MORADORES “OCUPAM” PROPRIEDADE E COBRAM EXPROPRIAÇÃO PARA LOTEAMENTO DE CERCA DE 500 FAMÍLIAS.

moradores

Um movimento, formando por moradores de São Gabriel, lançou na manhã de segunda-feira (26/09) um processo de luta pela moradia popular. A maioria das pessoas que esteve presente, ontem, em uma propriedade na zona oeste da cidade (entre os bairros Vivenda e Minuano) questionou o fato de os herdeiros proprietários da área terem uma das maiores dívidas de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). As informações foram repassadas pelo integrante do Movimento Nacional de Luta Pela Moradia (MNLM), Guilherme Rodrigues, que passa a criar uma representação em São Gabriel.
De acordo com o material divulgado pelos representantes do Movimento, o valor do débito é superior a R$ 600 mil e, em vídeo divulgado por eles, o narrador cita que, um dos herdeiros, tem uma dívida individual que chega a quase R$ 2 milhões.
Cerca de 30 famílias participaram do protesto com faixas e cartazes. O material acabou sendo fixado e deixado no local como forma de divulgação do movimento.
A proposta do Movimento é pressionar o Governo Municipal para que transforme a área em loteamento, beneficiando, conforme análise preliminar, cerca de 500 famílias.

VEJA O VÍDEO FEITO NO MOMENTO DO PROTESTO

SAIBA MAIS
O Movimento Nacional de Luta Pela Moradia (MNLM) tem a proposta de buscar acabar com o déficit habitacional, através do estímulo à organização e articulação nacional dos movimentos de luta pela moradia, desenvolvidos por sem-tetos, inquilinos, mutuários e ocupantes, unificando suas lutas pela conquista da moradia e o direito fundamental à cidade. O debate da reforma urbana compreende não apenas a questão da casa, mas todo o seu contexto: educação, saúde, economia, trabalho, comunicação, meio ambiente, mobilidade urbana e relações humanas. O movimento está organizado em 14 estados (Pará, Acre, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo, Pernambuco, Sergipe, Bahia, Rio de Janeiro, Tocantins, Paraná, Paraíba, Rio Grande do Sul) e no Distrito Federal.

“NOS BRAÇOS DA MADRUGADA” VENCE A 23ª EDIÇÃO DA ESTÂNCIA DA CANÇÃO GAÚCHA.

capa-estancia

Uma melodia, escrita por Edilberto Teixeira e musicalizada por André Teixeira, foi a grande campeã da 23ª edição da Estância da Canção Gaúcha de São Gabriel. O anúncio da música vencedora do festival deste ano aconteceu já na madrugada de segunda-feira (26/09), depois da apresentação das 16 músicas classificadas para a noite de gravação do CD da Estância e das performances de Volmir Martins, no show de abertura, e de Jean Kirchoff, na atração de intervalo. O cantor gabrielense André Teixeira também interpretou a composição e ainda conquistou o prêmio de “Melhor Indumentária”.
A música mais popular, que é consagrada pela pelo público, foi “Galopeando”. Realmente foi uma das que mais teve a participação do público. A composição tem assinatura Lisandro Amaral e Edilberto Bérgamo. Em segundo lugar, ficou “Alçado”, com letra de Matheus Neves e Hugo Pedroso e ainda música de Robledo Martins. Na terceira posição ficou “Encanto”, de Volmir Coelho.
Foi uma noite de muitas emoções. A Estancinha – criada com o objetivo de incentivar a promover novos valores musicais – levou ao palco duas meninas com vozes potentes. Dividida em duas modalidades, a Estancinha premiou Amanda Miranda Lauxen, na categoria Piá, e Ana Laura Cornel, na categoria Mirim.
O show de Volmir Martins, conhecido por incluir em suas apresentações versos de improviso feitos com a participação da platéia, abriu a noite final do Festival.
O frio intenso reduziu o número de pessoas na noite de encerramento. A Comissão Organizadora acredita que o fato de a maioria das pessoas trabalhar na segunda-feira também possa ter influenciado na diminuição da platéia para a noite de gravação do CD.
Mesmo com a temperatura baixa, o galpão principal do Parque Tradicionalista Rincão das Carretas ficou quente com a apresentação de Jean Kirchoff no show de intervalo. Ele ainda contou as participações da sua esposa, Analise Severo, e de Luciano Rodrigues.
A premiação dos melhores da 23ª edição da Estância da Canção Gaúcha só começou depois da meia noite. O público era pequeno. Mas permaneceu até a entrega do último troféu, do de Campeão do Festival, já passado da 1 hora da madrugada.

