SEGURANÇA PÚBLICA RECEBERÁ CINCO VIATURAS NOVAS.

Entrega de Viaturas
O Presidente do Poder Legislativo Municipal, Vereador Claudiomiro Borges, do PR, confirmou que os órgãos de segurança pública de São Gabriel receberão 31 coletes, cinco armamentos e cinco viaturas. Os equipamentos e veículos foram repassados pelo Governo do Estado, mas adquiridos com recursos federais. São Gabriel foi beneficiada com a destinação de R$ 580.777,07, proveniente de emendas parlamentares dos Deputados Federais Afonso Motta, do PDT, e Cajar Nardes, do PR; e do Senador Lasier Martins, do PSD.
Havia uma previsão de um valor ainda maior, mas, por causa de cortes feitos pelo Governo Federal, o setor de segurança pública acabou sendo prejudicado. As emendas parlamentares da Bancada Gaúcha foram destinadas à Secretaria Estadual de Segurança Pública, que distribuirá mais de R$ 65 milhões a 125 municípios do Rio Grande do Sul. Inicialmente, o Estado iria receber R$ 124 milhões (o corte foi superior a 50%). Os 34 parlamentares federais puderam escolher – cada um – dez municípios para serem beneficiados.
As novas viaturas chegam em momento de importância, principalmente para a Polícia Civil, que está com mais da metade das viaturas fora de condições de uso.

MAIS INVESTIMENTOS
A Câmara Municipal de Vereadores deve anunciar oficialmente, nesta terça-feira, em coletiva de imprensa, a destinação de R$ 50 mil para a Polícia Civil. O montante é parte do processo de economia implantando pela Administração do Poder Legislativo que efetuou a devolução deste valor para a Prefeitura Municipal. O Delegado de Polícia, José Soares Bastos, informou que o dinheiro será aplicado na aquisição de uma nova viatura.
A Câmara Municipal de Vereadores deve anunciar economia superior a R$ 300 mil no primeiro semestre. A gestão do vereador Claudiomiro Borges deverá beneficiar, ainda, o Corpo de Bombeiros da cidade com destinação de R$ 25 mil para comprar dois aparelhos desfibriladores cardíacos.

ACIDENTE: FOI APENAS UM SUSTO!

acidente corsa
Um jovem perdeu o controle do veículo quando trafegava pela Rua Desembargador Tito Prates, em frente ao Parque de Exposições Assis Brasil. O automóvel – Corsa saiu da via principal, subiu em um barranco, capotando e ficando virado ao contrário. De acordo com a Brigada Militar, o motorista não ficou ferido. Já o veículo ficou parcialmente destruído.

CÂMERAS VÃO AMPLIAR A SEGURANÇA NAS RUAS DE SÃO GABRIEL.

segurança monitorada

De uma reunião com o delegado de polícia, realizada na primeira quinzena de julho na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), a questão envolvendo investimentos em segurança pública ganhou uma nova dimensão entre a classe empresarial de São Gabriel.
Vítimas da ação de bandidos – com ataques a vitrines, furtos e até tentativas de assalto, as empresas da cidade mostraram-se frágeis quando a Polícia Civil necessitou de maiores informações para instalar uma linha de investigação. A necessidade de imagens – que pudessem auxiliar na identificação dos criminosos – foi apresentada pelo delegado de polícia, José Soares Bastos, como uma das prioridades para o Município. O videomonitoramento, segundo ele, é vital para a polícia, assim como também inibe a ação criminosa.
Do debate surgiram propostas. A direção da CDL anunciou, na semana passada, a elaboração de um projeto de implantação de videomonitoramento nas ruas da cidade.
O projeto foi apresentado pelo presidente e vice do CDL João Custódio Moure e Elisandro Ribas, ao prefeito Rossano Gonçalves, do PDT, no seu Gabinete. O encontro ainda teve a presença do presidente do Poder Legislativo, vereador Claudiomiro Borges da Silveira, do PR, da secretária de Indústria e Comércio Juliana Medeiros, do delegado de Polícia Civil José Soares Bastos, e do comandante do 4º Esquadrão da Brigada Militar, capitão Rafael Assis Brasil.
A proposta foi novamente apresentada na última quinta-feira (20/07), desta vez, na Câmara Municipal de Vereadores durante a sessão legislativa.
O projeto de Monitoramento Colaborativo é uma iniciativa do CDL que pretende instalar câmeras de monitoramento por adesão do empresariado, associados do CDL e pessoas da comunidade que queiram aderir à causa, mediante uma taxa mensal de baixo custo, mantendo as câmeras em funcionamento através de um sistema integrado sob gestão da BM e Polícia Civil.
A empresa de videomonitoramento do empresário Márcio Saraiva, associada do CDL, seria a responsável por montar a plataforma e garantir o funcionamento das câmeras, com armazenamento de sete dias de gravação.

