DIVISÃO DE ACESSO: SÃO GABRIEL PERDE A TERCEIRA E CAI PARA A 5ª COLOCAÇÃO NA CHAVE.

SÃO GABRIEL E PELOTAS CAPA
O São Gabriel perdeu a terceira partida consecutiva na Divisão de Acesso 2017. Pior. Foi a segunda derrota, seguida, em casa. O torcedor, que já não estava comparecendo aos jogos do time gabrielense, parece ter perdido de vez a vontade de incentivar o representante no Campeonato Gaúcho. A direção do clube confirmou 280 pessoas pagantes, no domingo passado, no Estádio Municipal Silvio de Faria Corrêa.
Dentro de campo, o time também não parece corresponder. Apesar de ter tido a primeira oportunidade de gol, com Júnior, o São Gabriel acabou desperdiçando a chance e o que se viu, depois disso, foi o Pelotas tomar conta do jogo. Os comandados de Círio Quadros levaram 2, mas poderiam ter saindo de campo goleados se não fosse a ineficiência do ataque do Lobo.
Sem treinador – com Felipe Müller de interino, o Pelotas perdeu, pelo menos, quatro gols claros. O São Gabriel ainda conseguiu descontar nos minutos finais. Mas o gol aconteceu mais pela desatenção dos pelotenses do que por mérito do time local, que acabou “encontrando” o gol numa jogada de linha de fundo.
O primeiro gol do Pelotas saiu aos 17 minutos, com Uélison Santana. O time visitante ainda teve ótimas oportunidades de ampliar o placar com Vinícius, Brasão e Douglas. Na etapa final, o mesmo Uélison Santana voltou a marcar. Aos 20 segundos, Rilber cruzou a bola na intermediária e acabou errado. Uélison dominou sozinho e avançou livre para marcar 2 a 0. Aos 47 minutos, Vagner diminuiu o escore: 2 a 1.
A derrota jogou o São Gabriel para a quinta colocação na tabela de classificação, com os mesmos 7 pontos de Santa Cruz (quarto colocado) e um a mais que Aimoré e Guarani-VA. Mas, tanto Santa Cruz quanto Aimoré – que jogaram ontem – podem terminar a rodada melhores colocados. O Santa Cruz, com uma vitória, pode chegar a liderança da competição.
O São Gabriel volta a jogar no próximo domingo (02/04), em São Leopoldo, contra o Aimoré. O jogo será no Estádio Cristo Rei, às 16 horas.
Já o Pelotas, com a vitória, chega a 8 pontos. Na quinta, em jogo atrasado, o Lobo enfrenta o Guarani-VA, no Edmundo Feix, às 20h. Se vencer, assume a liderança do Grupo A.

São Gabriel 1 – Juliano, Pedro Jr, Vagner, Gil, Jaime, Ricardo Ceará (Daniel), Lúcio (João Leandro), João Felipe, Rilber, Jean Acosta, Júnior. Técnico Círio Quadros.
Pelotas 2 – Rafael Dal Ri, Darlem, Cleiton, Gasparetto (Yuri), Nicolas, Ceará, Arílson, Uélison Santana (Jeferson), Vinícius Martins, Douglas Mineiro e Brasão. Técnico: Felipe Müller.
Arbitragem: Rafael Klein, auxiliado por Daniel Brondani e Rodrigo Dahmer. Estádio: Sílvio de Faria Corrêa, em São Gabriel

DEPOIS DE DUAS DERROTAS, SÃO GABRIEL BUSCA REABILITAÇÃO CONTRA O PELOTAS.

pelotas

Jogadores do Pelotas cercam adversário caído na derrota por 2 a 0 na noite de quinta-feira no  estádio dos Plátanos pela Série A2 do Gauchão (Foto: Rodrigo Assmann-Gazeta do Sul)

O São Gabriel caiu para a quarta colocação na tabela de classificação da Divisão de Acesso, na Chave A da competição, ao perder dois jogos consecutivos. O último, na quarta-feira (22/03), no Estádio Municipal Silvio de Faria Corrêa, contra o Avenida, teve um gosto amargo. Afinal de contas, o time gabrielense chegou a estar ganhando por 1 a 0, mas acabou cedendo o empate e permitiu que o time de Santa Cruz virasse o placar e, depois, ampliasse para 3 a 1. O São Gabriel ainda diminuiu o escore na metade da etapa final, com Rilber, de pênalti: 3 a 2.
O resultado colocou o Avenida na ponta da tabela com 8 pontos. A liderança é dividida com o Internacional de Santa Maria que, mesmo jogando fora de casa, conseguiu garantir um empate (2 a 2) contra o Guarani, em Venâncio Aires, e somou o seu oitavo ponto no Certame. O Santa Cruz vem logo na sequência com 7 pontos, a mesma pontuação do São Gabriel, que perde nos critérios de desempate.
Em busca de reabilitação, o São Gabriel joga mais uma vez em casa neste domingo (26/03). O time do técnico Círio Quadros recebe o Pelotas, às 18h30min, no Estádio Sílvio de Faria Corrêa. A partida é válida pela 6ª rodada da Divisão de Acesso. O Lobo ocupa a sexta colocação, mas tem um jogo a menos que as equipes que ocupam as posições acima dele na tabela.