CONFIRA A RELAÇÃO COMPLETA
1º Lugar – Nos Braços da Madrugada
2º Lugar – Encanto
3º Lugar – Alçado
Música Mais Popular: Galopeando
Melhor Poesia: Volmir Coelho com a música Encanto
Melhor Melodia: Fabrício Hardem com a música Assim Será
Melhor Instrumentista: Acordeonista Mauro Silva
Melhor Intérprete: Cristiano Fantinel
Melhor Conjunto Instrumental: Alçado
Melhor Arranjo: Ao Apontar do Dedo
Melhor Tema Campeiro: Vilando Loca
Melhor Indumentária: André Teixeira
Prêmio Revelação: Marcelo Balssadua da música Encanto
Troféu Patrimônio Cultural: Alex Silveira
Troféu Amadrinhador: Marina Arce
Estancinha Piá: Amanda Miranda
Estancinha Mirim: Ana Laura Cornel

PREFEITURA ASSINA CONTRATOS CEDENDO SALAS PARA IMPLANTAÇÃO DE NOVOS EMPREENDIMENTOS.

empreendedores

O prefeito de São Gabriel, Roque Montagner, assinou na manhã de quarta-feira (21/09) os convênios que garantem a continuidade de um projeto de incentivo a formação de novos empreendedores na área comercial e industrial da cidade. Trata-se da manutenção do Projeto Aprender para Empreender, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Indústria e Comércio em parceria com o Sebrae-RS, em execução no Município desde o primeiro semestre deste ano.
Estão sendo beneficiados oito empreendedores que aplicaram conhecimentos adquiridos com o Projeto na formação de pequenas empresas nas áreas de panificação, serigrafia, fabricação de produtos de arte e decoraão, costura e produtos alimentícios.
Foram assinados contratos com as microempresas: Rosa Elaine Rodrigues, Ateliê de Costura Rosacler, Lilian Vidal da Silva, Art Serigrafia Vidal, Alícia Margot Olivera Alvarez, Delícias Divinas, Maria da Graça Moreira Pólvora, Q Graça e Correa e Yur Produtos Alimentícios Ltda, este último, também dentro do Programa Municipal de Apoio ao Empreendedor, mas localizado no prédio do Mercado Público.
O contrato prevê, como incentivo do Município, a disponibilização de diversas salas dentro do prédio do Antigo Lar das Meninas, denominado de Centro de Formação e Qualificação Profissional (CFQP). Já a contrapartida das empresas beneficiadas pelo Programa Municipal de Apoio ao Empreendedorismo se dará através de cada associado, ao ministrar dentro de sua área de conhecimento, cursos para as pessoas que ainda não possuem qualificação, onde, neste caso, a Prefeitura fornecerá o material respectivo para cada curso e cada associado deverá adaptar a estrutura das salas para a instalação da produção e venda de produtos, que ficará como benfeitoria no CFQP).
A única empresa fora do CFGP é a Correa e Yur Produtos Alimentícios Ltda, que funciona, hoje, no Mercado Público, tendo como contrapartida a obrigação de gerar um número “X” de empregos.

ALUNOS DE ESCOLA DO CAMPO SE DESTACAM EM EVENTOS ESPORTIVO REALIZADO NA SOGIPA.