ADOLESCENTE APREENDIDO EM SÃO GABRIEL É LIBERADO. ELE CONTINUA SENDO INVESTIGADO POR ENVOLVIMENTO EM JOGO DA BALEIA AZUL.

BALEIA AZUL

O adolescente de 15 anos, aprendido na última terça-feira (18/07) por suspeita de ter material pornográfico de menores em São Gabriel, foi liberado pela Justiça. A ação aconteceu durante uma operação realizada em nove estados do país contra o jogo da Baleia Azul, uma corrente que tenta induzir virtualmente seus participantes, a maioria menores de 16 anos, ao suicídio através de 50 desafios.
A Polícia Civil chegou a pedir a internação do menor, mas o Poder Judiciária não achou necessário o encaminhamento dele para a FASE- Sana Maria. No PC dele haviam fotos de meninas nuas.
O computador foi encaminhado para o Rio de Janeiro. Ele continua sendo investigado, incluindo envolvimento no jogo da Baleia Azul. O material será analisado por especialistas.

O jogo da Baleia azul não existe oficialmente. Não há um site ou coisa assim. É uma iniciativa de criminosos que usam as redes sociais para impor desafios macabros a crianças e adolescentes. Um grupo de organizadores, chamados “curadores”, propõe uma sequência de missões que envolvem isolamento social, automutilação e suicídio.
Segundo a Safernet (associação que combate violação de direitos humanos na internet), ele surgiu de uma notícia falsa na Rússia que se espalhou a partir de 2015. Desde abril, a Delegacia de Repressão a Crimes de Informática (DRCI) do Rio de Janeiro investiga várias pessoas que estariam relacionadas aos crimes envolvendo o Baleia Azul.
O delegado João Paulo de Abreu (do DEIC-Porto Alegre) disse que na casa do adolescente foram aprendidos equipamentos com “indícios de material de pedofilia” . Além disso, a polícia encontrou mensagens em redes sociais que comprovariam a ligação dele como curador do jogo Baleia Azul.
“Se verificou que ele tem perfil social [em uma rede social] e manteve contato com vítimas do Rio de Janeiro [do Baleia Azul]. A polícia do Rio de Janeiro recebeu informação de que as vítimas estariam se automutilando”, disse o delegado.
Ainda segundo o policial, o adolescente foi enquadrado no artigo 241 B do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) que é “adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente.” O ato infracional pode gerar pena de reclusão de um a quatro anos, além de multa.

Ao todo foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão em dois imóveis. Foram apreendidos um computador de mesa, um notebook e dois celulares.
A operação foi realizado sob o comando da Delegacia de Repressão a Crimes de Informática (DRCI) do Rio de Janeiro. Ao todo, foram 24 mandados de busca e apreensão no Amazonas, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe, além de um mandado de prisão a ser cumprido no Rio de Janeiro.

Recomendações

1. Fique atento às mudanças de comportamento
Uma mudança brusca de comportamento pode ser sinal de que a criança ou o adolescente esteja sofrendo com algo que não saiba lidar, segundo Elizabeth dos Reis Sanada, doutora em psicologia escolar e docente no Instituto Singularidades.
“Isolamento, mudança no apetite, o fato de o adolescente passar muito tempo fechado no quarto ou usar roupas para se esquivar de mostrar o corpo são pistas de que sofre algo que não consegue falar”, destacou a especialista.

2. Compartilhe projetos de vida
Para entender se a criança ou adolescente está com problemas é fundamental que os pais se interessem por sua rotina. Elizabeth reforça que este deve ser um desejo genuíno, e não momentâneo por conta da repercussão do “Jogo da Baleia Azul”.
“Os pais devem conhecer a rotina dos filhos, entender o que fazem, conhecer os amigos”, afirma a Elizabeth. Ela lembra que muitos adolescentes “falam” abertamente sobre a falta de motivação de viver nas redes sociais. Aos pais cabe incentivar que os filhos tenham projetos para o futuro, tracem metas como uma viagem, por exemplo, e até algo mais simples, como definir a programação do fim de semana.

3. Abra espaço para diálogo
Filhos devem se sentir acolhidos no âmbito familiar, por isso, Elizabeth reforça que é necessário que os pais revertam suas expectativas em relação a eles. “É preciso que o adolescente se sinta à vontade para falar de suas frustações e se sinta apoiado. Se ele tiver um espaço para dividir suas angústias e for escutado, tem um fator de proteção”.
Angela Bley, psicóloga coordenadora do instituto de psicologia do Hospital Pequeno Príncipe, diz que o adolescente com autoestima baixa, sem vínculo familiar fortalecido é mais vulnerável a cair neste tipo de armadilha.
“O que tem diálogo em casa, não é criticado o tempo todo, tem autoestima melhor, tem risco menor. Deixe que ele fale sobre o jogo, o que sente, é um momento de diálogo entre a família”, ressaltou a especialista.
Angela reforça que muitas vezes o adolescente não tem capacidade de discernir sobre todo o conteúdo ao qual é exposto. “Por isso é importante o diálogo franco. Não pode fingir que esse tipo de coisa não existe porque ele sabe que existe.”

