UNIDADE MÓVEL DE SAÚDE ATENDE AS COMUNIDADES DA FORMOSA E ASSENTAMENTOS NESTA QUINTA E SEXTA-FEIRA.

Atendimento feito por profissionais no interior de São Gabriel. Unidade Móvel leva médicos e enfermeiros para as regiões mais distantes

Atendimento feito por profissionais no interior de São Gabriel. Unidade Móvel leva médicos e enfermeiros para as regiões mais distantes

A Secretaria Municipal da Saúde alterou o cronograma de atendimento da Unidade Móvel no interior do Município. A decisão foi anunciada após o registro de chuvas nas localidades de Suspiro, Batovi e Formosa na última terça-feira (26/01). Por causa disso, as comunidades dos assentamentos União Pela Terra e Novo Rumo serão assistidas nesta quinta-feira (28/01) e Formosa na sexta-feira (29/01). Os serviços serão disponibilizados para os moradores destas regiões entre 9h e 15h nos dois dias.
A Unidade Móvel de Saúde retornará a zona sul do Município na próxima segunda-feira (01/02). Serão atendidas famílias dos Assentamentos Conquista do Caiboaté 1 e 2. Na terça-feira (02/02) será a vez do Assentamento Itaguaçu. E na quarta-feira (03/2), será assistida a população do Assentamento Zambezi. Devido a proximidade dos assentamentos, a Secretaria da Saúde estenderá os atendimentos aos moradores do Assentamento Novo Rumo que não puderem estar presente nesta quinta-feira.
Serão oferecidos os seguintes serviços: Atendimento Médico, Atendimento odontológico, Coleta de Preventivo, Testes Rápidos, Atendimento de enfermagem, Encaminhamento de exames e procedimentos, Entrega de medicamentos , Bolsa Família e CAD Único As ações serão canceladas se houver ocorrência de chuva.

MÃE DIZ QUE APRESENTARÁ HOMEM ACUSADO DE ATIRAR EM POLICIAL CIVIL.

Policial deixou o hospital de São Gabriel na tarde de hoje

Policial deixou o hospital de São Gabriel na tarde de hoje

AGENTE DA POLÍCIA CIVIL TEVE ALTA NA TARDE DESTA TERÇA-FEIRA.

O policial civil ferido na manhã desta terça-feira em São Sepé (inicialmente foi dito que seria em Vila Nova do Sul), Luis Giovani da Silva Oliveira, recebeu alta do Hospital de São Gabriel ainda no início da tarde de hoje. O fato ocorreu durante uma operação conjunta de autoridades das cidades de Vila Nova do Sul, São Sepé e São Gabriel. As autoridades estavam cumprindo um mandado de busca e apreensão de armas na residência de um investigado, em São Sepé, na localidade de Barrondão, divisa com Vila Nova do Sul.
Ao sair do hospital ele fez questão de mostrar que estava bem e fez sinal de positivo. Segundo o delegado regional de Polícia Civil, Marcelo Arigoni, três equipes de Santa Maria foram acionadas em apoio às diligências que estão sob o comando do delegado Antônio Firmino de Freitas Neto. As buscas ao fugitivo contam com apoio da Brigada Militar (BM).
Segundo o inspetor José Sávio Corrêa de Vila Nova do Sul, pelo menos um homem foi preso durante a ação. O autor do disparo foi identificado como Dieni Felipe da Silveira Rodrigues, e está sendo caçado pela Polícia.

Um jovem, acusado de ser comparsa do atirador, foi preso em São Sepé

Um jovem, acusado de ser comparsa do atirador, foi preso em São Sepé

A Polícia Civil prendeu um jovem que é suspeito de ser comparsa do homem que atirou contra os policiais durante cumprimento de mandado. Tarcio Rodrigues Figueira, de 20 anos, foi preso na localidade de Barrondão quando a polícia também cumpria mandado em sua casa. Ele tentou fugir para um mato. Figueira carregava um revólver calibre 38 com a numeração raspada e municiado com cinco cartuchos – ele levava outros 11 no bolso. O jovem foi preso em flagrante por porte ilegal de munição e de arma.
A Polícia Civil também pediu a prisão preventiva do homem que atirou no policial. Conforme o delegado, a mãe do suspeito prometeu levá-lo até a delegacia. “Os dois estavam aterrorizando essa comunidade do interior de São Sepé, com tiros e ameaças de morte”, afirmou o delegado Firmino.

Com informações do Jornal Diário de Santa Maria e A Fonte de São Sepé

SUSPEITO DE BALEAR POLICIAL É PROCURADO PELA POLÍCIA.

