FÉRIAS NA REDE ESCOLAR COMEÇAM NESTA SEGUNDA.

Mais de um milhão de alunos da rede estadual de educação terão férias escolares a partir de hoje (21). O período de recesso se estende até 3 de agosto, com o início do segundo semestre letivo marcado para 4 de agosto. Para os professores, o calendário escolar prevê período de formação pedagógica entre os dias 21 e 25 de julho e recesso escolar entre 26 de julho e 3 de agosto. Neste período, as escolas devem manter plantões, possibilitando atendimento da comunidade em setores administrativos.
Formação
A formação pedagógica da próxima semana será dirigida à totalidade dos professores da rede. De acordo com a diretora do Departamento Pedagógico da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), Vera Amaro, o investimento na qualificação dos docentes será de R$ 7,6 milhões. O repasse dos recursos é feito de forma direta ao caixa das escolas, via autonomia financeira.
Vera Amaro explica que o valor dos recursos varia. Escolas de Ensino Fundamental e de Educação Especial recebem R$ 1 mil se forem rurais e R$ 2 mil se forem urbanas. As escolas com Ensino Médio Politécnico e de Curso Normal recebem R$ 2 mil e R$ 3 mil, se rural ou urbana, e as escolas de Ensino Médio Profissional recebem R$ 4 mil. Também participam dos encontros pedagógicos professores dos Núcleos de Educação de Jovens e Adultos (Nejas), os quais recebem R$ 1 mil.
O recurso será repassado a 2.364 escolas com Ensino Fundamental, 90 escolas com Educação Especial, 1.080 escolas com Ensino Médio Politécnico e Curso Normal e 45 escolas com Ensino Médio Profissional.

PROEXT PROMOVE OFICINA DE ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS FINAIS E PROCESSO DE CERTIFICAÇÃO

A Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da UNIPAMPA iniciou na quinta-feira (17/07), a primeira Oficina de Elaboração de Relatórios Finais e Processo de Certificação dos Projetos de Extensão, que será realizada nos dez campi da Instituição. A atividade ministrada pela coordenadora de Acompanhamento e Certificação da PROEXT, professora Cenir Tier, tem duração de aproximadamente duas horas e visa esclarecer dúvidas a respeito das diferentes formas de certificação das atividades de extensão, bem como facilitar a compreensão dos principais pontos e trâmites envolvidos na elaboração e envio de relatórios de projetos.
A oficina é voltada aos membros das comissões locais de extensão, discentes, servidores docentes e técnicos administrativos do campus. Os interessados podem apenas comparecer na data e local indicados pelo cronograma abaixo, sem necessidade de inscrição prévia. A PROEXT fornecerá atestado de participação da atividade. O evento acontece em São Gabriel nesta sexta-feira (18/07).

Cronograma:
18/07 – São Gabriel – 09 horas – Sala 220
18/07 – Alegrete – 14 horas – Sala 313
24/07 – São Borja – 09 horas – Sala 2202
24/07 – Itaqui – 14 horas – Sala 220
25/07 – Uruguaiana – 09 horas – Sala 615
04/08 – Caçapava do Sul – 09 horas – Sala 206
04/08 – Bagé – 14 horas – Sala 2104
05/08 – Jaguarão – 14 horas – Sala 307

10ª CRE COONTA COM 32 NOVAS NOMEAÇÕES DE PROFESSORES E 247 PROMOÇÕES.

Na área de abrangência da 10ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), com sede em Uruguaiana, foram nomeados 32 novos professores, que assinaram sua posse nesta quinta (10) e sexta-feira (11). Na última semana, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) promoveu 215 agentes educacionais e 32 professores e especialistas, que atuam na coordenadoria. Com esta atualização, chega a 29.609 o número de professores e especialistas promovidos desde 2011. Em relação aos servidores, esta é a segunda promoção desde 2000, quando foi criado o quadro de funcionários de escola, e a primeira que inclui os servidores que ingressaram no concurso de 2001.
No que diz respeito às nomeações, o número de aprovados no concurso do magistério em atividade na rede estadual chega a 3.770. A expectativa, segundo a diretora do Departamento de Recursos Humanos (DRH) da Seduc, Virgínia Nascimento, é manter o processo de nomeação e posse a cada 40 dias, com número de professores a definir em cada etapa. No momento da posse, os docentes foram designados para a escola onde lecionarão, entrando em exercício em um período de até cinco dias.
Para o secretário de Estado da Educação, Jose Clovis de Azevedo, “promover funcionários é um resgate, já que desde 2006 os servidores não tinham seus direitos de progressão na carreira respeitados”. O titular da Seduc destacou que o Governo do Estado colocou em dia as promoções dos professores e especialistas, avançando também na promoção dos funcionários e na contratação dos novos docentes. “Isso é valorizar o profissional. Isso é respeito às carreiras. Isso é política de qualificação do quadro funcional das escolas cujo objetivo é a qualidade de ensino de nossos alunos”, disse.
Ao mudar de classe, o professor recebe um aumento de 10% sobre o salário básico, sobre o qual incidem as demais vantagens. Já os funcionários de escola recebem um acréscimo de 6% sobre o básico. A promoção de professores é regida pela Lei nº 6.672, de 1974, que criou o plano de carreira do magistério estadual, e a promoção de funcionários é regulada pela Lei nº 11.407, de 2000, que estabeleceu o quadro de servidores de escola.

SEMINÁRIO SOBRE SAÚDE NA ESCOLA REÚNE REPRESENTANTES DE 52 INSTITUIÇÕES.

seminário
“Nada se faz sozinho. Precisamos trabalhar juntos para melhorar a saúde da nossa gente”, afirmou o prefeito Roque Montagner ao abrir oficialmente o Seminário “Saúde na Escola – o conhecimento é fonte valiosa de saúde”, realizada durante a manhã e tarde de quinta-feira (10/07), no auditório da Escola Municipal Ginásio São Gabriel. O evento foi organizado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) como forma de capacitação para os profissionais que atuarão com multiplicadores no Programa Saúde na Escola (PSE). Conforme a Secretaria de Saúde, 52 instituições foram representadas no seminário, sendo que 41 instituições integram a rede pública de ensino municipal e estadual.
O PSE vai beneficiar, inicialmente 41 escolas de São Gabriel, entre elas nove estaduais (Antonio Jose de Assis Brasil, Pery da Cunha Gonçalves, Ataliba Rodrigues das Chagas, Manoel Luis Marques, José Sampaio Marques Luz, João Pedro Nunes e Fernando Abbott), 31 municipais, sendo 23 de ensino fundamental e oito de Educação Infantil.
A proposta do programa é contribuir para a formação integral dos estudantes por meio de ações de promoção, prevenção e atenção à saúde, com vistas ao enfrentamento das vulnerabilidades que comprometem o pleno desenvolvimento de crianças e jovens da rede pública de ensino. O público beneficiário do PSE são os estudantes da Educação Básica, gestores e profissionais de educação e saúde, e comunidade escolar.
“Estamos trabalhando com uma perspectiva de saúde melhor para o nosso Município. É justo que desenvolvamos um projeto de educação para a nossa saúde dentro das escolas, mas ampliando o alcance para os lares daqueles fazem parte da comunidade escolar”, argumentou o prefeito.
No primeiro dia, o seminário teve como palestrantes o secretário de Administração Ricardo Gomes, com o tema Promoção da Cultura de Paz e Direitos Humanos Leis da Educação e a nutricionista Nathalia Vanhove, sobre promoção de alimentação saudável e fortificação da alimentação infantil com micronutrientes (vitaminas e minerais). Na parte da tarde, o médico Heraldo Amann falou sobre Gravidez e sexualidade na adolescência. Também palestraram a enfermeira Angélica Ávila e fisioterapeuta  Giovani Camargo.
Na sexta-feira, foram palestrantes a professora Jaqueline de Almeida Pinheiro; o oftalmologista Claudio Teixeira; a fonoaudióloga Fernanda Gerzon; a enfermeira Rosangela Boher; o conselheiro tutelar Filipe Ferreira; e Luciana Benetti.

ESCOLAS DE ASSENTAMENTO RURAIS RECEBEM INVESTIMENTOS DE R$ 1,5 MILHÃO.

A Secretaria de Estado da Educação entregou dois dos três módulos escolares dos assentamentos Cristo Rei e Itaguaçu, no município de São Gabriel, nesta quinta-feira (10/07). Além desses, a comunidade Madre Terra também foi beneficiada.
Cada assentamento recebeu investimentos de R$ 480 mil, para salas, refeitório, cozinha, depósito e circulação, que serão utilizados por 30 estudantes em cada local. Os três módulos são uma extensão da Escola Estadual de Ensino Fundamental Ataliba Rodrigues das Chagas.
Durante a cerimônia, o secretário da Educação, José Clovis de Azevedo, informou que a região de São Gabriel já recebeu investimentos de R$ 4,2 milhões que foram alocados em 51 obras escolares. “Somente para o município de São Gabriel, foram destinados R$ 2,1 milhões para 11 intervenções”.
O prefeito de São Gabriel, Roque Montagner, destacou a parceria entre os governos municipal e estadual que, segundo ele, tem sido decisiva para a educação pública. A diretora da Escola Ataliba Rodrigues das Chagas, Mara de Barros, lembrou que as ações iniciaram-se em 2012, quando não tinham água e algumas vezes, nem luz. “Esses avanços qualificam o aprendizado de nossos alunos”.
Líder da comunidade Cristo Rei, Luiz da Silva falou das dificuldades que os alunos enfrentavam antes de terem o anexo. “Muitos deles caminhavam na madrugada, três, quatro ou cinco quilômetros, e já chegavam cansados para as aulas”.
A titular da 19ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), de Santana do Livramento, acompanhou as atividades. A região de abrangência da CRE possui 57 escolas, sendo 45 urbanas e 12 rurais, totalizando 28.670 alunos. Integram a região os municípios de Quaraí, Rosário do Sul, Santa Margarida do Sul, Santana do Livramento e São Gabriel.

ALUNOS DO SODRÉ REGISTRAM A HISTÓRIA DO ASSENTAMENTO GUAJUVIRAS.

alunos entrevistam  moradores de assentamentos..
Projeto desenvolvido por alunos do 4º ano da Escola Municipal Ensino Fundamental Maria Manoela da Cunha Teixeira, no Azevedo Sodré, vem resgatando a história do Assentamento Guajuviras. Instituído nas ações práticas da professora Larissa Catarina Gräff de Mello com os estudantes, a proposta tem como filosofia fundamentar as atividades na formação de cidadãos críticos e atuantes na sociedade, explica a educadora. “Ficou claro que embora a comunidade escolar tenha se formado em torno do assentamento, muitos não conhecem a verdadeira história da sua formação”. Por um período de dois meses foi feita a coleta de dados através de aplicações de questionários, entrevistas, fotos, reportagens de jornais antigas e recentes sobre o assentamento. “Durante as conversas, a história foi sendo reconstruída”, disse a professora.
Na semana passada o resultado dos trabalhos foi apresentado para dirigentes da Secretaria Municipal de Educação (SEME) e para a comunidade escolar. O material produzido sobre o assentamento foi entregue ao presidente da Associação de Moradores do Guajuviras e uma cópia para a biblioteca da escola. De acordo com a idealizadora, o projeto revela a proposta articular a escola com as famílias e a comunidade, criando processos de integração da sociedade com a instituição, segundo o que consta em seu Projeto Político Pedagógico. “Os alunos tinham curiosidade em conhecer a história do Assentamento Guajuviras. Não sabiam nem o que era ser um assentado. A turma possui oito alunos, desses três moram no assentamento e cinco em fazendas próximas à escola e não sabiam que a mesma estava inserida em uma comunidade de muita luta e conquista”.

SAIBA MAIS – O assentamento existe há 18 anos e não há nada escrito sobre a sua história. “Com isso não é possível relatar, contar, ensinar aos alunos sobre o Assentamento Guajuviras e por esse motivo justifica-se a escolha do tema”, argumenta a professora. Os alunos muito empolgados iniciaram listando tudo o que queriam saber sobre o Assentamento Guajuviras: Por que chama-se Guajuviras? Como foram feitas as casas? O que era antes do assentamento? Como os assentados vieram para o assentamento? Eles que escolheram? Como era o assentamento quando iniciou? O que mudou? Sempre existiu a escola no assentamento? Transporte escolar sempre existiu? Quem foram os primeiros moradores? Quem teve a ideia de montar o assentamento? Qual o número de famílias assentadas e quantos hectares cada uma ganhou? O que é produzido no assentamento? Como é a água? Como era a rede de esgoto?
O diálogo trouxe as respostas aos poucos. A maioria das dúvidas foi esclarecida pelos próprios moradores. Hoje, 55 famílias residem no local e apenas quatro lotes estão desocupados. Primeiro assentamento de São Gabriel o Guajuviras se formou nas terras da antiga Fazenda Guajuviras vendida em 1996 para o INCRA. Os primeiros assentados vieram de Camaquã onde estavam acampados. A notícia oficial que viriam para São Gabriel foi dada no dia 7 de setembro, originando o nome do assentamento: Independência. A nomenclatura não vingou e os assentados acabaram adotando o nome da fazenda: Guajuviras.
A metade dos assentados de Camaquã acabou indo embora porque não se adaptou. Então vieram famílias de Catuípe, Eldorado do Sul, Cacequi, Novo Hamburgo, Canguçu, São Sepé, Bagé, Piratini e de São Gabriel. Hoje são produzidos no assentamento: aipim, amendoim, arroz, batata doce e inglesa, cana, feijão, hortaliças, laranja, mandioca, melancia, melão, milho, moranga, pêssego, soja entre outros.

