POLICIAL MORTO AO TENTAR EVITAR BRIGA É ENTERRADO NO CEMITÉRIO DE SÃO GABRIEL.

sepultamnento-blog

Foi sepultado na noite deste domingo (25/12) o corpo do policial militar Bento Júnior Teixeira Borges, de 36 anos, no Cemitério da Irmandade da Santa Casa de Caridade, em São Gabriel. Ele foi morto no final da madrugada, por volta de 6h30min, em um confronto com facções de um grupo intitulado Bonde do João de Barro. O enterro teve homenagens e acompanhamento de centenas de veículos, de viaturas do 4º Esquadrão, de veículos do Corpo de Bombeiros e de uma ambulância do SAMU. O caixão com o corpo do policial foi conduzindo por um caminhão do Corpo de Bombeiros.

sepultamento-blog-3
Os carros particulares e militares saíram do centro da cidade – em frente ao Hospital de Santa Casa, na Capela da Funerária Santa Rita, onde o corpo estava sendo velado, e seguiram para o cemitério às 23 horas. Durante a carreata, moradores e policiais pediram paz e melhores condições de trabalho para os militares. Segundo a Polícia Civil, o policial estava a paisana e tentou impedir uma briga. Ele teve que efetuar disparos de arma de fogo e feriu dois homens. Quando a arma ficou sem munição, ele acabou sendo agredido por cerca de 20 pessoas.

homenagens-2
Homens e mulheres, a maioria menores de idade, foram detidos pela Polícia Civil. Os agressores usaram facas e pedras e os que não tinham nada nas mãos, usaram os pés para agredir o PM.
EMOÇÃO
Cerca de mil pessoas acompanharam as últimas homenagens ao policial. “Ele era um homem bom… queria apenas fazer o bem. Ajudar a todos. Não queria ser mais que ninguém”, disse a mãe de Bento ao se despedir do filho.
O policial – que estava há 10 anos na Brigada Militar – deixa a esposa e uma filha de 2 anos.

Anúncios

  • OUÇA A RÁDIO CULTURA