SÃO GABRIEL RECEBE CARAVANA DA PRODUTIVIDADE.

A Caravana da Produtividade, projeto encabeçado pela Merial, em parceria com DSM Tortuga, Dow, JBS, VW e Simcro para impulsionar a produtividade das cadeias produtivas da pecuária de corte e de leite, está em São Gabriel desde ontem. No primeiro dia, na Agropecuária Serrana e, hoje, na Líder Tratores. A iniciativa reúne as principais empresas do setor pecuário para levar conhecimento e capacitação técnica para pecuaristas e revendas agropecuárias. Uma das novidades a serem apresentadas aos produtores de São Gabriel e região são os aplicadores de medicamentos da Simcro, empresa da Nova Zelândia, líder mundial no fornecimento de dispositivos de aplicação de medicamentos para a indústria veterinária, que iniciou recentemente a atuação no varejo brasileiro.
Os pecuaristas e profissionais de revendas visitados pela Caravana da Produtividade terão contato com pistolas, seringas, aplicadores tópicos, orais e injetáveis que contribuem para uma aplicação mais segura e efetiva dos medicamentos.
“Justamente no momento em que a Simcro começa a atuar diretamente no varejo veterinário brasileiro oferecendo produtos com alta tecnologia para aplicação de medicamentos, enxergamos na Caravana da Produtividade uma grande oportunidade para apresentar nossa tecnologia aos pecuaristas com modernos aplicadores, que são práticos, seguros e precisos e que contribuem com a eficiência do manejo sanitário, o bem-estar animal e a segurança e conforto de quem aplica o medicamento”, destaca o médico veterinário Luciano Lobo, gerente para a América Latina da Simcro.
O lançamento oficial da atuação da Simcro no Brasil foi durante a Expointer, em Esteio (RS) e a Caravana da Produtividade dará a oportunidade de pecuaristas e revendas terem contato com esses modernos instrumentos, desenvolvidos com material altamente resistente e, ao mesmo tempo, leve, semelhante ao utilizado pela indústria automotiva nos consoles de automóveis. Além da leveza e design ergonômico, os aplicadores Simcro contam com diferenciais, como a seringa Accurus, que possui uma ponteira que faz a prega subcutânea para garantir uma correta aplicação do medicamento, auxiliando a aplicação do medicamento no local correto e minimizando eventuais riscos de reações locais que podem comprometer a carcaça dos animais. Outra novidade que a Simcro traz para o Brasil são as seringas de fluxo contínuo, que tornam o manejo sanitário mais eficiente e econômico, na medida em que a pessoa que está aplicando o produto veterinário pode ter as doses recarregadas na seringa de forma automática até o final, diminuindo riscos de quebra ou contaminação do frasco do produto, ganhando tempo na recarga de doses.
Para o diretor da Área de Negócios de Grandes Animais da Merial Saúde Animal, empresa idealizadora do projeto, Pedro Bacco, o movimento da união de empresas do setor vai ajudar a resolver muitos problemas no campo decorrentes da falta de informação, como o uso correto de medicamentos por categorias animais e orientações sobre o uso correto de pistolas e novidades tecnológicas desses produtos, contribuição a ser dada pela Simcro que traz um conceito novo ao produtor.
“A Caravana da Produtividade foi concebida para impulsionar o desenvolvimento da pecuária a partir da troca de informações técnicas entre os criadores e as equipes das empresas parceiras da iniciativa. Nosso papel vai muito além do fornecimento de produtos e soluções. Precisamos estar mais presentes no campo, ao lado dos pecuaristas, oferecendo conhecimento inovador e assistência técnica de qualidade, contribuindo para alavancar a produtividade e, consequentemente, o resultado econômico das cadeias produtivas de carne e de leite”, destaca Bacco.
Na Região Sul, a Caravana da Produtividade passará a partir de 19 de setembro no Rio Grande do Sul pelas cidades de Alegrete, São Borja, Santiago, Santa Maria, São Gabriel, Cachoeira do Sul, Bagé, Pelotas e Porto Alegre. Em Santa Catarina, o giro começa a partir de 17 de outubro e passa por Lages e São Joaquim; no Paraná inicia em 21 de outubro por Ponta Grossa, passando por Guarapuava, Nova Laranjeiras, Cascavel, Umuarama, Araruna, Campo Mourão, Paranavaí, Maringá, Astorga, Ortigueira, Ibaiti, Joaquim Távora, finalizando em Ribeirão Claro, no dia 1º de dezembro.