SÃO GABRIEL SEDIOU ENCONTRO DE CONSELHOS MUNICIPAIS DA EDUCAÇÃO DA REGIÃO DA AMFRO.

São Gabriel foi sede de encontro regional de Conselho Municipal de Educação. O evento aconteceu na quinta-feira (26/06), na Associação dos Professores Municipais de São Gabriel (APROMUSG) e reuniu representantes dos Conselhos das cidades de Alegrete, Barra do Quaraí, Manoel Viana, Quaraí, Rosário do Sul, Santa Margarida, Santana do Livramento e Uruguaiana. O presidente dos Conselhos Municipais da Educação da região da AMFRO e Presidente do Conselho de Alegrete, professor  Gleidson Amaro Pereira Corrêa conduziu os debates.
Na abertura do encontro a secretária de Educação, professora Nilvanês Jobim, ressaltou que “chegou a vez de São Gabriel acolher os Conselhos e é muito importante tê-los aqui para discutir sobre Educação”.
O evento discutiu a qualidade da educação por meio do planejamento do professor através do cumprimento de um terço de hora atividade constante na Lei do Piso Nacional dos Profissionais da Educação. O responsável pela pela explanação representou o Conselho de Educação de Uruguaiana.
Durante o encontro foi apresentado o relato do Encontro Estadual da União Nacional do Conselhos Municipais de Educação (UNCME), que aconteceu nos dias 4 e 0 de junho, em Lagoa Vermelha. A explanação foi feita pelos representantes dos Conselhos de Educação de São Gabriel, São Borja, Santana do Livramento e Uruguaiana.
O Presidente do CME de São Gabriel, professor Jorge Vanderlei Carvalho Silva, disse que “foi muito bom acolher os municípios da Fronteira Oeste em nossa cidade para debater sobre educação sempre almejando mais qualidade no ensino”.

FAT/URCAMP APRESENTA BALANÇO DE 2013 E PROFESSORES PEDEM A REELEIÇÃO DE LIA QUINTANA COMO REITORA.

lia quintana
A Assembleia foi realizada na noite de quarta-feira no Complexo do Museu Dom Diogo de Souza em Bagé. No auditório, professores dos sete Campi da Instituição vieram assistir a prestação de contas feita pela Fundação Áttila Taborda  e consecutivamente também da Universidade da Região da Campanha. Alguns Campi trouxeram expressiva representação, como Bagé que levou 62% do quadro docente, Alegrete, com 49% e Santana Do Livramento, que marcou presença com 43% do número total de professores.
O balanço do ano de 2013 foi então apresentando por uma equipe do setor financeiro, que se revezou na exposição dos dados e números que apontaram resultados de fluxos de caixa e mais o índice de liquidez de 2013, comparado ao índice de liquidez de 2009, quando encerrava a gestão da última administração.
O Diretor Financeiro Aurelino Rocha, impressionou a todos quando mostrou o gráfico de desempenho, onde apontou que a capacidade de pagamento da Instituição, a curto prazo , melhorou em quase 1000% nos últimos três anos e meio. “A Instituição evolui e a tendência é permanecer avançando. No final de 2014, o endividamento bancário terá sido reduzido em mais de 90%”, revela com ares de entusiasmo.
O auditor chefe da empresa que presta auditoria independente as contas da Urcamp há cinco anos, Alexandre dos Santos, se pronunciou logo depois da apresentação. “Toda a documentação solicitada nos foi entregue, tivemos acesso a todos os documentos, ou seja, não tivemos restrição nenhuma no nosso trabalho. A gente acompanha a Instituição há muitos anos e podemos dizer que melhoraram muito os seus processos internos e demonstrações de números. Evoluiu muito e vemos nesse exercício um esforço muito grande da gestão, no sentido de resolver questões que antes ficavam pendentes. As ações implementadas foram muito boas e precisam de continuidade”, pondera.
O balanço foi aprovado por unanimidade e logo em seguida, depois que a palavra foi aberta, a manifestação de uma professora mudou o rumo da reunião. Eliana Collares, que leciona no Curso de Agronomia no Campus Rural, pediu o microfone para destacar a clareza com que os números foram apresentados e a forma com que a prestação de constas foi tornada pública. “Eu estou há anos nessa Instituição e nunca vi uma explanação tão compreensível e clara, nós precisamos da senhora Reitora Lia por mais quatro anos e queremos que a senhora nos responda se aceita esse desafio?”, questiona a professora, já sendo interrompida pelo auditório que nesse momento explode em aplausos.
A aclamação pega Lia Quintana de surpresa. Ela então, faz algumas considerações e logo aceita o desafio de ser pré-candidata a uma recondução ao cargo de Reitora por mais quatro anos. “Vocês estão aqui reconhecendo um resultado que é nosso, é parte do compromisso que assumimos há quatro anos, agradeço a todos pelo trabalho, que não é só da Reitora, é de todos nós que fizemos esse esforço para a gente se manter e podermos voltar a crescer”, reitera a gestora.
A partir daí outros professores também se manifestaram e o microfone recebeu a fala da Diretora do Centro de Ciências da Educação, Comunicação e Artes Núblia Juliani, da Coordenadora da Arquitetura Vera Ramos, da Diretora do Centro de Ciências da Saúde Mônica Palomino e do funcionário da Coordenadoria de Infraestrutura e Meios Clóvis Quadros, todos em defesa da atual gestão. Quatro Pró-Reitores de Campus, o de Dom Pedrito Leonardo Castilhos, a de Santana do Livramento Iara Lappe, Alegrete Jane Villaverde Gomes e o de São Gabriel Júlio Otaram, também manifestaram apoio em favor da reeleição.
O período da atual gestão permanece na administração da Urcamp até 1° de dezembro de 2014. Se reeleita, pode trabalhar por mais quatro anos à frente da Instituição.

ATIVIDADE LEITEIRA É TEMA DE CAPACITAÇÃO EM SANTA MARGARIDA DO SUL.

SAM_2907_Capacita__o_do_Leite_-_Santa_Margarida
Visando ao aumento da produção, por intermédio da qualificação da atividade leiteira, 35 produtores da Cooperativa de Produtores de Leite de Santa Margarida do Sul (Cooplesma) participaram, nesta quinta-feira (26/06), de capacitação sobre nutrição do gado leiteiro. A atividade ocorreu na comunidade de Santa Margarida, em Santa Margarida do Sul, e foi organizada pela Emater/RS-Ascar, através do Programa Leite Gaúcho, da Secretaria do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR).
Pela manhã, o sociólogo Érico Soares, da Unidade de Cooperativismo de Pelotas (UCP), apresentou o trabalho desenvolvido na parte organizacional, incluindo a gestão da Cooperativa, de 2012 até os dias atuais. Soares também destacou os avanços e os resultados obtidos. Na oportunidade, o presidente da Cooplesma, Carlos Poll, falou sobre os avanços que também obtiveram em Santa Margarida do Sul e como, inicialmente, a Cooplesma enfrentou diversos problemas referentes à documentação, resolvidos com o apoio recebido da UCP.
À tarde, o médico veterinário da Emater/RS-Ascar de São Gabriel, Gilberto Souto Meyer, apresentou assuntos ligados ao manejo de forrageiras e manejo sanitário em vacas secas. Meyer orientou os produtores quanto às pastagens mais utilizadas, assim como a altura da pastagem recomendada para entrada e saída do gado dos piquetes. O médico veterinário também falou sobre o desenvolvimento das plantas e como o “vegetal sofre para se recompor se for pastejado no momento incorreto”.
Referente ao manejo sanitário da vaca seca, ou seja, aquela que não está produzindo leite, o extensionista falou sobre a importância da proteção do canal da glândula mamária. “Estes canais permanecem abertos por várias semanas, após a vaca parar de dar leite, por isso é necessário manter certos cuidados, evitando-se assim a presença de microrganismos causadores de doenças.”

 

OFERTA DE VAGAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL É TEMA DE DIÁLOGO ENTRE AGENTES RESPONSÁVEIS EM SÃO GABRIEL.

A Secretaria Municipal de Educação realizou no último dia 24 uma audiência coletiva com a Promotoria Regional de Educação. O objetivo é traçar metas para o cumprimento da Lei 12.796, sancionada pelo Governo Federal em abril do ano passado, que torna obrigatória a oferta gratuita de educação básica a partir dos 4 anos de idade na rede pública de ensino. Várias instituições participaram do debate que definiu a criação de uma comissão entre os presentes, para a busca ativa de crianças de 4 e 5 anos de idade, que devem estar devidamente matriculados nas escolas da rede pública com prazo máximo até 2016.
A nova lei estabelece, ainda, que a Educação Infantil seja organizada com carga horária mínima anual de 800 horas, distribuída por no mínimo 200 dias letivos. O atendimento ao estudante deve ser, no mínimo, de quatro horas diárias para o turno parcial e de sete para a jornada integral.
Além da SEME, representada pela secretária Nilvanês Jobim e pela coordenadora pedagógica Naizy Machado, também estiveram presentes representantes do Conselho Tutelar, Ministério Público, de todas as escolas municipais, Conselho Municipal de Educação, Pastoral da Criança, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CONDICA) e Primeira Infância Melhor (PIM). De acordo com a secretária Nilvanês Jobim foi enviado ao Poder Legislativo o convite para a participação na audiência coletiva, mas ninguém compareceu.

GOVERNO MUNICIPAL BENEFICIAR 3.500 PESSOAS COM A CONSTRUÇÃO DE DUAS ESCOLAS.

CRECHE
Os bairros da zona sul de São Gabriel vão contar com mais duas instituições voltadas para a educação infantil e ensino fundamental. A execução da obra foi autorizada pela Prefeitura Municipal e será executada pela  Construtora DP Ayres. Inicialmente será beneficiada uma população de 3.500 pessoas, compreendendo os bairros Gabrielense, Élbio Vargas, Santa Regina, Santa Isabel, Bela Vista e Honório. “A infraestrutura contempla uma população bastante acentuada que precisa destes investimentos”, explica o prefeito Roque Montagner.
O Governo Municipal vai investir mais de R$ 4 milhões e 330 mil na construção das unidades educacionais na Rua Liara Souto Pereira, no Bairro Santa Isabel. Os recursos são do Ministério da Educação e Cultura (MEC) e chegam ao Município através do Fundo Nacional para o Desenvolvimento da Educação. “No lado sul vamos construir uma escola com 12 salas de aulas e um ginásio coberto. No outro lado, uma escola de educação infantil. A obra já foi licitada e começa em uma semana”, disse o prefeito.
Um montante de R$ 3.533.963,83 será destinado à construção da Escola Municipal de Ensino Fundamental Sepé Tiarajú e R$ 799.099,82 para a implantação da Escola Municipal de Educação Infantil do Trilha. Ainda no Bairro Santa Isabel a Prefeitura Municipal vai desenvolver a segunda fase do Programa Minha Casa Minha Vida. “Um empreendedor já adquiriu uma área de 14 hectares para a construção de 250 moradias. A estrutura que estamos implantando hoje é pensando no amanhã. Nesta região vai aumentar a população e a Prefeitura Municipal precisa estar preparada para atender bem a comunidade”, finalizou.

PROCESSO SELETIVO DE INVERNO POR AGENDAMENTO.

Desde o dia 16 de junho está oficialmente aberto o período destinado ao Processo Seletivo por agendamento. As inscrições são feitas exclusivamente pela internet onde o candidato deverá preencher o formulário que está disponível no site http://www.urcamp.tche.br. O valor da taxa de inscrição é R$ 50,00 (cinquenta reais), depois de efetivada a inscrição, o candidato deve ligar para (53) 3242.8244 ramal 245 (Pró-Reitoria Acadêmica) para fazer o agendamento.

Confira os Cursos que estão sendo oferecidos nesse Processo Seletivo por agendamento:
Campus Bagé – Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Civil, Sistemas de Informação, Educação Física – Licenciatura, Fisioterapia, Ciências Biológicas, Psicologia, Enfermagem, Nutrição, Farmácia, Agronomia, Medicina Veterinária, Administração, Ciências Contábeis, Direito – Noturno, Direito – Diurno, Pedagogia, Comunicação Social – Jornalismo.

Campus Universitário de Alegrete – Educação Física – Licenciatura, Medicina Veterinária, Administração, Direito Noturno, História, Ciências Contábeis, Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental.