MÁRCIO REIS – Principal nome técnico do São Gabriel e liderança dentro de campo no ano passado, o volante Márcio Reis voltou ao Municipal na quarta-feira (22/03), mas, desta vez, vestindo a camiseta de um time adversário. Mostrando a mesma “garra” conquista a torcida gabrielense, Reis foi um dos destaques do Avenida e foi o gol dele, de falta, que acabou assinalando a segunda derrota do time local no Estadual.

PELOTAS DEMITE O TREINADOR ANTES DO JOGO COM O SÃO GABRIEL.

Após a derrota desta quinta-feira (23/03), a primeira do Lobo na Divisão de Acesso do Gauchão, por 2 a 0 para o Santa Cruz no Estádio dos Plátanos, em Santa Cruz do Sul, o presidente Luis Antônio de Melo Aleixo, confirmou a demissão do Marcelo Rospide. A atuação ruim, somada às oscilações das outras três partidas, fez com que o mandatário cravasse mudanças imediatamente.
“Decepção total. Estou completamente decepcionado. É o sentimento de todos os dirigentes e torcedores. É claro que mudanças têm que haver. Está provado e claro. A atuação tem sido ruim. Hoje [nesta quinta] aqui esperava uma recuperação. As coisas se encaminham muito mal e tem que haver mudanças. Vamos pensar até amanhã [sexta]”, afirmou Aleixo. Com o resultado negativo, o Lobo terminou a 6ª rodada do Grupo A em 6º lugar, com 5 pontos e um jogo a menos – quatro.
Rospide justificou a derrota na falta de eficiência da equipe. Diferentemente dos mandantes. “Realmente um resultado negativo. Nós propusemos o jogo o tempo todo e sofremos um gol de falta. Buscamos a reação, mas não tivemos a eficiência do adversário. Da nossa parte faltou o lance final”.
O treinador chegou ao clube no dia 15 de dezembro de 2016. Foram 99 dias no comando do Lobão. Nos quatro jogos oficiais, o treinador teve uma vitória, dois empates e uma derrota. O auxiliar técnico Caco Espinoza também saiu do clube. Nos próximos dois jogos – contra o São Gabriel e Guarani – a equipe será comanda interinamente por Felipe Müller, que é o comandante das categorias de base do Lobão.

SÃO GABRIEL PERDE E AGORA DIVIDE A LIDERANÇA COM INTER-SM.

Cerca de dois mil torcedores, que foram até o Estádio Presidente Vargas para ver o clássico regional Inter e São Gabriel, na tarde deste domingo, viram os donos da Casa vencer a primeira partida na competição e, em contrapartida, o time gabrielense, perder o primeiro jogo na Divisão de Acesso. O São Gabriel – que até quarta-feira passada tinha aproveitamento de 100% na competição – perdeu quatro pontos em menos de cinco dias. Por causa disso, agora, a liderança é dividida com o coloradinho, que também soma 7 pontos no Campeonato. O São Gabriel no saldo de gols.
A partida foi válida pela 4ª rodada da Divisão de Acesso. O time do técnico Vinicius Munhoz teve uma atuação de luxo, segundo apontou o jornal Diário de Santa Maria, e goleou o rival da região por 3 a 0.
O placar foi aberto pelo artilheiro do Inter-SM na competição, o centroavante Eduardo, que chegou a três gols, aos 22 minutos do primeiro tempo. O meia Fernando e o volante Marquinhos fecharam a conta em dois contra-ataques fulminantes na segunda etapa. O Inter-SM volta a jogar agora na quinta-feira, fora de casa, contra o Guarani, de Venâncio Aires, às 20h. Já o São Gabriel, por sua vez, busca a recuperação em casa contra o Avenida, de Santa Cruz do Sul, na quarta-feira, às 20h30min.