O autor do disparo - Dieni Felipe da Silveira Rodrigues, está sendo caçado pela Polícia. Informações e Foto: Divulgação / Jornal A Razão

O autor do disparo – Dieni Felipe da Silveira Rodrigues, está sendo caçado pela Polícia. Informações e Foto: Divulgação / Jornal A Razão

Em uma operação conjunta de autoridades das cidades de Vila Nova do Sul, São Sepé e São Gabriel, um policial civil da cidade de Santa Maria foi ferido por disparos de arma. O policial civil Giovânio Missioneiro, lotado na 4ª Delegacia de Polícia (DP) de Santa Maria, foi baleado na cabeça por volta das 9h30 desta terça-feira, 26. As autoridades estavam cumprindo um mandado de busca e apreensão de armas na residência de um investigado, em Vila Nova do Sul, na localidade de barrondão.

As informações confirmam que três equipes de Santa Maria foram acionadas em apoio às diligências que estão sob o comando do delegado Antônio Firmino de Freitas Neto. O policial civil também foi atingido por disparo de arma de fogo em uma das mãos. Giovânio estava lúcido no momento em que foi socorrido e encaminhado para atendimento em hospital de São Gabriel.

De acordo com o policial civil Edinardo Rodrigues, uma equipe da Delegacia de São sepé chegou ao local e antes dos policiais desceram da viatura, o suspeito começou a atirar. O bandido estava com uma arma de grosso calibre. Teriam sido três disparos contra a vítima, que está às vésperas de se aposentar.

O autor do disparo, identificado como Dieni Felipe da Silveira Rodrigues, está sendo caçado pela Polícia em um matagal. A Brigada Militar auxilia nas buscas ao criminoso. Segundo o inspetor José Sávio Corrêa de Vila Nova do Sul, pelo menos um homem foi preso durante a ação.

CBF NÃO AUTORIZA JOGOS OFICIAIS PELA “PRIMEIRA LIGA”.

A Primeira Liga começará nesta quarta-feira. O torneio, criado pela Liga Sul-Minas-Rio para ser uma alternativa esportiva e financeira aos estaduais e uma via para o fortalecimento político entre os clubes, não foi aceito pela CBF. Por enquanto, a entidade liberou a realização dos jogos em caráter amistoso até 30 de janeiro.

Qual é a posição da CBF sobre a Primeira Liga?
A entidade vetou a realização do campeonato neste ano, alegando que os jogos, em caráter amistoso, só podem ser realizados até 30 de janeiro, dentro do período de pré-temporada. Em nota oficial, a CBF salientou que não aceita a inclusão da Primeira Liga no calendário nacional de 2016, mas que vai trabalhar para oficializar a realização do torneio em 2017.

A Primeira Liga vai manter os jogos programados?
Em nota divulgada nesta segunda-feira, a Liga garantiu que a posição da CBF em nada afeta a realização dos jogos desta semana. Ainda, segundo o documento, o artigo 20 da Lei Pelé (que diz que os clubes podem organizar ligas regionais ou nacionais) dá autonomia aos participantes de disputar as partidas programadas até 31 de março sem prévia autorização da CBF.

Qual é a posição da Federação Gaúcha de Futebol?
O presidente da FGF, Francisco Novelletto, diz que não vai liberar o quadro de arbitragem da federação para a Primeira Liga após 30 de janeiro. Sobre possíveis punições aos clubes pela participação no campeonato, Novelletto diz que as sanções serão aplicadas pela CBF. Além disso, o dirigente se reunirá em um almoço nesta terça com os dois presidentes da dupla Gre-Nal para discutir a disputa do torneio.

A dupla Gre-Nal vai se manter na Primeira Liga?
As direções dos dois clubes seguem firmes na disputa do campeonato. O diretor jurídico do Grêmio, Nestor Hein, diz que a CBF não pode punir os participantes da Primeira Liga. O presidente do Inter, Vitorio Piffero, também defende a realização do torneio.

Que punições podem ser sofridas pelos clubes?
Até o momento, somente Flamengo e Fluminense foram ameaçados de punição pela Federação Carioca. Em assembleia na sexta-feira, a Ferj deliberou que, se os dois times participarem da Primeira Liga, serão multados com o valor da cota que receberiam pelo Estadual. Além disso, suas equipes de base seriam proibidas de disputar competições.

fonte: Zero Hora

taxi floriano matéria

EQUIPES DE COMBATE A DENGUE INTENSIFICAM TRABALHO DE CONSCIENTIZAÇÃO.

DENGUE

O Departamento de Vigilância Epidemiológica (setor de combate a dengue) confirmou a identificação de focos do mosquito da dengue em quatro regiões de São Gabriel. Foram encontradas larvas do mosquito Aedes Aegypti nos bairros Capiotti e Santo Antônio, centro e proximidades da BR-290.

Conforme os profissionais do setor, a situação está controlada. Nos locais onde foram localizados os focos, agentes de saúde estão orientando moradores a esvaziar recipientes que possam acumular água parada e intensificando o trabalho de conscientização. O secretário da Saúde, Daniel Ferrony, explica que a prevenção é ainda o principal meio de combater a doença. Eliminando os criadouros, elimina-se qualquer possibilidade de transmissão. Em São Gabriel, não existe nenhum caso de dengue registrado.