Cerca de mil e 100 crianças e adolescentes participaram no sábado (17/09) do Torneio Escolar de Atletismo na sede da Sogipa, em Porto Alegre. Os estudantes competiram nas categorias de salto em distância, salto em altura, corrida de velocidade e arremesso de peso.
Organizado pela Sogipa e pelo Rotary Club de Porto Alegre-São João, o torneio teve a participação de 61 escolas e entidades — da Região Metropolitana e de cidades do interior do Estado. De acordo com o presidente do Rotary, Jaime Gründler Sobrinho, escolas públicas estavam carentes em praticar esse tipo de atividade, por isto, o clube aceitou o desafio de realizar a atividade, cuja organização levou seis meses.
Antes das competições, alunos desfilaram pela pista de atletismo com as bandeiras de suas escolas e entidades. Houve apresentação de ginástica artística do grupo da sociedade da Sogipa, e apresentação musical da banda da Brigada Militar.
A Escola Baltazar Teixeira da Silveira, localizada no interior de São Gabriel, participou do evento com três alunos competindo em três modalidades. Os estudantes Marlon Godoi, Elenize e Geancarlo superaram as espectativas e conquistaram resultados expressivos.De acordo com a diretora do educandário, professora Maria Lenir, a participação foi exitosa graças ao apoio da Secretaria Municipal de Educação (SEME), que cedeu um veículo para transportar os atletas; a família, tanto dela, quanto dos alunos; e ainda a integração do grupo estudantil e educacional que possibilitou que instituições do Campo, nos últimos anos, também pudesse se destacar no esporte em pé de igualdade com as escolas da cidade.
O estudante Marlon disputou a prova de 1000 metros contra 86 atletas de 15 a 15 anos e conquistou a 18ª colocação na classificação geral e 6ª posição na sua bateria.
A menina Elenize, de 12 anos, ficou em 6º lugar na prova de salto em distância saltando 3 metros e 79 centímetros. Ela participou da prova contra 53 atletas. A aluna ainda se destacou na corrida de 60 metros rasos contra mais de 100 competidores de 12 a 13 anos, ficando em 12º lugar.
O aluno Geancarlo obteve as melhores colocações. O mais novo do trio, Gean conquistou o primeiro lugar nos 50 metros rasos contra mais de 100 estudantes e o segundo lugar, geral, na prova de salto em distância, com mais de 40 alunos inscritos.
“Os feitos são fruto de força de vontade, garra e união. Todos mostramos que vale a pena ir atrás dos sonhos, mostrar que mesmo na adversidade conseguimos alcançar a vitória”, finalizou a diretora.

DIA “D” DE MOBILIZAÇÃO DA CAMPANHA DE MULTIVACINAÇÃO É NESTE SÁBADO.

vacina-gripe

O ‘Dia D’, dia de mobilização da Campanha Nacional de Multivacinação para crianças e adolescentes, é neste sábado (24). A orientação da Secretaria da Saúde (SES) é para os municípios manterem as unidades básicas de saúde, cerca de 2 mil, abertas extraordinariamente. Os horários de funcionamento ficam a cargo dos gestores locais e podem variar de uma cidade para outra. Neste ano, além das crianças menores de cinco anos, também serão alvo da estratégia as crianças e adolescentes entre 9 e 15 anos.
Em São Gabriel, seis Unidades ficaram abertas. São as que possuem salas de vacina: Zona Oeste, Bairro Independência, Caic, Bom Fim, Nosso Sonho e Posto Central.
O objetivo da campanha é revisar e atualizar as cadernetas de vacinação. No Rio Grande do Sul, são mais de 1,6 milhão de crianças e jovens nessa faixa etária, e todos devem comparecer aos postos, para que se identifique quais doses estão em atraso ou devem ter o esquema iniciado. Serão disponibilizadas vacinas do calendário da criança e do adolescente, como tuberculose, rotavírus, sarampo, rubéola, coqueluche, caxumba, HPV, entre outras.
Essa revisão é importante, pois somente com todas as doses as vacinas podem garantir a máxima eficácia de proteção contra as doenças. Como a imunização será seletiva apenas para quem está com alguma dose pendente, não se trabalha com meta de cobertura para essa campanha.
O Ministério da Saúde promoveu neste ano alterações nos esquemas de quatro vacinas: poliomielite, HPV, meningocócica C (conjugada) e pneumocócica 10 valente. O Calendário Nacional de Vacinação tem alterações rotineiras e periódicas em função de mudança na situação epidemiológica, nas indicações das vacinas ou na incorporação de novas vacinas.