CAMPEONATO GAÚCHO: GUARANY EMPATA COM O PELOTAS NA BOCA DO LOBO.

O Guarany retornou ao Estádio Boca do Lobo depois de seis anos para enfrentar o Pelotas, inclusive com a presença da torcida organizada Índio Guerreiro. O que se viu no jogo foi um alvirrubro com muito coração, que saiu perdendo por dois gols de diferença e foi buscar de forma heroica o empate. As informações são do Portal Qwerty.

Mal saiu a bola, com 50 segundos de jogos, e o jogador Nícolas acertou um belo chute de longe, marcando um golaço, sem chances para o goleiro Anderson.

Após o gol, o Pelotas seguiu um pouco melhor até os 20 minutos, mas sem nenhum lance de grande perigo. Depois, na segunda metade da etapa, o Guarany melhorou em campo e chegou mais vezes à frente. Na segunda etapa, o Pelotas ampliou. Brasão recebeu de costas, girou e bateu cruzado no canto.

A partir deste momento, o que se viu em campo foi o costumeiro e guerreiro índio da Fronteira. Aos 38 minutos, o jogador Heitor, do Pelotas, interceptou bola do Guarany com a mão. O juiz marcou pênalti e expulsou o jogador. Léo Jaques colocou no canto e Rafael Dal Ri pulou para o outro.

Com tempo ainda para igualar o marcados, o time de Géverton Duarte se jogou para frente e cinco minutos depois, mais um pênalti a favor do Guarany, novamente por bola na mão dentro da área. Léo Jaques, mais uma vez, foi o cobrador e converteu, na comemoração alvirrubra, o goleiro do Pelotas Rafael Dal Ri foi expulso por iniciar uma confusão no gramado.

O autor dos gols alvirrubros, também tomou o vermelho. Como já tinha feito as três trocas, o Pelotas precisou colocar um jogador de linha em baixo das traves. Porém, o placar não foi mais alterado. Mesmo com o empate, o Guarany segue na 8ª posição do grupo 2 e está na lanterna, com o mesmo número de pontos do Guarani de Venâncio.

A próxima partida é contra o Aimoré, em casa, na quarta-feira. O jogo está programado para 20h30 e é imprescindível a presença da torcida. O clube vem apresentando visíveis melhoras e só com o apoio dos torcedores será possível melhorar ainda mais na tabela.

O Guarany jogou com Anderson, Rodrigo Vareta (Brito), Brunello, Xandy e Jean; Cristian, Wellington, Juninho Botelho e Michelzinho (Lukas Brambilla); Edgar Alemão e Renan Guerra (Léo Jaques).

SÃO GABRIEL DEIXA ESCAPAR A VITÓRIA, MAS CONTINUA ISOLADO NA LIDERANÇA.

são gabriel comemora vitoria

Depois de vencer o Santa Cruz, no domingo, time acabou perdendo os primeiros pontos na competição jogando, de novo, em casa contra o Guarani

O São Gabriel já não tem mais um aproveitamento de 100% no Campeonato Gaúcho – Divisão de Acesso 2017. Na noite de quinta-feira (16/03), o time de Círio Quadros empatou com o Guarani-VA em 1 a 1. O resultado não foi o esperado, mas, mesmo assim, garantiu a permanência isolada do elenco gabrielense na liderança da Chave A com 7 pontos em 9 disputados. A única equipe, do Grupo, com aproveitamento igual é a do Pelotas, que está atrás em pontos, mas possui um jogo a menos, exatamente o confronto com o Guarani, que acabou transferido por causa de alagamentos no campo de futebol do Estádio Edmundo Feix.
A rodada também foi favorável aos planos do São Gabriel. O Aimoré – que até então vinha próximo dos gabrielenses, acabou empatando duas partidas seguidas (uma no domingo passado, em Santa Cruz, nos Plátanos, e outra, na quarta-feira, em São Leopoldo, no Cristo Rei).
O São Gabriel volta a jogar pela Divisão de Acesso no próximo domingo (19/03), às 16 horas, no Estádio Presidente Vargas, em Santa Maria, contra o Internacional.
Se o time gabrielense lidera, o coloradinho vem na seqüência, no meio da tabela, com 4 pontos, sendo 3 deles conquistados como mandante na única vitória na competição, contra o Guarany de Bagé.