A população pode participar da campanha informando locais que podem oferecer risco de proliferação do mosquito. Na semana passada, depois de várias postagens em redes sociais, moradores do Bairro Esplanada solicitaram a presença de agentes de saúde em uma residência abandonada. No local, equipes de combate a dengue efetuaram o recolhimento de garrafas e outros objetos que armazenavam água e ainda colocaram larvicida numa piscina.  Também foi encaminhado um relatório para o proprietário da residência com orientações de como proceder para evitar riscos.

Nas regiões afetadas, o maior problema são as borracharias. Embora os agentes orientem os profissionais de como proceder, os estabelecimentos usados por eles não atendem as determinações necessárias para evitar riscos de proliferação de mosquitos. Na BR-290, em um único local, a Secretaria da Saúde já contabiliza três registros de focos. Segundos os agentes, isso acontece porque os pneus são mantidos em áreas abertos, acumulando água da chuva. “A Prefeitura faz o recolhimento destes pneus com frequência e alerta para o risco. Mas toda a vez que retornamos aos locais, novamente nos deparamos com mais pneus jogados em via pública e com água acumulada”, informou o setor de combate a dengue.

SONHO DA ÁGUA POTÁVEL TORNA-SE REALIDADE PARA AS FAMÍLIAS DO PASSO DO PEDROSO.

Depois de 60 anos, dona Iva tem água em casa. A neta (ao lado) comemora a conclusão do projeto que beneficia toda a comunidade

Depois de 60 anos, dona Iva tem água em casa. A neta (ao lado) comemora a conclusão do projeto que beneficia toda a comunidade

Não existe ser vivo que não dependa da água para sobreviver e se desenvolver. Além de indispensável à vida, a água doce é necessária a uma série de atividades humanas, como, consumo humano, agricultura, geração de energia, indústria, pecuária, recreação, transporte e turismo. O desenvolvimento e a vida nas sociedades humanas sempre esteve ligado ao uso da água.
O acesso à água de qualidade e em quantidade suficiente é um direito universal de todos. No Brasil, a Lei n° 9.433/97, que instituiu a Política Nacional de Recursos Hídricos e o Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos, reafirma o direito à água das gerações presentes e futuras e a utilização racional e integrada dos recursos hídricos.
Mas nem sempre o que está no papel se transforma em realidade de fato. Em São Gabriel, uma comunidade passou a ter água potável dentro de casa há menos de 30 dias. A Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Agricultura, concluiu a abertura de um poço artesiano na localidade de Passo do Pedroso, na região de Vacacai, no interior do Município. No local, uma família – dividida em três gerações – utilizava água do rio Vacacai há mais de 60 anos, idade da matriarca da família Santos, moradora de uma pequena casa de madeira no alto de uma colina localizada próximo ao Balneário do Pedroso. Ao lado dela, várias outras moradias foram se espalhando, incluindo dos filhos, que se criaram bebendo água do rio e enfrentando os riscos que a falta de tratamento pode causar a saúde do ser humano.
A dona Iva do Santos carregava baldes por cerca de 200 metros (duas ou três vezes por dia) para trazer a água que era usada para fazer a higiene pessoal e cozinhar os alimentos. “Por muitas vezes passamos mal. Principalmente entre fevereiro e março, quando é época de plantio e as lavouras eram pulverizadas. Com as lavouras sendo aguadas, todo aquele veneno ia para o rio. Fervíamos a água, mas mesmo assim as crianças passavam mal. Ficavam com alergia pelo corpo”, explica a moradora.
A inauguração do poço artesiano aconteceu na semana passada com a visita do secretário de Agricultura, Ladislê Teixeira, e do Chefe de Gabinete, Luis Pires, à comunidade. O Governo Municipal investiu mais de R$ 10 mil na obra. De acordo com o secretário, o recurso é proveniente do Fundo de Desenvolvimento Rural (Funder) e foi aplicado com aprovação do Conselho Municipal de Desenvolvido Agropecuário.

água no pedroso 2
“Essa fonte de arrecadação sempre existiu. O que faltou nas administrações passadas foi direcionar os valores para as comunidades rurais”, explicou Teixeira.
Na prática, todo o dinheiro que é arrecadado com as taxas pagas para a utilização das patrulhas agrícolas, a Secretaria Municipal da Agricultura está redirecionando em benefício do próprio produtor, na sua grande maioria, pequenos agricultores ou comunidades do interior.
Somente no ano passado, com dinheiro da Funder, a Secretaria da Agricultura realizou obras na Vila do Tiarajú (onde foi substituída uma caixa d’água); e adquiriu duas roçadeiras. Em um ano, o Governo Municipal prestou contas de cerca de R$ 51 mil. Este valor representa quase cinco vezes mais que o arrecadado no governo anterior, salienta o secretário.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 2.670 outros seguidores