GOVERNO DO ESTADO VAI DISTRIBUIR 900 MIL DOSES CONTRA FEBRE AFTOSA.

O governo do Estado vai disponibilizar 900 mil vacinas contra a febre aftosa para produtores que possuem até dez animais, o que representa 38% dos pecuaristas gaúchos. A campanha de vacinação começou no domingo (1º) no Rio Grande do Sul. Para que recebam as doses, os produtores precisam estar enquadrados nos programas Pronaf e PecFam. A campanha de imunização vai até o dia 31 de maio, e a estimativa é de que sejam imunizados 110 mil animais.
A Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Irrigação (Seapi) antecipou a vacinação contra a febre aftosa em áreas de risco em Santa Maria, tanto na zona rural como na área urbana do município. Desde 18 de abril, bovinos e bubalinos recebem a dose.

O vírus – O vírus da febre aftosa é altamente contagioso e pode ser transmitido através da baba do animal, que contém grande quantidade de vírus. O sangue dos animais infectados também contém grande quantidade de vírus durante a fase inicial da doença. O vírus dessa doença é muito resistente, podendo resistir por meses na medula óssea do animal (mesmo depois de morto), no pasto, na farinha de ossos e no couro.

Anúncios

  • OUÇA A RÁDIO CULTURA