AS MUDANÇAS DESTE ANO

Poliomielite
O esquema vacinal contra a poliomielite passou a ser de três doses da vacina injetável, VIP aos 2, 4 e 6 meses, e mais duas doses de reforço com a vacina oral, em gotinha, VOP. Até 2015, o esquema era de duas injetáveis (VIP) e três orais (VOP). A mudança está de acordo com a orientação da Organização Mundial de Saúde (OMS) e como parte do processo de erradicação mundial da pólio. Vale ressaltar que essa substituição não prejudica a proteção das crianças, que já ficam imunizadas com as três doses injetáveis.
HPV
O esquema vacinal passou de três para duas doses, com intervalo de seis meses entre elas. Os estudos recentes mostram que o esquema com duas doses apresenta uma resposta de anticorpos em meninas saudáveis de 9 a 14 anos não inferior quando comparada com a resposta imune de mulheres de 15 a 25 anos que receberam três doses. As mulheres vivendo com HIV entre 9 a 26 anos devem continuar recebendo o esquema de três doses.
Meningocócica
O reforço, que anteriormente era administrado aos 15 meses, passou a ser administrado aos 12 meses, preferencialmente, podendo ser feito até os 4 anos. As primeiras doses da meningocócica continuam sendo realizadas aos 3 e 5 meses.
Pneumocócica
Redução de uma dose na vacina pneumocócica 10 valente. Passou a ser administrada em duas doses, aos 2 e 4 meses, com um reforço preferencialmente aos 12 meses, que pode ser recebido até os 4 anos. Essa recomendação também foi tomada em virtude dos estudos mostrarem que o esquema de duas doses mais um reforço têm a mesma efetividade do esquema três doses mais um reforço.

ORGANIZAÇÃO DIVULGA ORDEM DE APRESENTAÇÃO DAS MÚSICAS DA 23ª ESTÂNCIA.

logo-estancia

Começa na noite desta sexta-feira (23/09), a 23ª edição da Estância da Canção Gaúcha de São Gabriel. O festival, considerado um dos maiores do Rio Grande do Sul, acontece até domingo (25/09) no Parque Tradicionalista Rincão das Carretas, na zona sul da cidade. De acordo com a Comissão Organizadora, 473 composições foram avaliadas pelos jurados durante o processo de triagem, mas apenas 29 foram classificadas para as apresentações nos dois dias classificatórias para a grande final, no domingo, quando será anunciada a grande campeão e os nomes dos principais interpretes, compositores e instrumentistas.

Foram classificadas 14 músicas para Fase Interna, com apresentação na noite desta sexta-feira. Já a Fase Geral terá 14 músicas na noite de sábado. Também estão incluídas na disputa do festival as campeãs do “Joãozinho da Ponte” e do “Canto da Terra”. Este ano, como não foi realizado o festival “Canto Circulista”, foi aberta uma vaga a mais para seleção. A organização do evento divulgou nesta quinta-feira a ordem de apresentação nas noite de sexta e sábado (confira no final do texto).
A 23ª Estância da Canção Gaúcha é uma realização da Prefeitura Municipal através da Secretaria de Turismo, Desporto, Cultura e Lazer (SETUR) com o apoio da Coordenadoria Tradicionalista Municipal (CTM). A Estância deste ano tem como atrações, na abertura, na sexta-feira, a dupla César Oliveira e Rogério Melo; no sábado, Leonel Gomes; e, no domingo, às 20 horas, na abertura, show de Volmir Martins e de intervalo, apresentação de Jean kirchoff.
Desenvolvido com o objetivo de divulgar, através da poesia e da música, os valores da cultura gaúcha, o festival busca valorizar o homem e a mulher, a lida do campo, personagens da história do Rio Grande do Sul, retratando a importância para a literatura e para a sustentação do folclore do Sul do Brasil; resgatar as peculiaridades musicais e poéticas da região da pampa; e, acima de tudo, promover São Gabriel em suas potencialidades turísticas, tradicionais e culturais.
O festival dará R$ 6 mil para os primeiros três colocados (R$ 3 mil para o campeão; R$ 2 mil para o segundo colocado; e R$ 1 mil para o terceiro) e troféus do 1º ao 3º lugares e ainda para a Música Mais Popular, Melhor Poesia, Melhor Melodia, Melhor Instrumentista, Melhor Intérprete, Melhor Conjunto Instrumental, Melhor Arranjo, Melhor Tema Campeiro, Melhor Indumentária e Prêmio Revelação. Todas as músicas classificadas para a final do festival estarão automaticamente inseridas no CD da 23ª Estância.