Campus Universitário de Dom Pedrito – Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental

Campus Universitário de Sant’Ana do Livramento – Engenharia Civil, Administração de Empresas, Direito Noturno, Ciências Contábeis, Letras – Língua Portuguesa e Língua Espanhola e Respectivas Literaturas, Ciências Biológicas.

Campus Universitário de São Gabriel – Educação Física – Licenciatura, Administração de Empresas, Direito Noturno, Ciências Contábeis, Tecnologia em Gestão da Tecnologia da Informação.

FARMÁCIA COM DESCONTO DE 30%
O prazo para o Processo Seletivo agendado já está aberto na Universidade. Para esta fase de seleção, o Curso de Farmácia foi contemplado com o desconto de 30%, o maior oferecido pela Instituição. Quem tem interesse em se tornar um farmacêutico pode visitar a Urcamp e conhecer as instalações e a infraestrutura oferecida na Farmácia, que inclui Laboratórios, Pesquisa e Extensão e Análises Clínicas e Alimentos. Além disso, o Curso mantém convênio com Hospital Universitário e Santa Casa, empresas conveniadas, Farmácia Escola e Unidades de Saúde do município. “Não existe uma comunidade sem um farmacêutico, é tão importante quanto um médico, um odontólogo, por isso é um curso onde praticamente 100% de quem faz já sai empregado”, considera a Coordenadora do Curso de Farmácia Cíntia Ambrósio. O mercado de atuação de um profissional desta área é vasto, entre as atividades mais promissoras estão: Laboratório de Análises Clínicas, Controle de Produção de Medicamentos e Alimentos, Farmácia Hospitalar, Manipulação, Drogarias, Unidades de Saúde do SUS, atuação nas Forças Armadas e Perícia Criminal.

PROJETO “OLHARES PLURAIS SOBRE O MEIO AMBIENTE” É ENCERRADO COM ENTREGA DE CERTIFICADOS.

Olhares Plurais 001
Um projeto que encontrou nas crianças aliados importantes para os cuidados com o meio ambiente. Foi por meio da escrita e da fotografia, que os alunos dos 3º e 4º anos das escolas municipais expressaram o que pensam sobre a natureza e a importância de sua preservação. A “explosão” de olhares diferenciados sobre o tema foi impresso em uma coletânea, composta por 18 textos feitos pelos alunos e impressa, originalmente, na publicação “Somos Todos Ambiente, Somos Todos Terra” editado pela Secretaria Municipal de Educação. As fotos também feitas pelos alunos foram expostas no saguão da prefeitura. Na manhã da última terça-feira (17) os autores das redações e das fotografias foram homenageados e receberam certificados de Menção Honrosa. O prefeito Roque Montagner destacou a importância do projeto, “este é um momento significativo para se fortalecer a consciência ecológica de sustentabilidade em direção a um futuro diferente, um futuro de conservação do meio ambiente”.
A aluna Danieli Farias de Menezes, da Escola Marechal Deodoro da Fonseca, deixa claro o que aprendeu, “precisamos cuidar do pulmão do mundo, precisamos viver melhor e proteger a todos nós, por isso que é necessário cuidar da água dos rios, separar o lixo”, diz a menina de 10 anos que tem seu texto publicado na coletânea de redações. O jeito diferente de trabalhar o meio ambiente também foi destacado pela Bióloga da SEME, Juliane Munhoz que coordenou as ações do projeto. “Conseguimos envolver todos os alunos, os que não estão aqui recebendo certificados, também participaram das discussões, das conversas e das demais atividades que envolveram a Semana do Meio Ambiente dentro e fora das escolas”.
Para o prefeito Roque Montagner, projetos como esse são um reforço a uma consciência natural dos estudantes. “O meio ambiente fala por si só. Nas mudanças de estação é perceptível a comunicação da natureza e essa nova geração, já nasce com essa consciência, inclusive, orientando pai e mãe para cuidarem do meio ambiente. Estão de parabéns a Secretaria de Educação, os professores e os alunos por esse belo trabalho”, finalizou o prefeito que entregou os certificados aos alunos. A secretária de Educação, Nilvanês Jobim, foi representada pela diretora administrativa da SEME, Branca Wiesel.

APRESENTAÇÕES NA ESCOLA FERNANDO ABBOTT.

fernando 1fernando 2

Os alunos que participam do Programa Mais Educação da Escola Estadual Fernando Abbott vestiram as cores do Brasil na tarde de terça-feira (11/06). A coordena o programa organizou danças com as músicas da Copa 2014 e apresentações de capoeira, com a participação dos “Amigos da Escola”, e da banda da instituição. O evento marcou a integração do educandário, numa mobilização que tomou conta da cidade em apoio a Seleção Brasileira e a Copa do Mundo do Brasil. Também foram realizadas gincana cultural e concurso de embaixadinhas.
O Programa Mais Educação foi instituído pela Portaria Interministerial nº 17/2007 e regulamentado pelo Decreto 7.083/10, constitui-se como estratégia do Ministério da Educação para induzir a ampliação da jornada escolar e a organização curricular na perspectiva da Educação Integral. As escolas optam por desenvolver atividades nos macrocampos de acompanhamento pedagógico; educação ambiental; esporte e lazer; direitos humanos em educação; cultura e artes; cultura digital; promoção da saúde; comunicação e uso de mídias; investigação no campo das ciências da natureza e educação econômica.

HELENIR É A NOVA PRESIDENTE DO CPERS.

A professora Helenir Oliveira, de 60 anos, é a nova presidente da Cpers Sindicato. Com 92,78% das urnas apuradas até as 15h25min desta sexta-feira, ela contabiliza 38,33%, contra 35,19% da segunda colocada, Rejane de Oliveira, que concorria ao terceiro mandato e que já reconhecia a derrota.
Ao todo, mais de 35,5 mil filiados participaram da eleição em todo o Rio Grande do Sul. A mudança de comando ocorre em um dos momentos mais delicados da história do Cpers, marcado pela perda de representatividade e pela desmobilização da categoria.
Conhecida pelo temperamento forte e pela postura intransigente frente ao governo do Estado, Rejane acabou perdendo para a candidata de perfil mais moderado do pleito. A vitória de Helenir endossa o discurso de que a categoria reconheceu o esforço do Piratini ao conceder um aumento escalonado de 76,6% aos professores estaduais – embora continue sem pagar o piso nacional do magistério.
Mas os motivos da reviravolta vão além. Entre eles, estão o desgaste de Rejane e o racha da extrema esquerda no comando do órgão. Neida de Oliveira, que integrava a atual gestão até 2013, acabou concorrendo contra Rejane e somando, até o momento, 22,07% dos votos. Katiana Pinto dos Santos, da chapa 4, contabiliza 4,4%. A apuração deve ser finalizada até o fim da tarde.
“A eleição foi um processo democrático, e nós reconhecemos a vitória da chapa 2 (encabeçada por Helenir), mesmo que, pela primeira vez na história da entidade, o governo do Estado tenha colocado toda a sua estrutura a favor de uma chapa”, disse Rejane, por telefone para o jornal Zero Hora.
Professora de português com atuação no Estado desde 1987, Helenir diz que não tem vínculos com o Executivo estadual e ressalta que o sindicato existe para buscar avanços para a categoria, não para fazer oposição a governos. Ela deve assumir o cargo no início do segundo semestre.
“Aqueles que me chamam de governista são justamente os que enfraqueceram o Cpers. Nós vamos fazer a luta sindical independentemente de partido e de quem está no governo. Vamos fazer com que a categoria volte a se sentir representada. Se priorizar o diálogo e não participar de badernas é ser moderado, então eu sou moderada. Mas sou, acima de tudo, sindicalista”, diz Helenir.
Em São Gabriel, o novo diretor geral do 41º Núcleo é o professor Pedro Moacir Moreira. A eleição aconteceu em dois dias (na terça e quarta-feira). Completam a direção: José Vanderlei Carvalho Silva, vice-presidente; Carlos Alberto Garcia, secretário; Daniela Falcão, tesoureira; e ocupando as funções de diretores – Maria de Lurdes da Silva, Regina Marques, Julio César, Lenise Xavier e Janice Zambrano.
Com informações do jornal Zero Hora

URCAMP DIVULGA DATAS DE MATRÍCULAS PARA O PROCESSO SELETIVO DE INVERNO 2014.

A Urcamp divulgou ontem, 10, o resultado dos aprovados no Processo Seletivo de Inverno 2014, realizado no último domingo. Além dos nomes dos vestibulandos, a Urcamp publicou outra nota, onde apresenta as datas de matrículas, organizadas por curso. O primeiro dia para efetivar a matrícula é hoje, mas os futuros acadêmicos devem ficar atentos aos prazos. Abaixo seguem as listas.

MATRÍCULAS 11 E 12 DE JUNHO
Direito Noturno (Bagé), Medicina Veterinária (Bagé), Direito (Alegrete), Medicina Veterinária (Alegrete), Direito (Sant’Ana do Livramento).

MATRÍCULAS 23 E 24 DE JUNHO
Direito Noturno (Bagé), Agronomia (Bagé), Ciências Biológicas (Bagé), Ciências Contábeis (Bagé), Direito Diurno (Bagé), Educação Física – Licenciatura (Bagé), Enfermagem (Bagé), Engenharia Civil (Bagé), Fisioterapia (Bagé), Nutrição (Bagé), Pedagogia (Bagé), Sistemas de Informação (Bagé), Administração (Alegrete), Administração (Sant’Ana do Livramento), Ciências Contábeis (Sant’Ana do Livramento), Administração (São Gabriel), Ciências Contábeis (São Gabriel), Direito (São Gabriel), Educação Física – Licenciatura (São Gabriel).

MATRÍCULAS 30 E 31 DE JULHO
Administração (Bagé), Comunicação Social (Bagé), Farmácia (Bagé), Psicologia (Bagé), Ciências Contábeis (Alegrete), Gestão Ambiental (Alegrete), História (Alegrete), Gestão Ambiental (Dom Pedrito), Engenharia Civil (Sant’Ana do Livramento), Ciências Biológicas (Sant’Ana do Livramento), Gestão da Tecnologia da Informação (São Gabriel).

NA ESCOLA: PROJETO COPA “PINTA” DE VERDE E AMARELO AS ESCOLAS MUNICIPAIS.

na escola
As escolas da rede municipal de ensino aderiram ao espírito esportivo da Copa do Mundo. Todas estão participando do projeto Copa, da Secretaria Municipal de Educação que trouxe como proposta principal a integração dos estudantes com o espírito cívico e esportivo. “Nosso ideia é envolver o aluno com a cultura do futebol e despertar nele esse civismo e amor à pátria, tão latente em uma copa do mundo”, destacou a secretária Nilvanês Jobim. O desafio da interdisciplinaridade com o tema Copa envolveu os alunos da Escola Municipal Menino Jesus Caic, que desde o mês de maio, lançou o projeto Copa no Caic. Na disciplina de Matemática os alunos estudaram as tabelas dos jogos. Na Língua Portuguesa foi explorada a interpretação de texto. Os alunos do 1º ano estudaram a história da bola. Nas disciplinas de História e Geografia, o tema trabalhado foi os países da copa. A pré-escola estudou a história e o desenho do mascote da copa, o Fuleco.
Na última quarta-feira, a escola realizou a Festa da Copa, onde foram escolhidos a boneca e a garota da copa e ainda o rei e a rainha de embaixadinhas.

SEME REFORÇA SISTEMA DE AQUISIÇÃO DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS PARA MERENDA.

merenda escolar

Na última semana o Setor de Alimentação Escolar da Secretaria Municipal de Educação visitou as escolas do campo. Na oportunidade, o representante do setor Selmar Carbajal Borges fez contato com as comunidades escolares para informar sobre o fornecimento de produtos para o preparo da alimentação escolar. No campo, a campanha de aquisição de alimentos tem a seguinte proposta: “Você produz, a escola compra”.
Além de divulgar a ação o setor esclareceu sobre o procedimento necessário para a venda dos gêneros alimentícios. “Salientamos que tão logo seja divulgada a chamada pública, o produtor poderá procurar a EMATER para o preenchimento das propostas, que em seguida serão encaminhadas pela EMATER à Secretaria Municipal de Compras, Licitações e Contratos. Aprovada a proposta, o produtor pode entregar diretamente na escola mais próxima de sua localidade. Com isso, os alimentos que até então eram comprados nos supermercados passam a ser adquiridos direto do produtor” finalizou Carbajal. Na próxima quinta-feira (05) às 08h30min, o Setor de Alimentação Escolar da SEME realizará uma reunião no salão de atos da prefeitura, o encontro é direcionado aos produtores rurais para esclarecer pontos do sistema de aquisição de alimentos.