O ADVERSÁRIO
De acordo com o Jornal Diário de Santa Maria, os jogadores do Inter-SM se reapresentaram na tarde de quinta-feira para um treino regenerativo na UFSM. Apesar da preparação para a partida contra o São Gabriel já estar na pauta, o time ainda amarga o empate. É que o Santa Cruz conseguiu igualar o placar aos 45 minutos do segundo tempo. Para o técnico alvirrubro, Vinicius Munhoz, o resultado poderia ter sido melhor. Apesar de os dois pontos terem escapado por poucos minutos, o treinador afirma que o ponto conquistado fora de casa não é ruim.
Ele disse que “ficou o sentimento de que poderia ter sido melhor, em função da vantagem que tivemos em quase todo o segundo tempo. Infelizmente, deixamos escapar no final. Mas, dentro do planejamento que tínhamos feito, tendo em vista a dificuldade que é enfrentar o Santa Cruz lá, temos que valorizar o ponto conquistado”, argumentou.
Situação parecida com o que houve nos Plátanos havia ocorrido na estreia do Inter-SM na competição, contra o Aimoré. Naquela oportunidade, o clube de Santa Maria levou o primeiro gol aos 45 minutos do primeiro tempo. No entanto, diferentemente do duelo em São Leopoldo, Munhoz atribui o gol de empate a uma grande pressão do Santa Cruz, e não por falta de atenção da equipe.
Além do trabalho físico de quinta, o Inter teve treinamento ontem e continua hoje, quando o técnico deverá definir o time que enfrenta o São Gabriel. Visando esse jogo, o treinador esteve no Municipal, na quinta-feira, para acompanhar a partida do time da Casa contra Guarani-VA.
“Eles (São Gabriel) têm a melhor campanha da nossa chave. Então, temos de analisar bem para vermos os pontos fracos, e onde podemos levar alguma vantagem”, disse o treinador ao jornalismo do Diário de Santa Maria.

PROFESSOR JAIME SERÁ HOMENAGEADO ESPECIAL DA LIGA DE FUTEBOL SETE.

WhatsApp Image 2017-03-15 at 12.10.59

A Liga Gabrielense de Futebol 7 (LGF7) mudou a data de abertura da Copa São Gabriel de Futsal 2017. A competição – que começaria neste sábado (18/03), às 13h30min, na Quadra do Zé – foi transferida para o dia 8 de abril, no mesmo horário. As fichas foram entregues na segunda-feira (06/03), quando também foi realizado o sorteio dos grupos, no Brasil Tênis Clube. Serão 16 times divididos em quatro grupos, mobilizando cerca de 380 atletas. Na chave 1, estão as equipes do ASC, Amigos FC, Atlético Santa Clara e Fúria Jovem; Chave 2, Divino FC, Juventus, Unidos da Vila Santa Clara e União Borges Esportes; Chave 3, Campo Verde, Centauro FC, Galácticos/Mercenários e Unidos Esporte Clube; Chave 4, Boleiros FC, Dácio FC, Juventude e Santa Isabel. A presença das delegações na solenidade de abertura dá ao time dois pontos na tabela de classificação. Para isso, o time precisa estar uniformizado e com, no mínimo, 10 jogadores.
Outra novidade anunciada no começo desta semana diz respeito ao nome da competição e a homenagem que será feita ao desportista Jaime Santos dos Santos, de 60 anos. O evento terá o nome do professor, que além de se destacar no trabalho com jovens e adolescentes na área do esporte, também tem o seu nome fortemente vinculado ao futebol profissional.
Jaime jogou na extinta SER São Gabriel entre 1979 e 1988, tendo disputado o Campeonato Gaúcho da 1ª Divisão em 1981.
Professor de Educação Física há 36 Anos na Escola Municipal Carlota Vieira da Cunha, também trabalhou na Escolinha da AABB no Período de 2004 a 2008 e integrou as equipes responsáveis pela organização de eventos desportivos como: Olimpíadas Escolares, Jogos Intercolegiais da Primavera (Jincop), Troféu São Gabriel de Atletismo Escolar e Corridas Rústicas.
De acordo com a direção da Liga Gabrielense de Futebol 7, a homenagem é um reconhecimento ao profissional que, “além de ter sido jogador da equipe do São Gabriel, também vem realizando, ao longo dos anos como professor de Educação Física, um relevante trabalho com crianças e adolescentes em nosso município, não apenas ensinando modalidades esportivas, mas acima de tudo, formando cidadãos através do esporte”

1ª RODADA
14h – Furia x Amigos
15h – ASC x Atlético SC
16h – U. Borges x Divino
17h – Juventus x U. da Vila
18h – Unidos x C. Verde
19h – Centauro x Galacticos
20h – S.Isabel x Boleiros
21h – Dácio x Juventude