Sobre a Caravana da Produtividade
A Merial Saúde Animal, DSM Tortuga, Dow AgroSciences, JBS e Volkswagen, cinco empresas líderes em suas áreas de atuação, juntam-se para realizar uma ação inédita e inovadora, que objetiva contribuir para impulsionar a produtividade das cadeias produtivas da pecuária de corte e de leite. Na região Sul, a iniciativa terá a participação da Simcro.
A Caravana da Produtividade 2016 terá cinco unidades móveis simultaneamente, compostas por técnicos das empresas participantes em pick- ups VW Amarok, que visitarão 136 cidades em 19 estados, rodando 72 mil km e cobrindo regiões que concentram 80% do rebanho bovino brasileiro. A interação com os produtores é outro diferencial do projeto. Serão realizadas 480 visitas técnicas a pecuaristas e a 200 revendas agropecuárias.
São cinco equipes de técnicos das empresas parceiras em visitas a fazendas e revendas agropecuárias de todas as regiões do país, promovendo palestras, dias de campo e encontros com pecuaristas. O tema principal é a gestão integrada da cadeia produtiva de corte e de leite, com foco no aumento da produtividade.
Neste ano, o objetivo é impactar diretamente mais de 5,5 mil pecuaristas, donos de mais de 200 mil cabeças de gado (corte e leite). São criadores de todos os perfis, incluindo pequenos e médios, que carecem de novas tecnologias em saúde, nutrição, genética e gerenciamento para produzir mais e melhor.

TIAGO BATTAGLIN

SECRETÁRIO DA SEGURANÇA ESTUDA NOVAS MEDIDAS PARA COMBATER O CRIME.

PORTO ALEGRE, RS, BRASIL 26.09.2016: Gravação do programa Governo em Rede, da Rádio Web Piratini, tendo como entrevistado, secretário estadual da Segurança Pública, Cezar Schirmer. Foto: Alex Rocha/Palácio Piratini

Gravação do programa Governo em Rede, da Rádio Web Piratini, tendo como entrevistado, secretário estadual da Segurança Pública, Cezar Schirmer. Foto: Alex Rocha/Palácio Piratini

Em três semanas à frente da Secretaria da Segurança Pública (SSP), o secretário Cezar Schirmer tem percorrido instituições do Estado e ouvido especialistas em busca de parcerias e soluções para o enfrentamento da criminalidade. Sistema integrado de metas, reforço da Força Nacional e cercamento das cidades com câmeras de vigilância são algumas das novas medidas que estão sendo estudadas. Parte delas, surgiu de encontro no Rio de Janeiro com o secretário da Segurança Pública, José Mariano Beltrame, no último dia 19, onde Schirmer elencou 20 iniciativas que podem ser adotadas no Rio Grande do Sul.
Em entrevista ao programa Governo em Rede da Rádio Web Piratini, nesta quarta-feira (28), o secretário falou sobre a missão que recebeu do governador José Ivo Sartori: chamar os aprovados em concurso, aumentar o efetivo policial nas ruas e desafogar o sistema prisional. “Estou me dedicando a essas tarefas como urgentes, mas sem deixar de lado outras questões relevantes”, ressaltou.

Reforço no policiamento

As medidas estão em andamento. O Diário Oficial já chamou para exames de saúde cerca de 1,2 mil aprovados no concurso para soldado da Brigada Militar. Outros 700 servidores serão chamados em breve, totalizando 1,9 mil. Um enxugamento da estrutura da própria SSP permitiu que mais policiais fossem deslocados para investigação e policiamento, as diretorias foram reduzidas de 10 para cinco e 34 divisões foram transformadas em 20 unidades, permitindo que 64 policiais civis e militares voltassem às unidades de origem.