EDUCAÇÃO LANÇA A SEMANA DO MEIO AMBIENTE COM LIMPEZA DAS MARGENS DO RIO VACACAÍ.

meio ambiente
Limpeza das margens do Rio Vacacaí e trabalho de conscientização com as famílias que residem no Bairro Mato Grosso, uma das comunidades mais carentes da região ribeirinha, integraram as ações do primeiro dia de atividades da Semana do Meio Ambiente em São Gabriel. O prefeito Roque Montagner participou dos trabalhos desenvolvidos, na prática, por alunos das escolas municipais Marechal Deodoro e Ferraz Neto com a coleta de lixo no lado oeste do rio.
A Semana do Meio Ambiente é o primeiro estágio do trabalho de implantação da Com-Vida (Comissão de Meio Ambiente e Qualidade de Vida) da Escola Marechal Deodoro, a primeira instituição de ensino a implantar um sistema que busca potencializar as ações de educação ambiental nas escolas do ensino fundamental (6º ao 9º ano), por meio da criação e manutenção de um espaço democrático e participativo que congregue toda a comunidade escolar e fomente iniciativas voltadas para a sustentabilidade socioambiental e à melhoria da qualidade de vida no educandário e sua comunidade, assim como o diálogo sobre temas socioambientais contemporâneos.
Com o lançamento, foi iniciado um processo de intervenção e diagnóstico das famílias que residem às margens do Rio Vacacaí. O primeiro passo, segundo a programação da Secretaria Municipal de Educação (SEME), é a realização de entrevista com os moradores e, com os dados, conhecer os problemas de poluição que sofre a região. A ideia é trabalhar soluções conscientes para as problemáticas apresentadas.
O Com-Vida deverá ser uma ação permanente e, de acordo com a SEME, deverá ser estendido a todas as instituições de ensino da Rede Municipal.
A Semana de Meio Ambiente continua nesta quinta-feira (05/06) com exposição de fotos no saguão da Prefeitura Municipal, SAC e Secretaria Municipal de Educação. Com o tema “Olhares plurais sobre o meio ambiente”, as fotos serão assinadas por alunos das instituições de ensino da cidade. Em destaque, a visão da criança retratando a falta de conscientização do homem com fotografias que revelam o descaso com o meio natural.
Ainda na quinta-feira, com a participação das Secretarias de Agricultura e de Obras e Meio Ambiente, serão distribuídas mudas de árvores nativas (arborização e frutíferas) no espaço cívico da Praça Dr. Fernando Abbott. A SEME vai editar, ao término das atividades, um livro com textos assinados por alunos. A publicação terá uma redação por instituição de ensino.

INFORMATIZAÇÃO DA FICHA DO ALUNO INFREQUENTE É TEMA DE CAPACITAÇÃO NA SEME.

Na manhã da última quinta-feira a Secretaria Municipal de Educação reuniu gestores escolares, Conselho Tutelar e Ministério Público. O encontro que aconteceu no Salão de Atos da prefeitura esclareceu pontos sobre a Ficha do Aluno Infrequente (FICAI On-Line), que tem por objetivo controlar as faltas e coibir o abandono escolar por crianças e adolescentes. A capacitação de gestores foi realizada devido a substituição do sistema manual para o virtual. “Estamos atualizando nosso sistema e capacitando nossos profissionais, para isso contamos com o apoio imprescindível do Ministério Público, na pessoa do Dr. Fernando Andrade Alves e do Conselho Tutelar”, destacou a secretária Nilvanês Jobim.
A ferramenta On-Line facilita o fluxo de informações e agiliza o retorno do aluno infrequente, já que permite o cruzamento de dados entre os órgãos envolvidos. Além de garantir o direito à educação, o sistema FICAI On-line, auxilia na aplicação de medidas protetivas em favor de crianças e adolescentes que tiverem seus diretos fundamentais ameaçados ou violados, interligando a escola, o Conselho Tutelar e o Ministério Público, que por meio dos dados colhidos com a aplicação da ficha devem garantir o direito à Educação.
O encontro foi promovido pela Coordenadora das Escolas do Campo, Vânea Guedes e a responsável pela frequência escolar do Programa Bolsa Família, Karina Sudatti. Além da capacitação sobre o sistema, os profissionais da educação tiveram a oportunidade de esclarecer dúvidas sobre problemas do dia a dia escolar com o Promotor Fernando Andrade Alves.

MUNICÍPIOS DA FRONTEIRA OESTE RECEBEM R$ 13 MIL PARA PASSE LIVRE ESTUDANTIL.

Cinco municípios da região Fronteira Oeste do estado já receberam R$ 13 mil para o financiamento do Passe Livre estudantil. O valor, totalizado nesta sexta-feira (30), corresponde ao subsídio pago pelo Governo do Estado no mês de março, e atende a 135 estudantes que encaminharam o cadastro nas prefeituras (veja relação abaixo). Os repasses retroativos a abril e maio serão pagos na próxima semana, de acordo com informações da Casa Civil.
Na última quinta-feira (29/05), o governador Tarso Genro recebeu no Palácio Piratini representantes da União Estadual dos Estudantes (UEE-RS), DCE-UFRGS e de movimentos estudantis para tratar do Programa Passe Livre. Tarso destacou a legitimidade da mobilização e o compromisso do Executivo gaúcho com o diálogo: “sabemos que o processo enfrentou algumas dificuldades, mas também não existe nenhuma experiência correlata no país”, afirmou, ressaltando o pioneirismo da iniciativa.
O presidente da UEE-RS, Fábio Kucera, falou sobre o objetivo do ato e apresentou uma pauta com as demandas das entidades. “Defendemos e queremos a consolidação do passe livre”, observou.
Ao todo, 22 mil estudantes, de 331 municípios, serão beneficiados com um valor que varia entre 35% a 100% dos seus gastos com transporte escolar, conforme cálculo que considera a distância percorrida. O pagamento será realizado de forma retroativa e no primeiro semestre representará R$ 7 milhões.

REPASSE
PROGRAMA PASSE LIVRE
Pioneiro no Brasil, o programa Passe Livre Estudantil foi instituído em 2013 e beneficia os estudantes com renda per capita de 1,5 salário mínimo regional (Faixa 1: R$ 868,00) e que moram em uma cidade e estudam em outra. Pela necessidade de operar nos sistemas de transporte público e privado, o programa foi instituído em duas modalidades: a do transporte público, de pagamento integral, que contempla Região Metropolitana e aglomerados urbanos; e a do transporte privado – fretamento – através de subsídio, que alcança os demais municípios do interior.

NOMEADOS 26 NOVOS PROFESSORES PARA A 19ª CRE .

A 19ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), com sede em Santana do Livramento, irá receber 26 novos professores aprovados em 2013 no Concurso do Magistério.
O mutirão de posse será realizado pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc), nos dias 5 e 6 de junho. No momento da posse, os docentes serão designados para a escola onde lecionarão, entrando em exercício imediatamente.
Com mais esta nomeação de 961 professores, o número de aprovados no concurso do magistério em atividade na rede estadual chegará a 2.861. As nomeações abrangem as 30 Coordenadorias Regionais de Educação (CREs). Participam do mutirão, além da Seduc e da Secretaria de Administração e Recursos Humanos, a Cia. de Processamento de Dados do Rio Grande do Sul (Procergs) e a Casa Civil.
Entre no portal da Secretaria de Estado da Educação http://www.seduc.rs.gov.br e o link editais para acessar a lista do 5º grupo de nomeados.

TRABALHO EM PARCERIA REFORMA PAVILHÃO NA ESCOLA BRANDINA MELO.

brandina
Colaboradores da São Gabriel Saneamento participam voluntariamente da ação que garantirá a manutenção do Programa Mais Educação para 170 crianças
Em mais uma edição do Dia do Voluntariado, funcionários da São Gabriel Saneamento participarão na manhã deste sábado, 24, do evento que formalizará a entrega de um pavilhão anexo a Escola Brandina Melo, no Bairro Dr. Dácio.
Uma parceria entre a empresa e a Prefeitura Municipal, por meio das Secretarias de Educação, de Serviços Urbanos e de Obras, está há cerca de um mês trabalhando para transformar o espaço abandonado em uma área de estudos, cursos de música, dança e outras atividades extraclasse.
Na manhã deste sábado, os colaboradores da São Gabriel Saneamento finalizarão o trabalho de pintura externa e das aberturas, encerrando a participação voluntária na ação que, em parceria, realizou desde a reforma de parte da alvenaria do prédio, instalação elétrica e hidráulica, troca do telhado e pintura.
Durante o evento os alunos da Escola e moradores do Bairro poderão aproveitar as atividades abertas para a comunidade, como brinquedos de recreação gratuitos para as crianças e distribuição de pipoca e refrigerantes.

PROJETO DEZ FLASHES ESTÁ EM EXPOSIÇÃO NA SEME.

Alguns momentos da vida dos alunos do 4º ano da Escola Municipal Maria Manoela de Azevedo Sodré estão expostos no saguão da Secretaria Municipal de Educação. Os fatos registrados em fotos pelos próprios estudantes é uma iniciativa do Projeto Dez Flashes, proposto pela professora Larissa Graff. Com a câmera fotográfica na mão os alunos fotografaram temas pré-estabelecidos pelo projeto, mas todos voltados a vida no campo. Para a secretária de Educação Nilvanês Jobim, o resultado do trabalho é uma demonstração da riqueza do dia a dia dos alunos. “Vemos aqui nessas fotos imagens lindas, justamente por serem feitas pelos alunos. Esse projeto valoriza uma realidade que é desconhecida na cidade e por isso ele está aqui, a disposição de quem vem à secretaria”, destacou a secretária.
Para a coordenadora das escolas do interior Vanea Guedes o projeto promove a integração entre os componentes da turma e da própria escola. “São registros do dia a dia, de realidades inseridas em um mesmo contexto, que agora estão aqui, sendo vistas por pessoas de uma outra realidade, a da cidade”, finalizou.

EDUCAÇÃO INFANTIL SE DESTACA NA MOSTRA ESTUDANTIL COM MATERIAL RECICLÁVEL.

O respeito à natureza e aos animais foi a marca da 2ª edição da Mostra Estudantil com material reciclável elaborada pelas crianças da Educação Infantil. Nos trabalhos feitos pelos pequenos sobraram manifestações de carinho ao meio ambiente. Além dos objetos feitos em sala eles incorporaram a causa em defesa dos animais. Quem conferiu a exposição no saguão da Escola Municipal Ginásio São Gabriel, na última sexta-feira, se deparou com o leão, a girafa, com o tatu e o elefante.  Os animais ganharam vida e um movimento especial no corpo de seus pequenos defensores. Para a coordenadora da Educação Infantil, Diva Wallauer, o objetivo é despertar nas crianças a importância da conservação do meio onde vivem, ainda na primeira idade escolar. “A proposta de confeccionar os trabalhos foi muito bem aceita pelos alunos. Eles são defensores natos dos animais, da natureza. Além disso, também apresentaram trabalhos ligados ao mundo infantil, como, bonecos e carrinhos”, destacou.
Entre os brinquedos preferidos da Mostra Infantil, esteve o jacaré feito de garrafa pet, cabeça de papel e corpo em plástico bolha; o homem de lata; jogos educativos e uma seleção de brinquedos antigos. Tudo feito com a participação ativa dos pequenos, que tiveram na reciclagem um suporte eficaz para o desenvolvimento da criatividade. “Agradeço a participação de todas as EMEIS, bem como o trabalho da bióloga Juliane Munhoz e da nossa monitora Anna Karolline Rezende dos Santos, que auxiliaram a Educação Infantil no desenvolvimento dos trabalhos”, finalizou Diva Wallauer.
A 2ª edição da Mostra Estudantil com material reciclável e o 2º Seminário Regional de Coleta Seletiva, com a inclusão dos catadores, são uma proposta do Projeto Minuano promovido pela ONG Planeta Vivo, com o apoio da Petrobrás. No município o Projeto está sob a coordenação da Secretaria Municipal de Educação.

MOSTRA ESTUDANTIL E SEMINÁRIO REGIONAL DE COLETA SELETIVA MOVIMENTAM COMUNIDADE ESCOLAR.

