras ilegais com a utilização de cartões e senhas de clientes de uma loja de materiais de construção. Ele era ex-funcionário de uma empresa conveniada ao Programa Construcard (da Caixa Econômica Federal). Yuri teria efetuado, em uma semana, várias compras em diversos pontos comerciais conveniados. O golpe atingiu três clientes da CEF, com um prejuízo superior a R$ 11 mil. Outras três pessoas participaram do esquema.

O ESQUEMA DE FURTO > Os esquema era simples. A CEF fornecia para os clientes um número de protocolo com dados do cartão e senha. Isso acontece quando o cliente quer antecipar as compras, mas ainda não tem o cartão em mãos. O golpe só acontecia porque os clientes forneciam os dados, que deveriam ser mantidos em sigilo. É importante destacar que a senha deve ser digitada pelo seu titular. Neste caso, o dono da conta repassava a senha sem necessidade, dando “munição” para o bandido.

ÚLTIMOS DIAS DE INSCRIÇÃO PARA CHAMADA POR NOTA DO ENEM NA UNIPAMPA.

A Universidade Federal do Pampa (Unipampa) tem disponíveis 810 vagas para a Chamada por Nota do Enem, cujas inscrições encerram nesta quarta-feira, 4. Esta fase é destinada a todos os interessados que tenham realizado o Enem 2014, sem necessidade de que tenham participado do Sistema de Seleção Unificada (Sisu).
Das 3.120 vagas disponibilizadas em 2015 para o Processo Seletivo Sisu/Enem de ingresso aos cursos de graduação da Unipampa, nas duas primeiras etapas previstas no Edital nº 11/2015 (Chamada Regular Sisu e Lista de Espera Sisu), 2.310 vagas foram preenchidas, totalizando 74% das vagas ocupadas. Para a terceira etapa do Processo Seletivo – Chamada por Nota do Enem, restam apenas 26% do total de vagas ofertadas em 2015.
As inscrições para a Chamada por Nota do Enem iniciaram em 28 de fevereiro e se encerram em 4 de março. As inscrições são realizadas, exclusivamente, por meio eletrônico, pelo sistema de Gestão Unificada de Recursos Institucionais (Guri), no endereço https://guri.unipampa.edu.br. A matrícula dos selecionados desta etapa será realizada no Campus de oferta do curso no qual o candidato obteve a vaga, no dia 6 de março, às 9h.
O número de vagas remanescentes em cada curso e turno para a seleção por Chamada por Nota do Enem está disponível no portal da Universidade (http://www.unipampa.edu.br/) e na página do Processo Seletivo Unipampa 2015 (http://www.unipampa.edu.br/sisu/).

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 2.647 outros seguidores