SECRETARIA DA SAÚDE CONFIRMA QUATRO MORTES POR H1N1 EM SÃO GABRIEL.

Entre os cuidados estão: higienização das mãos e o uso de lenços descartáveis...

Saúde divulga cuidados que devem ser feitos diariamente. Entre os cuidados estão: higienização das mãos e o uso de lenços descartáveis…

A Secretaria Municipal da Saúde de São Gabriel confirmou nesta quarta-feira (25/05) a morte de quatro pessoas por H1N1 este ano. As vítimas são um homem, de 71 anos, e três mulheres, de 31, 51 e 68 anos. As quatro estavam internadas no Hospital de Santa Casa de Caridade da cidade. As mortes aconteceram entre 8 e 19 de maio.
O boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde informa que o Rio Grande do Sul já registrou 68 mortes por H1N1 e uma morte por H2N3, incluindo as contabilizadas em São Gabriel. Os exames são realizados pelo LACEN (laboratório central do Ministério da Saúde), localizado em Porto Alegre. A última atualização aconteceu no dia 21 de maio.
De acordo com o secretário municipal da Saúde, Daniel Ferrony, é importante detectar os sintomas e procurar o atendimento especializado com antecedência. “A Secretaria da Saúde tem focado muito no cuidado. As pessoas gripadas tem que ter cuidado na hora de espirrar, não compartilhar talheres… evitar aglomeração e se tiver dores no corpo e febre, deve procurar imediatamente a Unidade Básica de Saúde. Temos médicos atendendo diariamente”, explicou.
O que precisa ser observado: dores na garganta ou pelo corpo, principalmente nas articulações, e sintomas gripais acompanhados de febre (acima de 38 graus).
A Secretaria Municipal da Saúde está distribuindo panfletos que mostram as diferenças entre resfriado e gripe. Conforme o setor, saber diferenciar uma doença da outra é importante para saber qual o tratamento procurar.

CONFIRA:
RESFRIADO – febre rara (baixa a moderada), tosse seca, dor de garganta frequente, dor no corpo (rara e leve), dor de cabeça (rara e leve), dor articular nas juntas (ausente e rara), nariz com secreção transparente, amarelada ou esverdeada e congestão (entupido), o paciente sente-se pouco doente. Os sintomas duram entre 3 e 5 dias (pode durar até 10 dias, principalmente a tosse).

GRIPE (influenza H1N1) – febre alta, acima de 38ºC (pior nos três primeiros dias, podendo durar até uma semana); tosse seca, dor de garganta frequente, dor no corpo frequente e moderada, dor de cabeça frequente e moderada, dor articular nas juntas frequente, nariz com secreção transparente, amarelada ou esverdeada e congestão (entupido), o paciente sente muito doente. Os sintomas duram entre três e 10 dias (pode durar até duas semanas e a sensação de cansaço pode durar mais).

Evite procurar uma Unidade de Saúde quando estiver apenas com resfriado. Evite emergências superlotadas.

Algumas medidas simples podem reduzir os riscos. Como a transmissão do vírus H1N1 ocorre de pessoa para pessoa, principalmente por meio da tosse, espirro, mãos contaminadas e pelas secreções respiratórias de pessoas infectadas, a prevenção é importante. Entre as medidas que devem ser tomadas estão:
 Vacinação;
 Higiene das mãos com frequência;
 Utilizar lenços descartáveis para a higiene nasal;
 Ao espirrar ou tossir, não contamine suas mãos. Use um lenço descartável ou o braço;
 Não compartilhe objetos de uso pessoal como copos, talheres e pratos;
 Mantenha os ambientes bem ventilados;
 Evite os locais com aglomerações de pessoas;
 Usa roupas adequadas à temperatura ambiente;
 Tome bastante água e tenha uma alimentação saudável;
 Evite o estresse, a ansiedade e dormir pouco. Assim como ingerir bebidas alcoólicas ou usar drogas, pois enfraquecem o sistema imunológico.

POLÍCIA APREENDE ARMAS E UMA MOTO EM OPERAÇÃO CONTRA O ABIGEATO.

IMG-20160523-WA0017

A Polícia Civil apreendeu duas armas e uma motocicleta durante uma operação de combate ao abigeato na região de Cerro do Ouro, interior de São Gabriel.  A ação aconteceu na tarde de segunda-feira  (23/05). De acordo com os policiais, denúncias apontaram uma série de furtos de gado naquela localidade, sempre envolvendo o sumido de animais com o uso de uma moto como transporte.

Um homem, conhecido pelo apelido de Bugio, foi identificado como proprietário da motocicleta. Ele alegou que negociou o veículo com uma pessoa que não sabe identificar. Para piorar, não informou valores e nem a provável procedência de moto.

O veículo foi trazido para a cidade, mas ainda não foi possível confirmar a quem pertence pois teve as numeracões raspadas e também não possui placas. Na mesma casa foram aprendidos um revólver calibre 38 e uma espingarda 22.

CIDADANIA: EM MEIO AOS PROTESTOS, ALUNOS TENTAM AUXILIAR NA LIMPEZA E PINTURA DA ESCOLA.