Minuano - secretárias Tani Vieira e Nilvanês Jobim, prefeito Roque e secretário Aljacir Brito

Um dia inteiro dedicado às questões do meio ambiente e à educação ambiental reuniu representações das escolas municipais, profissionais do meio ambiente, alunos e catadores na Escola Municipal Ginásio São Gabriel. O cenário exposto no saguão da escola na última sexta-feira (16) trouxe a 2ª edição da Mostra Estudantil com material reciclável e ainda o 2º Seminário Regional de Coleta Seletiva, com a inclusão dos catadores. As atividades são resultantes do Projeto Minuano promovido pela ONG Planeta Vivo, com o apoio da Petrobrás.
A criatividade dos trabalhos foi o grande destaque da Mostra. Entre o material exposto, jogos didáticos e pedagógicos, com ênfase para o desenvolvimento do raciocínio lógico e da criatividade e várias formas de educar, inclusive métodos específicos para a Educação Infantil, com o teatro de fantoches, na casa de papelão, feito pelos alunos da Escola Municipal João Manoel Salvadé. “A Mostra Estudantil revelou o quanto nossas escolas estão comprometidas com as questões do meio ambiente. Presenciamos uma verdadeira explosão de criatividade e de entendimento do objetivo da reciclagem e da importância dos cuidados com o meio ambiente”, destacou a secretária Municipal de Educação, Nilvanês Jobim.
A integração de catadores na promoção de cuidados com o meio ambiente foi proposta ainda em 2013 quando, a prefeitura, por meio de contrato, incluiu esses profissionais no projeto de implantação gradativa de coleta seletiva de resíduos. Atualmente os bairros Cidade Nova e Trindade recebem todas as sextas-feiras, o serviço de separação seletiva, feito pelos catadores. Na terça feira o trabalho é realizado nos Bairros Independência e Mariana.
O prefeito Roque Montagner prestigiou os eventos e destacou o empenho do Poder Executivo em dar dignidade aos catadores, bem como ampliar ações positivas relacionadas ao meio ambiente. “Estamos avançando muito nas relações ambientais e essa Mostra Estudantil e o Seminário Regional de Coleta Seletiva são a prova disso. Parabenizo as escolas pelos belos trabalhos e a Secretaria de Educação pelo incentivo dado à comunidade escolar e aos catadores”, disse o prefeito.
Para a bióloga da SEME, Juliane Munhoz, que é responsável pela Mostra Estudantil, pelo Seminário de Coleta Seletiva e pela execução dos projetos nas escolas, a conscientização sobre os cuidados com o meio ambiente foi intensificada com os eventos: “com toda a certeza, o trabalho que está sendo plantado sobre coleta seletiva e material reciclável levará 100% do material reciclável das escolas municipais para a destinação correta, seja na forma de doação à associação de catadores ou na utilização deste material, para utilização nas propostas pedagógicas em sala de aula. O resultado disso também é o resgate da dignidade dos catadores e uma conscientização coletiva sobre a importância da preservação”, finalizou a bióloga.
Também participaram do evento, representantes da Rede Paulista de Catadores, catadores de Rosário do Sul e de Dom Pedrito e ainda o deputado federal Dionilso Marcon e a deputada estadual Ana Affonso, ambos do PT.

UNIPAMPA REALIZA CHAMADA COM NOTA DO ENEM 2013.

A Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA) realizará no dia 26 de maio mais uma chamada presencial para preenchimento das vagas remanescentes nos cursos de graduação, para ingresso ainda em 2014. Podem participar da seleção todos os candidatos que realizaram o ENEM em 2013 e não estão matriculados nessa Instituição. É possível que esta seja a última oportunidade de ingresso na UNIPAMPA via ENEM ainda em 2014.
Nesta etapa, a ordem de classificação para preenchimento das vagas é realizada presencialmente entre todos os que comparecerem na data, horários e locais estipulados pelo edital que será lançado na segunda-feira, 16. A listagem de classificação para cada curso é gerada a partir das notas obtidas no ENEM 2013 de todos os candidatos que comparecerem na chamada do dia 26.
O desempenho exigido pela UNIPAMPA é a obtenção de nota mínima de 200 pontos nas provas de Matemática e suas tecnologias, Ciências da Natureza e suas tecnologias, Ciências Humanas e suas tecnologias, Linguagens, códigos e suas tecnologias, e não obtenção de nota zero na Redação.
Ao todo, o edital deve ofertar 219 vagas distribuídas nos campi Bagé, Caçapava do Sul, Dom Pedrito, Itaqui, Jaguarão, São Borja e São Gabriel.
Todos os detalhes da seleção estarão disponíveis no edital que será publicado no portal da UNIPAMPA na segunda-feira, 19.

PROJETO 10 FLASHES PROMOVE A INTEGRAÇÃO DE ALUNOS DO 4º ANO DA ESCOLA MARIA MANOELA.

pais escola manoela

A rotina diária dos alunos que estudam no interior do município é intensa na escola. É no ambiente escolar que eles passam a maior parte do tempo de suas vidas. O convívio diário, estreita amizades, mas a distância entre as residências não permite que o relacionamento dos alunos se expanda, além do espaço escolar. Pensando em potencializar o convívio e proporcionar um conhecimento mais profundo sobre a vida dos alunos, a professora Larissa Graff desenvolveu o projeto 10 flashes. “A ideia é fazer com que eles se conheçam melhor. Trazer um pouco da história de cada um para dentro da escola, para que os momentos que eles passam em casa sejam compartilhados entre eles e também com o educador”, diz a professora.
Cada aluno foi desafiado a montar uma coletânea de 10 fotos, os temas foram escolhidos em sala e retrataram como foco a família, casa, animal, planta, açude ou barragem, livre, minha foto, entre outros. O aprendizado diferenciado ganhou a simpatia dos alunos, “Gostei muito de tirar fotos. Eu nunca tive uma câmera e com esse trabalho, aprendi que a foto fala mais que as palavras. Foi muito bom conhecer a casa dos colegas, a família deles e da professora também”, conta o aluno Willian Valandro Nunes Cavalheiro, de 9 anos.
Os cliques dos alunos revelaram o contexto de uma realidade cheia de pontos em comum. A lida diária na horta, o cuidado com os bichos, a natureza e as famílias foram transportadas em fotos para dentro da escola. A integração foi promovida com sucesso e reconhecimento. “Esse trabalho rendeu um aprendizado valioso, principalmente, porque entrelaçou a tecnologia e o campo, revelou a beleza dos lugares onde vivem os alunos do campo e promoveu o conhecimento entre os estudantes”, finalizou a diretora Maris Motta.

ELEIÇÃO CPERS: OPOSIÇÃO EM SÃO GABRIEL NESTA QUINTA-FEIRA.

Pedro Moacir Moreira já foi diretor do Núcleo e volta a concorrer neste pleito. Professores integram a Chapa 3

Pedro Moacir Moreira já foi diretor do Núcleo e volta a concorrer neste pleito. Professores integram a Chapa 3

Interessante. A eleição do Cpers Sindicato, marcada para os dias 10 e 11 de junho, vai colocar no comando uma mulher e ela vai responder por sobrenome de Oliveira. Está uma das curiosidades deste pleito que envolve o maior sindicato do Estado. No último dia 5, quando encerrou o prazo para a inscrição de chapas para direção estadual e coordenação dos 42 núcleos, foram oficialmente confirmadas as “Oliveiras” na disputa pela presidência: Rejane de Oliveira, Helenir Oliveira e Neida de Oliveira.
Reportagem do jornal Zero Hora – que ouviu as três candidatas – revela que, apesar da coincidência de sobrenome, as três representam setores diferentes da esquerda sindical.
Na pauta da campanha, estão temas como o plano de carreira da categoria, o piso nacional do magistério, a radicalização da atuação sindical, a relação com os governos do PT e o vínculo do Cpers com a CUT.
Presidente da entidade nos últimos seis anos, integrante da corrente A CUT Pode Mais (ala rebelde da entidade) e candidata a um terceiro mandato, Rejane acredita que o caráter “combativo” da sua gestão impediu a mudança do plano de carreira. Além disso, ataca a chapa de Helenir: “O que está colocado é se o governo Tarso vai sair vitorioso ao eleger uma chapa-branca ou se a categoria vai sair vitoriosa mantendo a independência.
Helenir rebate: “Tenho 32 anos de Cpers e história no sindicato, jamais me prestaria a ser chapa-branca. Teremos, sim, disputas com o governo, porque queremos avançar. A atual direção se isolou, não consegue mais dialogar com ninguém”.
Neida e seu grupo elaboraram uma lista de propostas, incluindo a desfiliação do Cpers da CUT e o fim do regime presidencialista no sindicato, com a adoção de uma direção colegiada. “Não acreditamos em salvadores da pátria. Existe uma desconfiança muito grande em relação a pessoas que acabam assumindo uma importância maior do que o próprio sindicato. Isso é mais como projeção pessoal”,  avaliou Neida, em críticas à atuação de Rejane, atual presidente.
No Município, a Chapa de Neida é composta por Pedro Moacir Moreira (Diretor Geral), José Vanderlei Carvalho Silva (vice), Carlos Alberto Garcia (Secretário), Daniela Falcão (tesoureira) e Maria de Lurdes da Silva (Lurdinha), Regina Marques, Julio César, Lenise Xavier e Janice Zambrano (Diretores).
Pedro explica que ela foi constituída dentro das escolas estaduais e não somente no Cpers, “tendo como objetivo resgatar a mobilização da categoria sem depender de gabinetes, secretarias ou políticos”.
O candidato de São Gabriel aponta que a saída para a crise de mobilização da categoria está justamente em romper com as estruturas conservadoras:”A CUT, central atrelada ao governo e que chegou até mesmo a se manifestar contra as lutas da categoria; o sistema presidencialista, que concentra poder e sufoca o coletivo; uma reforma estatutária que impeça que alguns dirigentes permaneçam décadas na direção da entidade, o aparelhamento partidário do sindicato, o governismo. Todas estas amarras travam a mobilização e afastam cada vez mais a  base do seu próprio sindicato”.
De acordo com o candidato,  “é preciso devolver o CPERS  para a categoria. Aproximar setores da juventude que recém ingressaram na base, refletir as mobilizações de junho de 2013 e as mudanças ocorridas no movimento social depois disto construir um programa que reaproxime o CPERS das escolas, independente dos governos e que faça a categoria retomar as suas grandes mobilizações”.
A candidata Neida Porfírio de Oliveira estará em São Gabriel nesta quinta-feira (08/05) visitando as escolas estaduais juntamente com os componentes da Chapa 3 municipal. O objetivo é conversar com professores e funcionários.

UNIPAMPA ORIENTA ACOLHIDA SOLIDÁRIA E CIDADÃ AOS CALOUROS.

As aulas do primeiro semestre de 2014 da Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA) começaram nesta segunda-feira, 5, e para promover o acolhimento solidário e cidadão aos acadêmicos ingressantes, a Pró-Reitoria de Graduação enviou aos campi orientações que destacam o entendimento da acolhida de forma processual e educativa, com responsabilidade e respeito.
O documento sugere a realização de atividades de acolhimento e recepção que proporcionem a integração entre acadêmicos ingressantes e veteranos; oportunidade de conhecimento da estrutura organizacional da Instituição, e das peculiaridades e propostas dos cursos de graduação. Sugere-se que tais atividades propiciem uma convivência cordial entre os acadêmicos ingressantes, servidores docentes e técnico-administrativos, e que a acolhida seja feita com atividades que evidenciem a solidariedade e a cidadania, como gincanas, recolhimento de donativos para instituições e doação de sangue.
Um destaque especial se dá à desaprovação de atividades que tragam as concepções tradicionais do “trote”, que envolvam uso e consumo de álcool e substâncias com potencial de provocar danos à saúde, bem como atividades que promovam situações de humilhação, intimidação ou preconceito e que tragam risco de prejuízos físicos e psicológicos aos estudantes. A PROGRAD afirma, na circular, que o descumprimento dessas recomendações, em especial no que diz respeito a agressões verbais e físicas e desrespeito às pessoas, é passível de sanções disciplinares ao corpo discente, previstas no Regimento Geral da Universidade Federal do Pampa (artigo 158 ao 162).

ELEIÇÃO CPERS: OPOSIÇÃO APRESENTA PROPOSTAS EM SÃO GABRIEL.

cpers
A professora Helenir Oliveira, candidata a presidência do Cpers – Sindicato pela chapa de oposição “Cpers Unido e Forte”, reuniu-se com educadores das escolas estaduais de São Gabriel. Na ocasião, a educadora apresentou as principais propostas da chapa e ouviu as demandas de seus colegas.
Formada por filiados ao PT, PC do B, PDT, PTB, PSB e PPL e por não filiados, a chapa Cpers Unido e Forte possui 15 membros em sua direção e representantes nos 42 Núcleos pelo Estado.
Entre as principais metas da chapa, estão: cobrar do governo o pagamento do Piso Nacional sem alteração do Plano de Carreira, 1/3 de hora atividade, nomeação dos aprovados nos concursos, cursos de capacitação para os funcionários de escola e a efetividade da nova lei do vale refeição, dentre outras questões importantes para a categoria.
O principal caminho para a reconstrução do sindicato, de acordo com Helenir, será o diálogo e a mobilização. “Precisamos criar um canal de diálogo com o governo, apresentar propostas como a de iniciar, desde já, a disputa pelos royalties do pré-sal para garantir o pagamento do Piso”, observa.
As eleições para eleger a nova diretoria do sindicato ocorrem nos dias 10 e 11 de junho.

RS PROMOVE MAIS DE 10 MIL PROFESSORES.

O Diário Oficial do Estado publicou, na quinta (24/04) e na quarta (23/04), a promoção de 10.441 professores e especialistas em educação. As promoções são referentes a avaliações feitas no período 2003-2007 e garantem um adicional de 10% na remuneração dos servidores. “O processo de promoções estava congelado há muito tempo, prejudicando os trabalhadores. Com mais essa etapa, sobe para mais de 28 mil o número de promoções na educação realizadas pelo Estado a partir de 2011”, afirmou o líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Valdeci Oliveira (PT).
Conforme Valdeci, a atualização das promoções continua e, até o final desse ano, uma nova relação de servidores, avaliados no período 2012-2013 pela Secretaria Estadual da Educação (SEC), terá direito ao benefício legalmente previsto. “É mais uma etapa que se cumpre na retomada da política de valorização dos educadores gaúchos. Isso, certamente, amplia a motivação do professor e reflete, lá na frente, em uma qualidade ainda maior no ensino”, ressaltou Valdeci.
O adicional no salário do servidor promovido nesta etapa começa a valer a partir da data de publicação da medida, ou seja, a partir da folha de maio.