FASE INTERNA
PRIMEIRA NOITE (SEXTA-FEIRA – 23/09)
01 Música: Retrato de Lida e Pampa
Mario Lucas, Dalvan Medina e Diego Vivian

02 Música: Medos e Penas
Jorge Leal e Aroldo Torres, Carlos D. Leal

03 Música: Rodeio de Coró
Osleno Batista, Rogério Mello

04 Aprendiz
Letra: Norton Willian Vieira França
Música: Daner Marinho

05 Música: No amanhecer no Uruguai
Música / Letra: Herlon Saquetto / Glauco Lemos

06 Música: Peões Carreteiros
Letra / Música: Leandro A. de Lima

07 Música: POR ONDE O VERSO ANDOU
Autor da música: Zumar Benites
Autor da letra: Rômulo Chaves

08 Música: Meu canto da terra
Ulysses Jobim e Ivonir Leher

09 Música: De como se faz o Rio Grande
Evandro Marques, Leandro Tatsch

10 Música: PRA JUDIAR DA SOLIDÃO
Autor da música: Luciano Rodrigues
Autor da letra: Sérgio Sodré

11 Música: Quando a saudade se faz milonga
Mario Lucas, Diego Camargo

12 Música: ASSIM SERÁ
Autor da música: Fabrício Harden
Autor da letra: Fernando Soares e Gujo Teixeira

13 Música: Meu rancho felicidade
Douglas Custódio, Diego Camargo

14 Música: Um potro se faz cavalo
Osvaldo Vieira, Guga Marques e Carlos Leal

15 Música: Atalhos
Música / Letra: Osmar Proença e Luis Felipe Cornel

FASE GERAL
SEGUNDA NOITE (SÁBADO – 24/09)
01 Música: NOS BRAÇOS DA MADRUGADA
Autor da música: André Teixeira
Autor da letra: Edilberto Teixeira

02 Música: NUM COMPASSO DE FRONTEIRA
Autor da música: Adair de Freitas
Autor da letra: Alvandy P. Rodrigues

03 Música: ENCANTO
Autor da letra: Volmir Coelho
Autor da música: Volmir Coelho

04 Música: AO APONTAR O DEDO
Autor da letra: Matheus Costa
Autor da música: Geovani Silveira

05 Música: NAS BALDAS DUM BAIO RUANO
Autor da letra: Guto Gonzales / Francisco Brasil
Autor da Música: Guto Gonzales

06 Música: Na cancha do cemintério
Letra / Música: Igor Silveira

07 Música: VIRANDO LONCA
Autor da música: Matheus Alves
Autor da letra: Rodrigo Bauer

08 Música: ALÇADO
Autor da música: Robledo Martins
Autor da Letra: Matheus Neves e Hugo Pedrozo

09 Música: QUERÊNCIA
Autor da música: Juvenil Camargo
Autor da letra: Luis Carlos F. Lucas

10 Música: DÉCIMA DO ARREPENDIDO
Autor da música: Halver Lopes
Autor da letra: Joel de Freitas Paulo

11 Música: Querência antiga e seus terreiros

12 Música: GALOPEANDO
Autor da música: Edilberto Bergamo
Autor da letra: Lisandro Amaral

13 Música: ORELHADOR
Autor da música: Índio Ribeiro
Autor da letra: Rafael Teixeira Chiapetta

14 Música: Num retrato amarelado
Letra / Música: Igor Silveira

ESTANCINHA
Categoria Piá – noite de sexta-feira
Música: Final Certo
Canta: Amanda Miranda Laoxen
Música: Canto do Carreteiro
Canta: Brenda do santos
Música: Canto ao Pastoreio
Canta: Miguel Conrad Madri
Música: Na sobra do sinamomo
Canta: Mariana Laflor
Convidado especial nesta categoria, Inácio Leal Arrossul com a música “Eu e meu avô”.

Categoria Mirim – noite de sábado
Música: Carta de Luto
Canta: Maria Elisa Saldanha
Música: Por onde anda a alma inquieta do poeta
Canta: Isadora Carvalho Motta
Música: Poema da Quinta Lua
Canta: Peterson Pousada Langendorf
Música: o muro
Canta: Ana Laura Cornel

STAR CLUBE (GRANDE)