4. Adolescentes devem buscar aliados
O adolescente precisa buscar as pessoas em que confia para compartilhar seus anseios, seja no ambiente escolar ou familiar, segundo as especialistas. “Que ele não ceda às ameaças de quem já está em contato com o jogo e entenda que quem está a frente deles são manipuladores”, conta Elizabeth.

5. Escolas podem criar iniciativas pela vida
Assim como a família, as escolas podem ajudar a identificar situações de risco entre os alunos. “Não é qualquer criança que vai responder ao chamado de um jogo como esse, são os que têm situações de vulnerabilidade. A escola ajuda a construir laços e tem papel fundamental de perceber como os alunos se desenvolvem”, afirma Elizabeth.

INFORMAÇÃO OFICIAL: CAIXA ARROMBADO TERIA CAPACIDADE INFERIOR A R$ 50 MIL E NÃO ESTARIA ABASTECIDO EM SUA TOTALIDADE.

sicredi 3

A Assessoria de Comunicação Social da Sicredi informou que o caixa eletrônico arrombado na madrugada desta quarta-feira (19/07) tem capacidade inferior a R$ 50 mil e não estava abastecido em sua totalidade. Os dados foram repassados para a redação do Blog A Notícia após termos divulgado a possibilidade de os bandidos terem fugido levando cerca de R$ 100 mil. Esse valor foi noticiado conforme informações preliminares divulgadas no local do crime e, agora, foram retificados com base em declarações oficiais.
Quatro homens armados arrombaram e invadiram a agência da Sicredi, em Santa Margarida do Sul, por volta de 1h30min desta madrugada. Os homens teriam quebrado o vidro e entrado por uma fachada localizada na parte frontal da empresa. No interior, os bandidos explodiram um caixa eletrônico e um cofre.
Foram duas explosões que destruíram toda a parte interna da agência. O impacto fez com que o aparelho de ar condicionado, que fica em uma parede lateral, fosse arrancado e jogado longe. Um buraco ficou aberto. Inicialmente chegou-se a cogitar que os bandidos tivessem entrado por essa abertura.
As imagens de uma câmera de vigilância de uma residência próxima ao banco mostram um automóvel Ford Focus preto saindo do local. Os homens portavam armas de grosso calibre. A Polícia Civil ainda apura as informações.

BANDIDOS “EXPLODEM” AGÊNCIA DO SICREDI E FOGEM LEVANDO VALOR AINDA NÃO CONFIRMADO.

sicredi 1

Quatro homens armados arrombaram e invadiram a agência do Sicredi, em Santa Margarida do Sul, e fugiram levando um montante ainda não confirmado oficialmente, mas, que, segundo estimativas baseadas na capacidade de armazenamento do único caixa eletrônico existente na sede da cooperativa, deve ser inferior a R$ 50 mil (e o caixa não estava abastecido em sua totalidade).

De acordo com a Brigada Militar, a agência foi atacada por volta de 1h30min desta madrugada. Os homens teriam quebrado o vidro e entrado por uma fachada localizada na parte frontal da empresa. No interior, os bandidos explodiram um caixa eletrônico e um cofre.

Foram duas explosões que destruíram toda a parte interna da agência. O impacto fez com que o aparelho de ar condicionado, que fica em uma parede lateral, fosse arrancado e jogado longe. Um buraco ficou aberto. Inicialmente chegou-se a cogitar que os bandidos tivessem entrado por essa abertura.

As imagens de uma câmera de vigilância de uma residência próxima ao banco mostram um automóvel Ford Focus preto saindo do local. Os homens portavam armas de grosso calibre. A Polícia Civil ainda apura as informações.

sicredi 6

sicredi 5

 

LADRÕES ARROMBAM ESTABELECIMENTO COMERCIAL E FOGEM COM VÁRIOS OBJETOS FURTADOS.

Um estabelecimento comercial foi arrombado na noite de domingo (16/07), entre 22 e 23 horas. De acordo com a Polícia Civil, os ladrões fugiram do local levando uma série de objetos, entre eles, calças jeans e produtos da Boticário que eram vendidos pela empresa, e, ainda, cheques da empresa e de clientes.
Os bandidos teriam escalado uma parede e acessado o interior do ponto comercial através de uma janela do banheiro. Eles ainda quebraram o alarme e tiveram tempo de recolher todo o material se serem perturbados.
Profissionais papiloscopistas colheram digitais em espelhos e outros objetos. Por enquanto, a Polícia Civil ainda apura informações preliminares, pois, como não haviam câmeras de vigilância no local, são poucos subsídios para uma avaliação inicial.
O crime aconteceu na Rua Armindo Vargas, no Bairro Jardim Primavera.

  • OUÇA A RÁDIO CULTURA