INSTITUTO FARROUPILHA ABRE INSCRIÇÕES PARA PROCESSO SELETIVO ENSINO À DISTÂNCIA EM SÃO GABRIEL.

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha está com inscrições abertas para o Processo Seletivo para Cursos Técnicos de Nível Médio na modalidade de Educação a Distância. As inscrições podem ser feitas até o dia 29 de abril, através do site ou por meio do preenchimento do formulário de inscrição online.  Em São Gabriel o Instituto Farroupilha oferece 40 vagas para o curso técnico em Manutenção e Suporte em Informática. O processo seletivo oferece um total de 1.400 vagas para os cursos Técnicos em 22 cidades gaúchas. Para concorrer, o candidato precisa ter concluído o ensino médio.
Os candidatos não irão realizar prova de conhecimento para ingresso. A seleção ocorre por meio do formulário de inscrição online no sitio institucional e entrega de documentação no Polo de Apoio Presencial. Assim, por meio deste, será obtida uma pontuação seguindo os critérios de: tempo de afastamento da educação formal, ensino médio ou superior, e a experiência profissional na área do curso desejado.
A documentação necessária para a seleção é: fotocópia do formulário de inscrição online assinado pelo candidato; originais e cópias da carteira de identidade, cadastro de pessoa física (CPF), histórico escolar do Ensino Médio, Ensino Superior, ou do Diploma do Ensino Superior, e comprovante de experiência profissional na área do curso ao qual concorre.
Em São Gabriel o Polo de Apoio Presencial do IF Farroupilha está situado junto à Escola Estadual de Ensino Médio Dr. Fernando Abbott e funciona de segunda à sexta-feira das 19h às 21h30min. O Polo conta com uma página no facebook “IF Farroupilha Polo São Gabriel”. Dúvidas ou informações através do email: proseletivoead@iffarroupilha.edu.br.
EDITAL N° 150/2014, DE 03 DE ABRIL DE 2014 –http://www.iffarroupilha.edu.br/site/midias/arquivos/20143382016846edital_alunos_ead_2014_01042014.pdf

UNIPAMPA SELECIONA PROFESSOR SUBSTITUTO.

A UNIPAMPA lançou edital para seleção de professor substituto para as áreas de Engenharia de Estruturas, Matemática/Cálculo Diferencial e Integral, Física, Enfermagem e Economia Rural, Comunicação e Extensão Rural, Marketing Ambiental e Gestão Ambiental em Agronegócios. Ao total serão cinco vagas. As inscrições vão até o dia 1º de maio pelo site www.unipampa.edu.br/portal/concursos. A seleção deve ocorrer no período de 26 de maio a 6 de junho. Confira os detalhes no edital 76/2014.

TÉCNICOS EM EDUCAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA EM GREVE. ADESÃO É DE MAIS MAIS DE 40%.

Paralisação foi aprovada em reunião em Bagé

Paralisação foi aprovada em reunião em Bagé

Os Técnicos Administrativos em Educação da Unipampa estão em greve desde o dia 31 de março. A adesão dos funcionários da Universidade ocorre em oito Unidades da Instituição, inclusive em Bagé. De acordo com o comando geral, o motivado da greve está relacionado a uma pauta de reivindicações da categoria que está sendo encaminhada pela FASUBRA (entidade representativa do Sindicato dos mesmos) junto ao governo federal.
O movimento é para exigir que o governo federal cumpra na totalidade o acordo de greve de 2012, alem de diversos problemas que prejudicam o melhor desempenho. Segundo nota divulgada pelo comando de greve, a categoria, hoje, conta com cerca de 180 mil trabalhadores, corresponsáveis pelo funcionamento das Universidades Federais do país, garantindo a formação de milhares de profissionais bem como da produção do conhecimento através do ensino, da pesquisa e da extensão universitária, incluindo-se aí a formação continuada de educadores, os Hospitais Universitários e outros projetos e programas que beneficiam a população de maneira geral.
“Além disso, lutamos pelo aprimoramento da nossa carreira, pela valorização com aumento do valor do piso salarial; pela democracia nas IFES, paridade nas eleições de dirigentes e para o Conselho Universitário, pela liberação de dirigentes classistas; creche para os filhos dos trabalhadores e a redução da Jornada de trabalho nos marcos do Decreto 4836/2003, proporcionando melhoria da qualidade de vida dos trabalhadores, e garantindo o atendimento dos setores da universidade nos três (3) turnos”.
Eles revelam que, em reunião de dirigentes, o MEC cortou recursos de todas as universidades. Com isso, há falta de recursos e atrasos nos pagamentos de material adquirido e de pessoal contratado.
Conforme a nota, a Unipampa está com um saldo negativo de oito milhões para compras e aquisições, podendo vir a perder 40 milhões já empenhados para obras. Há, no Campus São Gabriel, seis projetos liberados e sem recursos: Prédio da Administração do Campus (fase II); Prédio Acadêmico (fase II); Laboratório; Biblioteca; Urbanização do Campus e Estação de Tratamento de Esgoto.
A previsão é de que os Técnicos continuem em greve até que o governo aceite as reivindicações da categoria, tais como: antecipação da reposição salarial de 5% prevista para janeiro de 2015; redução da jornada de trabalho sem redução de salários; repasse das reposições salariais aos aposentados; pagamento de gratificação por penosidade para os servidores de área de fronteira; valorização da carreira e promoção, infraestrutura e condições de trabalho, entre outras.
O calendário de mobilização prevê atividades locais com concentração na Sede Administrativa do Campus São Gabriel; manifestação na Praça Dr. Fernando Abbott; participação em sessão da Câmara Municipal de Vereadores; Audiência com o Executivo Municipal; participação em Ato Público conjuntos em Porto Alegre e Plenária da categoria em S. do Livramento e Bagé.
O Sindicato dos servidores da Unipampa (Sindipampa) informa que a adesão é de mais de 40% dos servidores da Instituição e em cada Unidade da Universidade há um Comando Local de Greve, além do Comando Geral. No Campus de São Gabriel o Comando de Greve está representado pelos Técnicos: Alessandra Barazuti; Dani Cabreira e Tiago Ávila. A expectativa é de que mais sindicatos e a categoria dos docentes e de técnicos dos Institutos Federais também venham a aderir ao movimento paredista.

UNIPAMPA CONQUISTA RECURSOS DE R$ 1,5 MILHÃO PARA INFRAESTRUTURA DE PESQUISA.

A Pró-Reitoria de Pesquisa (PROPESQ) da Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA) anunciou, nesta segunda-feira, 31, a aprovação da proposta institucional submetida no âmbito da Chamada Pública CT-INFRA 01/2013, da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT).

Com o termo de cooperação, a Universidade receberá o repasse de R$ 1.574.758,00 para investir em obras e equipamentos para infraestrutura de pesquisa a ser usada pelos Programas de Pós-Graduação em Engenharia (campi Alegrete e Bagé), Engenharia Elétrica (Campus Alegrete) e Tecnologia Mineral (Campus Caçapava do Sul). Os equipamentos que serão adquiridos pela PROPESQ com os recursos são: medidor de diagramas de irradiação NSI-700S-20; sistema Raman com espectrômetro integrado AFM Confocal; medidor de condutividade térmica; e scanner a laser.
De acordo com o pró-reitor de pesquisa, professor Eduardo Ceretta Moreira, a Universidade já obteve mais de R$ 9 milhões em recursos para obras e equipamentos direcionados à pós-graduação. Em 2012 a Instituição recebeu R$ 3.297.178,00 que foram destinados à melhorias nos PPGS em Ciências Biológicas (Campus São Gabriel), Bioquímica, Ciência Animal e Farmácia (Campus Uruguaiana).

PROFESSORES ESTADUAIS DECIDEM FAZER PARALISAÇÃO DE TRÊS DIAS NA PRÓXIMA SEMANA.

Os professores da rede estadual aprovaram paralisação de três dias a partir da próxima segunda-feira, em assembleia no Ginásio Gigantinho, em Porto Alegre, na tarde desta sexta-feira (14/03). A decisão vai ao encontro de uma mobilização nacional pela valorização da categoria. Os cerca de 2,5 mil professores rejeitaram entrar em greve por tempo indeterminado.
Dentre as principais reivindicações estão o pagamento do piso nacional do magistério pelo governo do Estado, mudança do vale-refeição para o vale-alimentação e nomeação dos professores aprovados no concurso de 2013.
“A educação só será de qualidade quando os professores puderem lutar pelos seus direitos constitucionais”, disse a presidente do Cpers Sindicato, Rejane Oliveira, em referência ao piso dos professores.
A Secretaria Estadual da Educação (Seduc) pede que os pais levem os filhos às escolas, na segunda-feira, e que as direções escolares não impeçam de trabalhar, os professores que não aderiram à paralisação. A secretária adjunta da Seduc, Maria Eulália do Nascimento, acredita que a adesão da categoria à mobilização deva ser baixa.
Os professores realizam uma caminhada ainda nesta tarde, a partir do Gigantinho, até o Largo Glênio Peres, no Centro de Porto Alegre, para lembrar o Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março. A marcha deve seguir pela Avenida Padre Cacique e Borges de Medeiros, até o Centro.
“A educação só será de qualidade quando os professores puderem lutar pelos seus direitos constitucionais”, disse a presidente do Cpers Sindicato, Rejane Oliveira, em referência ao piso dos professores.

PREFEITO PARTICIPA DE COMEMORAÇÕES DOS 10 ANOS DE MUNICIPALIZAÇÃO DA ESCOLA GINÁSIO SÃO GABRIEL.

ginásio - professoras homenageadas 2

A Escola Municipal Ginásio São Gabriel completou nesta quarta-feira (12/03) uma década de municipalização. O educandário está entre os mais tradicionais do Município e atende, por ano, cerca de 800 alunos do pré ao 9º ano (Ensino Fundamental completo). “É uma escola tradicional. Daqui saíram doutores, médicos, professores e até prefeitos. Sinto-me orgulhoso em fazer parte desta história gloriosa”, disse o prefeito Roque Montagner.

O chefe do Executivo Municipal participou da solenidade de 10 anos, realizada na manhã desta quarta-feira, na quadra de esportes do Ginásio Champagnat. O evento contou com a participação de pais, alunos e professores. Também participaram da solenidade o vereador Adão Santana, representando o Poder Legislativo, e o diretor da Escola Técnica Municipal Adilson Carvalho.
O Governo Municipal sanou os problemas estruturais que a instituição vinha apresentando nos últimos anos. Hoje, a Escola Ginásio São Gabriel é um estabelecimento que chama a atenção da comunidade e uma das mais procuradas pelo público estudantil. O prefeito disse que “estará sempre presente, apoiando a melhor qualidade de ensino para os jovens e oferecendo metas para o futuro”.
O prefeito Roque ao avaliar a educação municipal, anunciou a chegada do Instituto Federal Farroupilha. A nova escola vai oferecer cursos técnicos e qualificar profissionais para o mercado de trabalho. “Isso é um avanço. A educação no nosso governo sempre será prioridade”, disse o prefeito.
O cantor nativista Rogério Melo foi a grande atração do evento. Para um público de crianças, fãs de carteirinha, o cantor apresentou as principais canções consagradas nas vozes dele e do colega César Oliveira.
A direção da escola homenageou 10 professoras que estão na instituição desde o primeiro ano de municipalização. Foram agraciadas as professoras Ângela Gabriela Silveira Teixeira, Carmem Lígia Gonçalves Condessa, Cláudia Silva Salau, Fernanda Miquelloti Sanches, Glauce Helena Berbigier Santana, Hajaúna da Silva Barreto, Mara Eglair Motta Veiga, Maria Solange Silveira Vargas, Rosimar Silveira Simões, Sônia Regina Lopes Carvalho, Tânia Marisa Vieira da Silva e Zenilda Flores dos Santos. Também foi homenageada a senhora Mari Lacerda Pereira, voluntária que participa diariamente das atividades no educandário.

ÚLTIMA SEMANA PARA VESTIBULAR AGENDADO DA URCAMP.

URCAMP

O prazo para quem pretende ingressar na Urcamp, ainda nesse início de semestre de 2014 está chegando ao fim. Até o dia 14/03, a Universidade estará aplicando a prova de redação por agendamento. O procedimento é simples, basta que o candidato a uma vaga em qualquer um dos 20 cursos oferecidos pela Instituição entre no site da Universidade, pelo http://www.urcamp.tche.br e faça a sua inscrição. As provas acontecem em qualquer um dos sete Campi espalhados entre campanha e fronteira-oeste.Alertamos que para alterações de matrículas (inclusões e exclusões) o prazo é de 10 à 14 de março do presente ano.