Impasse em presídios

Na área prisional, o governo do Estado está acelerando processos burocráticos para solucionar alguns impasses. Em Guaíba, a prisão está 75% concluída e há um esforço para que as obras sejam finalizadas. Em Canoas, a penitenciária está praticamente pronta, faltando algumas ações no seu entorno para entrar em funcionamento. Erguida com a ajuda da comunidade, a Penitenciária Feminina de Lajeado também está sendo priorizada para entrar em atividade.
Apesar das dificuldades, Schirmer garante que está focado em mudar a realidade da área. “Todos sabemos o que tem de ser feito. O que vamos fazer é dar ritmo, dar velocidade às ações que devem ser feitas. Logo vamos vislumbrar outra realidade na segurança pública do Rio Grande do Sul”, assegurou.

BM APREENDE 16 MUDAS DE MACONHA EM SÃO SEPÉ.

 

maconhaA Brigada Militar apreendeu 16 mudas de maconha em São Sepé. Elas estavam plantadas em garrafas, escondidas em um terreno, no meio da grama alta. As informações são da Rádio Gaúcha.
Conforme a Brigada Militar, os policiais receberam, na tarde deste domingo (25), uma denúncia de que havia 16 recipientes com plantas semelhantes à droga no terreno. Ao chegarem no local, encontraram o material. A droga foi apreendida. Não foi encontrado o possível dono das mudas.

SERVIDORES DO ESTADO VÃO RECEBER SALÁRIOS PARCELADOS PELO 8º MÊS SEGUIDO.

Governador José Ivo Sartori (foto:  Carlos Zoch)

Governador José Ivo Sartori (foto: Carlos Zoch)

O Estado ainda define de quanto será a primeira parcela a ser depositada nas contas dos servidores. No entanto, a partir da avaliação do caixa nesta segunda-feira (26), a expectativa é de que no dia 30 sejam pagos R$ 800. Há a possibilidade de outros R$ 400 até o final da tarde. Já a quitação completa deve ocorrer até o final da primeira quinzena, após o aporte de recursos de ICMS provenientes do comércio, telecomunicações, combustíveis e energia elétrica. As informações são da Rádio Gaúcha.
Esse é o oitavo mês consecutivo em que os servidores irão receber os salários parcelados. O Piratini admite que a situação deve ser mantida, pelo menos, até o final de 2016. Até o momento, também não há indicação de que haverá recursos para o pagamento do 13º salário.
Ontem, o governador José Ivo Sartori participou de um evento no Palácio Piratini para a regulamentação do Código Estadual do Meio Ambiente. Ao final, ele não parou para falar com a imprensa. Ainda assim, questionado sobre o parcelamento e decisões judiciais contrárias ao Estado, demonstrou contrariedade e não parou para responder. Uma repórter chegou a ser empurrada por um assessor.

acas bm

ELEIÇÕES 2016: ELEITORES NÃO PODEM SER PRESO A PARTIR DE HOJE.

O Código Eleitoral não permite que os eleitores brasileiros possam ser presos ou detidos a partir de hoje. Isso só não vale para casos em flagrante ou para cumprimento de sentença criminal. A regra, que entrou em vigor em 1965, de acordo com a Justiça Eleitoral, serve para garantir a liberdade do voto. No próximo domingo (02/09), mais de 144 milhões de eleitores vão às urnas para eleger vereadores e prefeitos. A regra vale até 48 horas após o encerramento do pleito. Em São Gabriel, o Cartório Eleitoral informou o registro de 47.085 eleitores.
Na prática, mandados de prisão não devem ser cumpridos pela Polícia Federal, principalmente na Operação Lava Jato, até a semana que vem, para evitar nulidades nos processos criminais. A regra foi inserida na legislação eleitoral em 1932, com o objetivo de anular a influência dos coronéis da época, que tentavam intimidar o eleitorado. Atualmente, juristas questionam a impossibilidade das prisões, mas a questão nunca foi levada ao Supremo Tribunal Federal (STF).
A proibição está no Artigo 236, do Código Eleitoral, e o texto diz: “Nenhuma autoridade poderá, desde 5 (cinco) dias antes e até 48 (quarenta e oito) horas depois do encerramento da eleição, prender ou deter qualquer eleitor, salvo em flagrante delito ou em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável, ou, ainda, por desrespeito a salvo-conduto.”