WhatsApp-Image-20160524 (6)

Um grupo de alunos ocupou parte da Escola Dr. Fernando Abbott na segunda-feira (23/05). O movimento – liderado por estudantes do Ensino Médio – cobra investimentos na educação pública e melhor qualidade para a merenda escolar. Uma semana antes, estudantes da Escola José Sampaio Marques Luz também ocuparam a área interna da instituição cobrando a liberação de recursos para a reconstrução de parte do telhado danificada durante um temporal em 2014. Duas salas estão interditadas desde então. A comunidade escolar alega que não há segurança.
Os alunos da Escola Dr. Fernando Abbott chegaram a iniciar na segunda-feira um trabalho de limpeza e pintura da escola. A atividade social, que faz parte de um manual de ocupação das escolas, não pode ter continuidade porque a direção da instituição não permitiu.
A ocupação da escola é simbólica, pois os alunos participam de atos públicos e permanecem na parte de fora do prédio em apoio aos professores grevistas. O movimento tem apoio do Cpers Sindicato, que ainda forneceu alimentos para os estudantes que integram as ações. “Colocamos todo o material no refeitório da escola, mas não foi possível nos alimentar. A diretora alegou que não poderíamos usar o refeitório”, disse a aluna Cláudia Soutto.

taxi floriano matéria

ALUNOS PARTICIPAM DE PROTESTO NO CENTRO DE SÃO GABRIEL EM APOIO A GREVE DO MAGISTÉRIO.

PROTESTOS NA PRAÇA

Um protesto de professores do Estado parou parcialmente o trânsito do centro de São Gabriel na manhã desta terça-feira (24/05). A mobilização, organizada pelo 41º Núcleo do Cpers Sindicato, com apoio de alunos das Escolas Dr. Fernando Abbott, João Pedro Nunes, Marques Luz, Pery Gonçalves e XV de Novembro, iniciou na frente da sede do Sindicato e seguiu em caminhada até a Praça Central da cidade. Os manifestantes ainda fizeram uma parada em frente à Prefeitura Municipal, onde cantaram o Hino Riograndense.
Aos gritos de “o professor é nosso amigo, mexeu com ele, mexeu comigo”, estudantes distribuiram panfletos e pediram apoio à comunidade de São Gabriel. Por mais de uma hora, cerca de 300 alunos – acompanhados de professores grevistas e dirigentes do Cpers – permaneceram na Praça Dr. Fernando Abbott. O ato foi encerrado com uma nova caminhada que terminou em frente a sede do Sindicato.
Munidos de faixas e cartazes, os manifestantes entoaram gritos de ordem e pararam a Rua Duque de Caxias, seguindo pela Coronel João Manoel e passando pelo Calçadão da cidade. O objetivo da manifestaçãoé chamar a atenção da sociedade para o momento crítico que a educação do Rio Grande do Sul está enfrentando.
Os educadores acreditam que a adesão dos alunos deu força e visibilidade à greve e que este é um bom momento para reivindicar investimento público nas escolas.

ESTADO
Em São Sepé, em apoio as manifestações do país e do Estado, a Escola Estadual de Educação Básica Francisco Brochado da Rocha, foi ocupada pelos alunos na manhã desta hoje. De acordo com os alunos organizadores do ato, cerca de 50 estudantes ocupam a escola. No local, eles promovem movimentações artísticas e culturais. O ato tem apoio da direção e dos professores.
Os alunos reivindicam melhores condições da estrutura do escola, maior verba para a merenda e aumento no salário dos professores. Os organizadores pretendem fazer outras manifestações chamando toda a comunidade escolar de São Sepé.
Há escolas ocupadas em Santa Maria, Caçapava do Sul, Cruz Alta, Jaguari.

PSC DEFINE SUA POLÍTICA DE ALIANÇAS.

A Comissão Executiva do Partido Social Cristão de São Gabriel realizou encontro no domingo (22/05), ocasião em que deliberou sobre sua política de alianças e coligações para as eleições municipais deste ano. A Executiva, junto com alguns pré-candidatos ao Legislativo que estavam presentes, aprovou indicativo favorável a coligação proporcional com partidos que atualmente não tem assento na Câmara, como PV, PSD, PMDB – São Gabriel – RS, PRB, PEN e outros que se dispuserem ao diálogo. O presidente Miro Alves lançou o nome do médico Luiz Cristiano Maciel Cardoso como proposta da sigla para compor uma eventual chapa majoritária. “O PSC é um partido que defende a família e a vida humana como prioridade, e nossa política de alianças sempre vai levar isso em conta”, assinalou.

PREFEITURA ENTREGA OFICIALMENTE OBRA DE PAVIMENTAÇÃO ASFÁLTICA NO BAIRRO INDEPENDÊNCIA DURANTE DESCENTRALIZAÇÃO.

A temperatura amena na tarde de domingo (22/05) contribuiu para o sucesso de mais uma edição do processo de descentralização de governo da Prefeitura Municipal de São Gabriel. A mobilização aconteceu no Bairro Independência. As atividades foram centralizadas em uma das quadras da Rua Ceará, onde o prefeito Roque Montagner, junto com secretários e representantes da comunidade, entregou oficialmente a obra de pavimentação asfáltica concluída ainda no primeiro trimestre deste ano. O trecho compreendido entre as ruas Paraná e Tiradentes teve investimento de quase R$ 450 mil, sendo mais de R$ 150 mil de contrapartida por parte da Prefeitura Municipal. Outros R$ 270 mil foram conquistados através de uma emenda parlamentar do deputado federal Marco Maia.
Além da entrega da pavimentação asfáltica, o Governo Municipal disponibilizou serviços como verificação de pressão arterial, testes rápidos de HIV, Sífilis, Hepatite, serviços com profissionais médicos e de enfermagem, orientações, música e lazer; orientações Jurídicas, divórcios, pensão alimentícia, encaminhamento de certidões de nascimento, certidão de óbito, CadÚnico-Bolsa Família, atividades com fisioterapeutas, avaliação odontológica. Ainda foram realizadas ações culturais e eventos artísticos. Destaque para a participação de um grupo de teatro e apresentação das bandas da Escola Municipal João Goulart e do Serviço de Convivência CAAS (da Secretaria de Desenvolvimento Social, Cidadania e Direitos Humanos).

  • PÁGINA NO FACEBOOK

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 2.677 outros seguidores