GOVERNO MUNICIPAL ENTREGA MATERIAL ÀS ESCOLAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL.

para escolas de educação 1
Em solenidade realizada na tarde da última segunda-feira (10/03) o prefeito Roque Montagner e a secretária de Educação Nilvanês Jobim entregaram oficialmente às gestoras das nove Escolas Municipais de Educação Infantil, vários itens que vão complementar o cenário das escolas. São novos berços, brinquedos pedagógicos, tapetes pedagógicos, escorregadores, camas elásticas, fantoches e bonecas. Tudo adquirido com verba do Salário Educação do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).
Segundo a Coordenadora da Educação Infantil, Diva Wallauer, o material chega para reforçar o processo de ensino, “esse material corresponde às necessidades dos alunos que frequentam a Educação Infantil. Faz parte do processo de socialização, a brincadeira, o estímulo ao aprendizado e além do material humano é imprescindível o material didático pedagógico” destacou a coordenadora.
Durante a solenidade, que foi aberta com a apresentação da Banda da Escola Municipal de Ensino Fundamental Menino Jesus CAIC, o prefeito Roque Montagner parabenizou às EMEIS e destacou a importância dos investimentos feitos pela SEME, tanto com recursos municipais, quanto federais na Educação Infantil, enfatizando que na Educação Infantil, são dados os primeiros passos para a formação efetiva do cidadão. A secretária Nilvanês Jobim agradeceu a presença das representações de todas as EMEIS e parabenizou-as pelas novas aquisições.

ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO SERÃO INSERIDOS NO PROGRAMA “ATLETAS DO FUTURO”.

Secretária Nilvanês Jobim mostra a camiseta do Programa juntamente com o Professor de Educação Física Dinarte Teixeira Júnior do SESI (2)A Secretaria Municipal da Educação firmou esta semana uma parceria com o Serviço Social da Indústria (SESI). Com o convênio cerca de 60 alunos da rede municipal serão beneficiados com as atividades do Programa Atleta do Futuro. Destinado a crianças com idade de seis a 10 anos, o Atleta do Futuro vai disponibilizar a meninos e meninas todos os esportes de quadra. O convênio também assegura o material esportivo e um profissional formado para instruir as atividades. “O objetivo dessa parceria é oportunizar aos nossos alunos mais atividades, nas quais eles possam interagir entre si”, destaca a secretária Nilvanês Jobim explicando que além da idade exigida pelo programa, para participar é preciso ser aluno da rede municipal.
Saiba Mais – O Programa Atleta do Futuro do SESI atende a 16 mil crianças em todo o estado. Além do convênio com o município, o SESI atende a 175 alunos com idade entre 06 a 17 anos, em São Gabriel. As turmas são atendidas no Campi III da Urcamp, no Ginásio São Gabriel, Escola Municipal João Goulart e no 9º RCB.
Do convênio com o município, duas turmas participarão dos esportes de quadra nas terças e quintas-feiras das 8h às 9h15min, No Ginásio Champagnat da Escola Ginásio São Gabriel e das 9h25min às 10h30min, na URCAMP.

MERENDA ESCOLAR DAS ESCOLAS RURAIS SERÁ GESTADA PELO MUNICÍPIO.

DSCN6029
A partir do dia 17 de março o sistema de preparo e distribuição da merenda escolar nas Escolas Municipais do Campo será mudado. De acordo com a secretária Nilvanês Jobim houve um clamor dos alunos e também das merendeiras, que até agora, trabalhavam sob o comando de uma empresa terceirizada. Nilvanês explica, que foram inúmeras reclamações quanto ao cardápio oferecido. Com a retomada do serviço, o município terá autonomia para alterar o cardápio de acordo com as reivindicações da comunidade escolar. A secretária disse ainda, que apesar da medida trazer um volume maior de trabalho, como a aquisição e transporte dos gêneros alimentícios, o esforço é uma resposta positiva a uma parcela significativa de estudantes. “Temos o compromisso de bem atender nossos alunos em todos os assuntos inseridos na educação. A merenda é um fator muito importante para o bom aprendizado, por isso, estamos ouvindo e correspondendo ao anseio da comunidade escolar do campo” finalizou.
Para formalizar a retomada da merenda escolar das Escolas do Campo, a Procuradoria Jurídica do município elaborou um termo aditivo ao contrato com a empresa contratada, suprimindo as escolas do campo bem como, as merendeiras que são do quadro efetivo da prefeitura.

19ª CRE E PROMOTORIA ACOMPANHAM INÍCIO DE AULAS EM MÓDULOS.

ÔNIBUS MÓDULO

O Promotor de Justiça da Especializada de São Gabriel Fernando Andrade Alves, juntamente com as titulares da 19ª Coordenadoria Regional da Educação, Meire Torres e Gladis Aprato, acompanhou o início das atividades em três módulos educacionais nos assentamentos Cristo Rei, Itaguaçu e Madre Terra, ouvindo pais, alunos e educadores sobre as melhorias obtidas e ajustes que ainda se fazem necessários. Ele atuou, como representante do MP local, no encaminhamento das demandas. O processo de negociação também contou, em seu início, com a participação da Promotora de Justiça Lisiane Villagrande Veríssimo da Fonseca.
De acordo com Fernando Andrade Alves, nos módulos escolares serão oferecidas todas as séries do Ensino Fundamental. “Em dois deles, diante da demanda constatada, será oferecida educação infantil no campo, circunstância inédita em São Gabriel”, ressalta. O Promotor destaca, ainda, que nas últimas semanas foram intensificadas as tratativas para a conclusão das pendências existentes com as Secretarias Estadual e Municipal da Educação e com os representantes do Incra e dos assentados, viabilizando o início do ano letivo nos assentamentos na mesma data da rede pública estadual de ensino.
Segundo a coordenadora, “para chegarmos a esse feito foi primordial acreditar que é possível concretizar políticas públicas com engajamento e determinação. Para isso, foi necessário conjugar esforços num trabalho em rede, envolvendo as redes de ensino Estadual e Municipal, o apoio da Prefeitura Municipal com o transporte escolar, o INCRA com abertura de estradas, a Secretaria de Educação e Secretaria de Obras do Estado , cada órgão cumprindo com suas responsabilidades para atender as demandas e facilitar a locomoção e o acesso dessas crianças incluindo-as igualmente na escola”.
Desta forma, na visão da professora, está sendo garantido os direitos a estes estudantes assegurados pela legislação de receberem um atendimento eficaz, onde as distâncias foram amenizadas com o transporte escolar garantido pela da Prefeitura de São Gabriel e apoio da Secretaria de Educação.
A Secretaria de Educação do Estado encaminhou a construção dos três módulos. “Para chegarmos a este momento, é necessário nos reportarmos a 2011, quando a 19ª CRE começou o processo de resgate da Escola Ataliba das Chagas para a rede Estadual , interrompendo um processo do municipalização iniciado em 201O. Hoje, mantém a extensão e apoio, pedagógico a esses novos espaços. Foram essenciais todos os movimentos reivindicatórios realizados pelas lideranças dos assentamentos como o apoio recebido para o estudo e levantamento in loco desses alunos, realizado pela coordenadoria de Educação”.
A coordenador destacou o trabalho do Ministério, “decisivo nos momentos difíceis e na implementação de todo o processo”.
Segundo a coordenadora, 2014 será um ano que marcará a conclusão da implementação da Reestruturação Curricular do Ensino Médio, o início da Reestruturação das Escolas do Campo, o Pacto Nacional do Ensino Médio onde todos os professores serão envolvidos percebendo bolsas de estudos ,como incentivo para suas formações.
“Também destacamos a continuidade do fantástico trabalho de orientadores e orientandos do Pacto pela Alfabetização. A formação continuada aos professores será uma constante levando a reflexão sobre as práticas, compartilhando experiências profissionais. E, continuaremos o processo de nomeações de professores referentes ao Segundo Concurso Público desta gestão, o qual dar-se-á em cinco etapas, atendendo as necessidades da rede e substituição de contratos, garantindo a efetivação dos profissionais na carreira”.
Conforme a coordenadora, o trabalho criterioso realizado na rede da 19ª CRE proporcionará um início de ano letivo tranquilo. “Estamos convictos, que o comprometimento pela educação estará na partilha e comunhão de educadores e educadoras, construindo caminhos permeados por desafios eficiência pedagógica , atendendo as exigência de alunos deste novo tempo, que nos são confiados, por suas famílias, durante os duzentos dias letivos.Esta confiabilidade nos envolvem em grande responsabilidade a cada dia mais desafiadoras”.
A Rede Pública Estadual na região da 19ª CRE. Dados totais da região: 20.339 alunos matriculados na rede Estadual 19ªCRE. Em São Gabriel: Escolas -13; Professores – 356; Alunos 4.667; Turmas – 274; Funcionários – 109.

FERRAZ NETO É SELECIONADA PELO PROJETO MAIS CULTURA.

Ator e produtor de teatro Rangel Arede - diretora da Escola Ferraz Neto - Angela Maria Strieder Dotto - Coordenadora do Projeto Mais Cultura - Tanise Nunes  (3)

O Governo Federal está apostando na democratização do acesso à cultura e da integração de práticas criativas nas escolas públicas. Para potencializar e ampliar o processo de ensino, os ministérios da Cultura e Educação firmaram parceria e estão implantando o Projeto Mais Cultura. Em agosto de 2013 a Secretaria Municipal da Educação aderiu ao programa e os resultados positivos já são realidade na Escola Municipal de Ensino Fundamental Dr. Pedro Ferraz Neto, do Bairro Bom Fim. A escola está entre as 1.001 selecionadas em todo o país no começo deste mês. Para receber a verba, que varia de 20 a R$ 22 mil, além de fazer o cadastro é preciso que as escolas tenham um projeto bem elaborado, o trabalho passa pelo crivo da Comissão Interministerial de Avaliação, que aprovou o Projeto “Criação, Circulação e Difusão da Produção Artística”, que começa a ser desenvolvido em abril na Ferraz Neto.

Cerca de 60 alunos farão parte das atividades que serão realizadas em turno inverso ao da sala de aula. Para a diretora Angela Maria Strieder Dotto, o ‘Mais Cultura’ chega para complementar uma série de atividades educativas extra sala, que já estão ativas no cronograma do educandário, “quanto mais pudermos oferecer aos nossos alunos melhor. Eles já participam de oficinas de esporte, fotografia e outros, no Programa Mais Educação. Agora entrarão no mundo da arte, o que vai proporcionar uma visão mais ampliada da educação e cultura, isso é gratificante”, ressaltou a diretora.

As oficinas do Projeto Criação, Circulação e Difusão da Produção Artística elaborado pela Escola Ferraz Neto, serão coordenadas pela professora Tanise Nunes e ministradas pelo ator e produtor de elenco Rangel Arede. Com experiência comprovada na área, Rangel explica que o trabalho proporciona a evolução intelectual do aluno. Segundo ele, “os alunos ficam mais comunicativos, desinibidos, sem falar que participam de momentos de descontração e dinamismo”.

Além da Escola Ferraz Neto a SEME cadastrou as escolas Marechal Deodoro, Menino Jesus (CAIC), João Goulart e Presidente Kennedy. De acordo com o Setor de Planejamento Escolar da SEME, o objetivo da secretaria é desempenhar com seriedade o compromisso de educar com qualidade, “estamos sempre buscando inserir o município em todos os programas federais. No caso do Projeto Mais Cultura, os alunos da rede municipal vão ter acesso a uma verdadeira riqueza cultural dentro da escola. Permanecemos agora na expectativa de que as demais escolas também recebam o Mais Cultura”, finalizou a Supervisora do Programa Mais Educação da SEME, Patrícia Pozzati.

PISO SALARIAL: PRESIDENTE DA COMISSÃO DE EDUCAÇÃO QUESTIONA PREFEITO E DIZ QUE PROJETO DE LEI PODER SER ENCAMINHADO DE IMEDIATO AO LEGISLATIVO.

vereador maninho blogNa abertura do ano letivo, no Clube Banana Café, o prefeito de São Gabriel, Roque Montagner, admitiu que vai atender o que manda a lei, se referindo ao piso salarial dos professores. Segundo ele, o projeto de lei – que estabelece aumento de 8,32% – só ainda não foi encaminhado ao Poder Legislativo porque aguarda sanção da Presidente Dilma Rousseff. O presidente da Comissão de Educação da Câmara Municipal, vereador Vagner Aloy, Maninho do PDT, disse que discorda da manifestação prefeito municipal.

O vereador toma como base a lei 11748/08 que, em seu artigo 5°, diz que o piso salarial profissional nacional do magistério público da educação básica será atualizado, anualmente, no mês de janeiro a partir do ano de 2009.
Na mesma lei, em seu parágrafo único, o texto diz: a atualização de que trata o caput deste artigo será calculada utilizando-se o mesmo percentual de crescimento do valor anual mínimo por aluno referente aos anos iniciais do ensino fundamental urbano, definido nacionalmente, nos termos da lei n° 11.494, de 20 de junho de 2007.
Maninho afirma que o piso salarial do magistério deve ser reajustado em 8,32%, conforme determina o artigo 5° da lei. Se isso acontecer, o novo valor será de R$ 1.697,00 para uma carga de 40 horas.
Após consulta ao Ministério da Educação e Cultura (MEC), o vereador ficou sabendo que não existem portarias e nem depende de sanção da presidente para que os prefeitos envie aos legislativos o Projeto de Lei atualizando o piso dos professores. “Esperamos que o prefeito pense mais na valorização de nossos professores, já que foi um dos compromissos de campanha do mesmo. E nós, como fiscalizadores, nos cabe cobrar a aplicação correta da lei e uma maior atenção ao magistério público municipal”, finaliza o vereador.

VICE REPRESENTA PREFEITO EM PALESTRAS DA SEME COM DIRETORES E MONITORES DAS ESCOLAS DA REDE MUNICIPAL.

O auditório da Escola Municipal Ginásio São Gabriel foi o local de importantes palestras reunindo monitores (cuidadores ou facilitadores) e diretoras, que terão a responsabilidade de atuarem junto às escolas da rede municipal de ensinos Fundamental e Infantil. O prefeito Roque Montagner foi representado pelo vice-prefeito e secretário Geral de Governo, Evandro Obaldia Guedes, que desejou boas vindas e sucesso aos monitores neste início de ano letivo. O vice-prefeito destacou que o Governo Municipal tem um carinho muito grande por todos os alunos, e referindo-se a inclusão, uma atenção especial às crianças portadoras de necessidades.
Pela manhã, a Coordenadora do Setor de Inclusão da Secretaria Municipal de Educação, Jaqueline Pinheiro, abordou as atribuições dos monitores, orientando-os sobre as atividades do dia a dia. Ela destacou tópicos importantes, como motivação; envolvimento na dinâmica dentro da sala de aula; reconhecer a capacidade de cada aluno em aprender; importância da inclusão possibilitando que o aluno com necessidade especial interaja de forma igualitária com os demais; respeito; carinho e dedicação.
Já durante a tarde, a Coordenadora do Setor de Educação Infantil Diva Wallauer Gomes, explanou sobre noções gerais, enaltecendo a importância dos monitores em bem atender as crianças e também o valor de ser educador, entre outros importantes temas.
Segundo o vice Evandro Guedes, “o prefeito Roque nos deu a incumbência, juntamente com a equipe da SEME e CIEE (Centro de Integração Empresa Escola), de organizar, recrutar e acompanhar vocês que estão aqui presentes. Tenho certeza que a educação é um fator primordial e que cada um estará dando o melhor de si no acompanhamento aos alunos, proporcionando assim, cada vez mais uma educação com qualidade e excelência”, disse.
Ele afirmou que a solução para o desenvolvimento do Município, Estado e País é a educação, citando o exemplo do povo japonês, onde a cultura é um exemplo de educação, caráter e comportamento. Evandro Guedes ressalta que as pessoas bem educadas e com discernimento tem mais oportunidades no mercado de trabalho e colaboram decisivamente para uma sociedade mais justa. O vice-prefeito salientou a relevância de se ter paciência, atenção e comprometimento com todos os alunos da rede municipal de ensino.
Participaram ainda das palestras a Diretora Administrativa Branca Wiesel e a Coordenadora Pedagógica do Ensino Fundamental Naizy Machado, ambas da SEME, e a Coordenadora do CIEE Morgada.

CAMPUS SÃO GABRIEL DA UNIPAMPA PASSA A CONTAR COM RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO.

UNIPAMPA RESTAURANTE

Alunos, professores e servidores da Universidade Federal do Pampa, do Campus São Gabriel, tiveram acesso às primeiras refeições do Restaurante Universitário, na quarta-feira, dia 19. Neste primeiro dia de atendimento, 175 pessoas almoçaram no RU, segundo informações do chefe da Divisão de Apoio à Moradia e à Alimentação da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis e Comunitários (PRAEC), Gustavo de Carvalho Luiz.
Com essa estrutura, o Programa de Alimentação Subsidiada Talheres do Pampa vai proporcionar alimentação com preços acessíveis para alunos e servidores do campus. Além dos preços, o RU também conta com o trabalho de nutricionistas no acompanhamento dos cardápios. A empresa responsável pelo serviço do RU do Campus São Gabriel é a Refeivel, que também administra os RUs de São Borja e de Jaguarão. A data de inauguração oficial do RU São Gabriel é dia 27 de fevereiro.
O aluno Bruno Ramos, do sexto semestre de Ciências Biológicas, afirma que o início das atividades do RU vai facilitar a rotina dos estudantes que precisavam se deslocar até suas casas para o almoço e voltar para a Universidade em um curto período de tempo. Para atender a essa expectativa, o Restaurante Universitário servirá o almoço das 11 às 14h, o jantar entre as 18h e as 21h, além de vender lanches das 7h30 às 22h.
Preços das refeições

Aluno PBP – Gratuito
Aluno não contemplado pelo PBP – R$2,41
Servidores, alunos de pós-graduação e funcionários terceirizados – R$8,05

Alunos contemplados pelo Programa Bolsa Permanência (PBP), independente da modalidade de auxílio (alimentação, transporte e moradia) podem usar os serviços gratuitamente. Alunos não contemplados pelo PBP recebem desconto de 70% nas refeições e servidores, alunos de pós-graduação e funcionários terceirizados pagam o valor de R$8,05.
Para frequentar o RU é necessário que o aluno apresente o cartão de identificação estudantil. Alunos que não possuem o cartão devem apresentar o número de sua matrícula na Universidade. Servidores também podem acessar o RU, comprovando o vínculo com a instituição por meio do cartão ou digitando o seu SIAPE.

SISU 2014: PUBLICADO O EDITAL DE CONVOCAÇÃO DA LISTA DE ESPERA PARA VAGAS DE AÇÕES AFIRMATIVAS.

A Universidade Federal do Pampa publicou nesta quinta-feira, 20 de fevereiro, o edital de convocação da lista de espera para as vagas remanescentes no Processo Seletivo SISU UNIPAMPA 2014, modalidade de Ações Afirmativas. O edital 29/2014 traz todas as informações referentes aos endereços dos cursos, documentos requeridos e regras de funcionamento da convocação.
A chamada será presencial no dia 24 de fevereiro, das 14hs às 16hs. O edital (Ações Afirmativas) vai usar a Lista de Espera gerada pelo SISU para cada curso. As notas do ENEM constantes nessas listas servirão para classificar os candidatos presentes e os que se fizerem representar por procuradores na disputa pelas vagas.
No dia 25 de fevereiro será divulgada a classificação, no portal da UNIPAMPA, no site do Processo Seletivo e nos sites dos campi. As matrículas dos candidatos classificados dentro do número de vagas ocorrerão nos dias 26 e 27.

MAIS DE 28 MIL ALUNOS VOLTAM ÀS AULAS NA REGIÃO DA 19ª CRE.

Mais de 28 mil alunos serão recebidos por 2.018 professores para o início do ano letivo nesta segunda-feira (24), nas 57 escolas estaduais localizadas nos municípios de abrangência da 19ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), com sede em Santana do Livramento. A previsão é de que os 28.670 estudantes terminem o ano letivo em 19 de dezembro e tenham recesso de inverno entre 19 de julho e 3 de agosto. Para o período da Copa do Mundo, a Secretaria Estadual de Educação (Seduc) ressalta que, caso seja decretado ponto facultativo ou feriado, as escolas deverão organizar o calendário prevendo a recuperação do dia letivo e da carga horária.
Nesta quinta-feira (20), foi realizada em Porto Alegre, com transmissão simultânea para todas as Coordenadorias Regionais de Educação, a Conferência de Abertura do Ano Letivo de 2014. O evento, com palestras e debates, tem como objetivo promover espaço de formação para gestores, professores e servidores da rede para difusão de ideias e práticas que busquem uma educação de qualidade.
“Vivemos um momento de retomada de todas as frentes que articulam os fatores que produzem o ensino de qualidade. Equipes diretivas, supervisores e professores são agentes de mudança, num momento em que a escola exige outra função social: contribuir para que os estudantes possam construir novas concepções de mundo a partir da informação”, afirma o secretário estadual de Educação, José Clóvis de Azevedo.
Os estudantes da rede estadual, classificada como a segunda melhor do país no Enem, contam em 2014 com 200 novos ônibus escolares com bancos estofados e cintos de segurança, mais de 100 mil tablets, netbooks e computadores e 625 novos professores nomeados. Os cardápios oferecidos nas escolas estão de acordo com a Nota Técnica 01/2014, do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), que prevê restrição da oferta de açúcar, doces e preparações na alimentação escolar.

NOVE ESCOLAS CREDENCIADAS NO ESCOLA ABERTA EM TODA A REGIÃO.

O Programa Escola Aberta, desenvolvido pela Secretaria Estadual de Educação (SEDUC), é realizado em mais de cem escolas, que abrem suas portas durante os finais de semana para que a comunidade possa utilizar o espaço com atividades culturais e esportivas. Durante todo ano, no período letivo, as portas da escola abrem no sábado e domingo, das 9h às 12h e das 14h às 17h. Na região, as escolas que integram o projeto são:

E. E. E. B. Dr. Celestino Lopes Cavalheiro – São Gabriel
E. E. E. M. João Pedro Nunes – São Gabriel
E. E. E. M. Dr. Silvio Ribeiro – CAIC – Livramento
E. E. E. M. Cyrino Luiz de Azevedo – Livramento
E. E. E. M. Dr. Hector Acosta – Livramento
E. E. E. M. José Antônio Flores da Cunha – Livramento
E. E. E. M. Júlio de Castilhos – Livramento
I. E. E. Deputado Ruy Ramos – Rosário do Sul
I. E. E. Dr. Luiz Pacheco Prates – Quarai

SEME ANUNCIA AÇÕES NA ÁREA DE EDUCAÇÃO PARA 2014.

abertura do ano letivo
O ano de 2014 apresenta ações de desenvolvimento para todos os setores educacionais do Município. Segundo a secretária de Educação, professora Nilvanês Jobim, o Governo Municipal vai investir na ampliação do processo de acesso a Educação Infantil, oferecendo vagas para crianças de 3 anos e garantindo matrículas para todas numa faixa de idade entre 4 a 5 anos. Isso é visto como um desafio, disse a secretária. Até 2016, a SEME projeta atender 50% do público de 3 anos e 100% da demanda entre 4 e 5 anos, atendendo exigências do Plano Nacional de Educação (PNE). A explanação ocorreu durante o ato de abertura do ano letivo, no Banana Café, na manhã desta quinta-feira (20/02).
No mesmo segmento, a secretária anunciou a implantação do Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos para a Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância), e a construção de duas unidades previstas para os bairros Jardim Primavera e Gabrielense (Residencial Trilha), oferecendo 60 vagas para turno parcial e 120 para turno integral.
Além disso, durante o ano, serão ampliadas quatro escolas de Educação Infantil e inauguração a EMEI Pomares. Esta última já está concluída, mas ainda aguarda a estruturação interna. Assim que estiver apto para funcionamento, o educandário disponibilizará vaga para 120 crianças.
Durante o evento a secretária revelou que 80% das instituições de ensino não estão legalizadas e por isso não podem receber investimentos da União. “Somente quatro escolas de Educação Infantil estão com a documentação em dia”, comentou. Serão ampliadas 15 salas de aulas em quatro instituições, o equivalente a duas novas escolas de Educação Infantil.
O programa de ações ainda prevê aumento no contingente de pessoal. A Educação Infantil receberá reforço de professores para o berçário e de monitores, saltando de 80 profissionais em 2013 para 95 em 2014. Revisar o Plano de Carreira do Magistério, elaborar um Projeto Político Pedagógico e Regimento Escolar, construir um Plano Municipal de Educação baseado no Plano Nacional de Educação e ainda criar um Sistema Municipal de Ensino, são algumas das metas consideradas prioritárias.
O público estudantil do interior também será privilegiado com a construção de uma nova escola na região do Batovi. A nova instituição de ensino Catão Peres vai atender alunos dos assentamentos e das comunidades vizinhas. No outro lado do município, as escolas Mascarenhas de Moraes e Ernesto José Annoni terão as quadras de esportes cobertas. Também está em fase de aprovação, junto ao Conselho Estadual de Educação (CEE), o novo calendário das escolas do campo direcionado para as instituições Ernesto José Annoni, Mascarenhas de Moraes e Jerônimo Machado.
Na cidade, a secretária anunciou ampliação do programa de transporte escolar e implantação do Programa Ensino de Jovens e Adultos (EJA) diurno para séries iniciais (em local a ser definido) e salas de recursos, na área de educação infantil, na Escola Anadir Laureano, no Bairro Élbio Vargas. No mesmo bairro, o Governo Municipal construirá uma quadra de esportes coberta junto a Escola Telmo Menezes.
A abertura do ano letivo contou com a presença do prefeito Roque Montagner, autoridades e mais de 400 professores. As atividades organizadas foram realizadas nos dois turnos com a participação do palestrante Rodrigo Ribeiro, com os temas: “Arte na interdisciplinaridade” e “O despertar pedagógico”.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 2.611 outros seguidores